Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

"A minha Pátria é a Língua Portuguesa"

 

dia-lingua-portuguesa2021-rbe.png

 

https://pt.unesco.org/commemorations/

 

Sendo uma das línguas mais difundidas no mundo, com mais de 265 milhões de falantes espalhados por todos os continentes, o Português é uma das principais línguas de comunicação internacional.

 

Em 2019, a UNESCO decidiu proclamar o dia 5 de Maio de cada ano como Dia Mundial da Língua Portuguesa, data que já era comemorada desde 2009 pelos países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

 

 

dia-lingua-portuguesa2021fb.jpg

 

https://www.facebook.com/comunidade.paises.lingua.portuguesa/

 

Em 17 de Outubro de 2019 o Conselho Executivo da UNESCO aprovou, por unanimidade, a proposta dos países da CPLP para que este dia passasse a ser o Dia Internacional da Língua Portuguesa, facto que se assinala este ano 2021 pela segunda vez.

 

Unindo cerca de 260 milhões de falantes em quatro continentes, prevê-se que esta seja uma língua cada vez mais global e, que no final deste século, sejam 500 milhões a falá-la, o que lhe confere uma dimensão mundial justamente celebrada. 

 

 

dia-lingua-portuguesa2021-camoes1.jpg

 

https://www.instituto-camoes.pt/

 

Este ano, a comemoração do Dia Mundial da Língua Portuguesa procura constituir um meio de celebração da Língua e da sua dimensão crescentemente global, reflectindo e dando voz à multiplicidade de vozes que a compõe e que constitui um dos seus traços fundamentais.

 

 

 

 

Afirmar a Língua Portuguesa enquanto língua global de ciência, cultura, economia, diplomacia e paz é também objectivo da comemoração deste Dia que, como tal, procura envolver diferentes intervenientes e protagonistas destas múltiplas dimensões da Língua Portuguesa

 

 

dia-lingua-portuguesa2021-Todas_as_palavras_que_ha

 

Todas as Palavras que Hão-de Vir

Bruno Viera Amaral... [et al.] ; João Ribeiro de Almeida (nota introd.) 

João Neves, Cristina Caetano, Eduarda Cabral e Silva (coord. geral)

design: Leonel Duarte 

https://imprensanacional.pt/

 

Neste dia simbólico para a Língua Portuguesa,  a Imprensa Nacional e o Instituto Camões disponibilizam gratuitamente, nos respectivos sites, o livro Todas as Palavras que hão de Vir que reúne textos de vários escritores dos países de língua portuguesa de diferentes gerações que partilham um registo de vivências pessoais em torno desta língua que os une.

 

Todas as Palavras que hão de Vir é um título que celebra a dimensão da língua portuguesa como espaço de encontros e de projeção de futuros. 

 

Livro gratuito : Descarregar aqui

 

 

 

 

Propostas de Actividades*:

 

  • 1º Ciclo:

 

De entre um conjunto de obras literárias da lusofonia, disponibilizado pela biblioteca escolar, os alunos são convidados a escolher uma obra, registar num mapa a origem do respectivo autor, com a capa correspondente, seleccionar um excerto e gravar a leitura desse excerto.

As bibliotecas agregarão e partilharão os trabalhos produzidos com recurso a uma ferramenta digital. 

 

  • 2º e 3º ciclos:

 

Os alunos são convidados a explorar um conjunto de recursos que mostram que, ao longo dos tempos, a língua portuguesa foi enriquecida com inclusão de vocábulos de outras línguas e, por outro lado, a língua portuguesa deixou a sua marca noutras línguas, incluindo nelas várias palavras.

Posteriormente são convidados a criar um Dicionário Ilustrado de Importação & Exportação de Palavras. As bibliotecas agregarão e partilharão os trabalhos produzidos com recurso a uma ferramenta digital.

 

  • Ensino Secundário:

 

Com base em vídeos, os alunos debatem sobre a língua portuguesa, partindo de cada uma das afirmações aí formuladas. Em grupo os alunos, realizam pesquisas e preparam apresentações de exemplos que justifiquem essas afirmações.

Preparação de uma Exposição virtual sobre a importância da língua portuguesa no mundo.

As bibliotecas agregarão e partilharão os trabalhos produzidos com recurso a uma ferramenta digital.

*Propostas cedidas pela RBE

 

A Professora GSouto

 

05.05.2021

 

Licença Creative Commons

 

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor : Nunca sós com um livro

 

dia-mundial-livro2021-by-Adamastor-poster.png

 

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

créditos:  ilustradores Susana Diniz e Pedro Semeano

http://livro.dglab.gov.pt/

 

O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril.

 

A data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os cavaleiros oferecem às suas damas uma rosa vermelha de S. Jorge, e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do heróico cavaleiro.

Neste dia, comemora-se também o Direito de Autor.

 

O cartaz 2021 é da autoria dos ilustradores Susana Diniz e Pedro Semeano, dupla conhecida por Adamastor, Menção Especial do Prémio Nacional de Ilustração 2020 pelas ilustrações da obra Eu sou o Lobo – o rei da floresta portuguesa, com texto de Ricardo J. Rodrigues, publicada pela INCM/Pato Lógico.

 

 

dia-mundial-livro2021-by-Adamastor-banner.png

 

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

créditos:  ilustradores Susana Diniz e Pedro Semeano

http://livro.dglab.gov.pt/

 

A imagem do cartaz pretende ilustrar que, um ano após o início da pandemia, são os livros que continuam a abrir-nos o espaço de isolamento físico, mas que permitem que o pensamento floresça e que seja sempre mais livre, lançando a ideia que com livros nunca estamos sós.

 

 

livro-monte-dos-vendavais-domquixote.jpg

 

O Monte dos Vendavais

Emily Brontë

edições Dom Quixote, 2015

https://pt-pt.facebook.com/DomQuixote/

 

Clássicos da Literatura: O Monte dos Vendavais

 

Emily Brontë (1818-1848) foi uma escritora e poetisa britânica, autora de apenas um romance, O Monte dos Vendavais, que lhe valeu entrar na história da literatura universal. Embora tenha escrito apenas Wuthering Heights/Monte dos Vendavais e cerca de uma dúzia de poemas, é considerada como uma das escritoras mais talentosas. Talvez a intensidade de sua escrita tenha surgido das extraordinárias pressões de sua vida em família.

 

 

 

Charlotte, Emily, e Anne Brontë
créditos: Branwell Brontë (irmão)
 
 
 

Irmã de Charlotte e Anne, também escritoras, é, das três, aquela de quem menos se conhece. Sabe-se que em 1839, então com 20 anos, foi professora na Law Hill School, em Halifax, mas problemas de saúde obrigaram-na a abandonar o ensino e a permanecer em casa.  Aprendeu, sozinha, alemão e a tocar piano.

 

 

livro-monte-dos-vendavais-relogio-dagua.png

 

O Monte dos Vendavais

Emily Brontë

Prefãcio Hélia Correia

Clássicos Relógio d'Agua, 2007

https://relogiodagua.pt/

 

«Muita biografia se tem escrito sobre Emily, com grande monta de invenções, porque Emily não tem biografia. Atribui-se-lhe tudo o que pareça sustentável em passos do romance. Arranjam-se-lhe amores. Em vão. Nunca veremos a morada interior de Emily Jane. Sabemos só que alguma coisa dentro dela segregava alimento bastante para que o mundo lhe não fizesse falta. Chamou a essa coisa a “Imaginação” e celebrou o seu “poder benigno”.

 

Hélia Correia, do Prefácio



Quando O Monte dos Vendavais foi publicado, em 1847, um ano antes da morte de Emily, ninguém, entre críticos e leitores, acreditava que tinha sido escrito por uma mulher, devido às cenas de violência e de paixão sensual nele descritas.

 

Foi mesmo considerado demasiado lúgubre e chocante para os padrões daquela época. Mas apesar de ter recebido algumas críticas pouco positivas – quantas obras-primas não foram inicialmente olhadas com desconfiança e depois vivamente aplaudidas – foi mais tarde incluído no cânone da literatura inglesa e ainda hoje, mais de 200 anos depois, é um dos clássicos mais duradouros da literatura mundial.

 

 

livro-monte-dos-vendavais-relogio-dagua2016.png

 

O Monte dos Vendavais

Emily Brontë

Prefãcio Hélia Correia

Clássicos Relógio d'Agua, 2016

https://relogiodagua.pt/

 

Sinopse:


Um agricultor abastado – o senhor do Monte dos Vendavais – conhece o jovem Heathcliff, um rapaz pobre e abandonado, e resolve levá-lo consigo para fazer parte da sua família. Nos isolados campos do Yorkshire, Heathcliff acaba por se aproximar da filha mais nova do agricultor, Cathy, e o que começa por ser uma relação inocente entre duas crianças acaba, com o passar dos anos, por se transformar num amor obsessivo que levará toda a família à perdição.


O Monte dos Vendavais (tradução de Ana Maria Chaves) poético, complexo e grandioso, é a surpreendente história de um amor proibido que deixa um rasto de ira e vingança que irá perdurar no tempo como uma maldição e afectar as vidas de todos em redor.

Definitivamente uma obra-prima!

 

Nível de ensino: Secundário

 

Actividades:

 

  • Ler o clássico da literatura mundial. 

 

  • E porque na cadeia do livro todos somos precisos  escritor e ilustrador, editor, tradutor, revisor, designer, gráfica, distribuidora, livraria, mediador, biblioteca e leitor, a 23 de Abril vá à livraria da sua área de residência ou encomende um livro online, e leia ou envie para quem lhe é mais querido.

 

A Professora GSouto

 

23.04.2021

 

Licença Creative Commons

Dia Internacional da Música : Para celebrar !

 

dia-musica2020b.png

 

O Dia Mundial da Música é celebrado anualmente a 1 de Outubro, desde 1975. A data foi instituída em 1975 pelo International Music Council, uma instituição fundada em 1949 pela UNESCO, que agrega vários organismos e individualidades do mundo da música.

 

A primeira iniciativa foi do violinista e maestro americano Lord Yehudi Menuhin com o intuito de promover esta arte em todos os sectores da sociedade.

 

 

dia-musica2020.jpg

 

 

É também uma forma de realizar os ideais da UNESCO de solidariedade e paz entre os povos e de incentivo à troca de experiências e valores estéticos entre os mesmos.

 

Objectivos do Dia Mundial da Música:

  • Promover a arte musical em todos os setores da sociedade;
  • Divulgar a diversidade musical;
  • Aplicação dos ideais da UNESCO como a paz e amizade entre as pessoas, a evolução das culturas e a troca de experiências.

 

Neste dia decorrem vários concertos, em todo o país, de forma a celebrar o Dia Mundial da Música. Muitos destes concertos são de entrada livre. Este ano de pandemia, muito mais adequado.

 

Não deixes de partivipar em alguma actividade, concerto, no Dia Mundial da Música.

 

dia-musica-casa-musica2020.jpg

 

S'il vous plaît !

http://www.casadamusica.com/pt/

 

Comecemos pela Casa da Música. As Brigadas do Serviço Educativo Casa da Música estarão em vários pontos da cidade do Porto, para recolher testemunhos musicais em formato de histórias, a tocar um instrumento ou a cantar.

 

"Captar a música e a musicalidade das pessoas que andarão pela cidade no dia 1 de Outubro é a ideia base deste projecto. Para isso, iremos percorrer as ruas da cidade e incitaremos a população a expressar-se musicalmente. Cada pessoa poderá cantar uma canção da sua infância, do seu país, uma memória musical, o que lhe apetecer."

 

dia-musica-shutterstock2020.jpg

 

créditos: Shutterstock

 

Espaços:

🎶Casa da Música: 10:00 - 12:00
🎶Ribeira: 10:00 - 11:30
🎶Largo de São Domingos, Rua das Flores e Estação de São Bento: 11:30 - 12:30
🎶Rua de Cedofeita, Praça Carlos Alberto, Praça dos Leões, Clérigos e Miradouro da Vitória: 14:30 - 17:30
🎶Praça do Marquês, Rua de Santa Catarina, Mercado Temporário do Bolhão e Praça da Batalha: 14:30 - 17:30

 

Todo o conteúdo áudio e vídeo captado nesses momentos será depois trabalhado e apresentado online sob a forma de postais digitais, para que todos possam ver e ouvir,  podendo assim, uma vez mais, comprovar a "importância da música nas nossas vidas."

 

 

 

A Orquestra Clássica do Centro (OCC) assinala quinta-feira, 1 de Outubro, o Dia Internacional da Música, com um concerto pelo seu quarteto de cordas no Pavilhão Centro de Portugal em Coimbra.

 

 

dia-musica2020-coimbra.jpg

 

Dia Internacional da Música

https://www.noticiasdecoimbra.pt/

 

Programa:

 

Pelas 19h00, o quarteto vai presentear o público com obras de compositores com Ludwig van Beethoven, Wolfgang Amadeus Mozart, F. Schubert, M. Ravél, Schostakovich ou José Afonso.

 

O concerto contará com comentários do cirurgião Alexandre Linhares Furtado. A entrada é gratuita, mas sujeita a reserva prévia através do telefone ou email da OCC.

 

 

 

cartoon : Autor não identificado

 

 Escolas: Actividades musicais possíveis:

 

  • Convidar, um intérprete, cantor, grupo musical de uma Escola de Música para falar da importância da música nas suas vidas e no dia-a-dia; 
  • Passar um ou mais filmes que envolvam autobiografias de músicos, ou filmes musicais (todos os géneros);
  • Organizar convívio de alunos, pais que aprendem músca ou são músicos. Apoio com quizzes e jogos musicais;
  • Organizar uma exposição na biblioteca da escola, com apoio de professores currículos Música com instrumentos musicais reais, ou posters com instrumentos musicais, audição de Música adequado aos vários géneros musicais, fotografias e caricaturas de músicos, e outros;
  • Concerto com alunos da escola, várias turmas, e premiar o melhor grupo por categorias musicais;
  • Free concertos pais, estudantes, professores num ambiente descontraído e divertido.

 

dia-musica2020c.jpg

 

 

A Professora GSouto

 

01.10.2020

 

Licença Creative Commons

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor : Qual é o teu livro favorito ?

 

dia-mundial-livro2020.jpg

 

Dia Mundial do Livro 2020

illustração: Mariana Rio

https://www.facebook.com/rbeportugal/

 

O Dia Mundial do Livro celebra-se hoje envolto em restrições devido à pandemia de Covid-19.

 

Como sabemos, este dia relembra autores tão importantes como William Shakespeare, ou Miguel de Cervantes, entre outros.

 

Para o poster deste ano, foi convidada a ilustradora Mariana Rio, que desenhou a ilustração dedicada à efeméride, tendo em conta que este é um ano difícil para quem faz, vende, e lê livros.

 

A ideia base?  As pessoas também são feitas de livros e de leituras, e por isso Mariana Rio desenhou duas pessoas a conversarem e, numa espécie de radiografia ao corpo, percebe-se que também são feitas de livros.

 

Google Doodle:

 

 

Dia de São Jorge

illustrador: Robin Davey

https://www.google.com/doodles/

 

Celebra também São Jorge. E Google não esqueceu o Doodle comemorativo do nascimento deste santo que está associado ao Dia Mundial do Livro numa tradição que vem da Catalunha. Este ano, o seu ilustrador é Robin Davey.

 

Mais do que nunca, num momento em que a maioria das escolas em todo o mundo está fechada e  alunos, professores e famílias estão em confinamento, o poder dos livros pode servir de apoio para combater o isolamento, reforçar os laços entre as famílias e amigos, e expandir horizontes.

 

 

@UNESCO

 

UNESCO compartilhará citações, poemas e mensagens para simbolizar o poder dos livros, e incentivar a leitura o máximo possível. Infelizmente não há tradução dessas citações em Português. Apenas em quatro línguas.

 

Ao criar um sentido de comunidade através de leituras compartilhadas, os leitores de todo o mundo podem conectar-se e e apoiar-se mutuamente para ultrapassar a solidão.

 

 

 

Actividade:

 

  • No Dia Mundial do Livro, qual é o teu livro favorito?  Participa, indicando qual é o teu livro favorito nas tuas redes sociais.

 

  • Cria e compartilha uma mensagem positiva apoiando em leituras que tenhas feito. Usa hashtags #FiqueEmCasa #DiaMundialDoLivro #StayAtHome ou #WorldBookDay.

 

A Professora GSouto

 

23.04.2020

 

Licença Creative Commons

Dia Internacional da Música ? Dia de Festa para a Música !

 

 

 

Dia Internacional da Música

créditos: Autor não identificado via Musical U

 

O Dia Mundial da Música comemora-se anualmente a 1 de Outubro. A data foi instituída em 1975 pelo International Music Council, uma instituição fundada em 1949 pela UNESCO, que agrega vários organismos e individualidades do mundo da música.

 

A música é uma arte amada por milhões de pessoas espalhadas por todo o mundo, fazendo parte do nosso quotidiano. A música pode unir pessoas do mundo inteiro. É considerada um elemento imprescindível ao ser humano.

 

Não deixes de participar no Dia Internacional da Música. Todas as actividades são bem vindas.

 

Objectivos do Dia Internacional da Música:

 

  • Promover a arte musical em todos os setores da sociedade;
  • Divulgar a diversidade musical;
  • Aplicação dos ideais da UNESCO como a paz e amizade entre as pessoas, a evolução das culturas e a troca de experiências.

 

Neste dia decorrem vários concertos, em todo o país, de forma a celebrar o Dia Internacional da Música com muitos concertos de entrada livre.

 

 

dia-musica-casa-musica2019.jpg

 

Cidade com C

créditos: Casa da Música

@casadamusica

 

Comecemos pela Casa da Música e o Serviço Educativo Casa da Música comemoram o Dia Mundial da Música em vários locais do Porto, com a ajuda de alunos de escolas do ensino vocacional de música, sob a direcção de Daniel Sousa e Óscar Rodrigues.

 

dia-musica-casa-musica2019-stud.jpg

 

Concertos ao livre | Casa da Música

créditos: Casa da Música

https://www.facebook.com/casadamusica/

 

O Metro de Lisboa tem concertos gratuitos para celebrar este dia. Entre os dias 1 e 5 de Outubro podem assistir às actuações dos vencedores do concurso "Uma Mão Cheia de Bandas".

 

Para celebrar o Dia Internacional da Música, 1 de Outubro, o Metropolitano de Lisboa lançou um concurso para bandas amadoras (que nunca assinaram um contrato discográfico).

 

 

dia-musica2019-metrolx.jpg

 

Metro de Lisboa

via NIT.pt

 

“Uma Mão Cheia de Bandas” recebeu inscrições até ao dia 22 de Setembro e revelou dia  30 de Setembro, os cinco vencedores.

 

Destes concertos gratuitos fazem parte os grupos Bali, 4th District, The Dust, Jhon Douglas & JungleBoys e Mistah Isaac, respectivamente.

 

 

dia-musica2019-KetilHaugsandTaskin.jpg

 

Ketil Haugsand

http://www.museunacionaldamusica.gov.pt/

 

Já em Lisboa, no Museu da Música, e a propósito da celebração do Dia Internacional da Música, um concerto do cravista norueguês, Ketil Haugsand, no cravo Taskin de 1782, concerto integrado no ciclo "Um Músico, Um Mecenas".

 

Classificado como Tesouro Nacional, este cravo integra a coleção do Museu Nacional da Música, tendo sido recentemente restaurado, num processo que seria devidamente reconhecido, ao vencer um prémio APOM 2019 na categoria Conservação e Restauro.

 

 

 

dia-musica-jahas2019.png

 

 

Créditos : Jahas RockSchool Porto

https://www.facebook.com/JahasRockschool/

 

Ainda mais uma proposta da Jahas RockSchool. Celebrar a música entre alunos e professores será uma excelente proposta.

 

Mas há muitos outros concertos que decorrerão por todo o país para celebrar o Dia Internacional da Música. Estas são apenas algumas propostas musicais para um público mais juvenil, mas que leva a múisca a sério.

 

Actividades:

 

Querem melhor lição de música do que ouvir um concerto ao vivo? Uma autêntica aprendizagem que enriquecerá, e muito, o vosso currículo de Música.

 

Estou certa que o/a professor/professora de Música agendou uma saída escolar para uma visita de estudo musical.

 

Embora professora de Línguas, actualmente, fui durante muitos anos professora de música/piano também. E os alunos gostaram sempre muito da intertextualidade entre Música e Literatura. Mais tarde Literatura e Música.

 

Os currículos sairam sempre muito enriquecidos com esta fusão de Literatura e Música. E os alunos puderam participar activamente nas duas vertentes pedagógicas e culturais. Sempre com maravilhamento e muito empenho.

 

Experiências que ficaram para a vida. Minha e dos alunos.

 

A Professora GSouto

 

01.10.2019

 

 Licença Creative Commons

 

Dia Internacional da Língua Materna & Ano Internacional das Línguas Índígenas

 

interntional-mother-language-day2019.jpg

 

Dia Internacional da Língua Materna 2019*

https://en.unesco.org/

No dia 21 de Fevereiro celebra-se o Dia Internacional da Língua Materna. Esta efeméride foi proclamada pela UNESCO em 1999 e reconhecida formalmente pela Assembleia Geral das Nações Unidas; o episódio que lhe deu origem remonta a 1948.

 

Ao comemorar o Dia Internacional da Língua Materna pretende-se proteger todas as línguas faladas no Mundo, honrando tradições culturais e respeitando a diversidade linguística. Estima-se que metade das quase 7000 línguas faladas no Mundo esteja em risco de desaparecer; ora, como alerta, Directora-Geral da UNESCO, a perda de línguas empobrece a Humanidade.

 

O Dia Internacional da Língua Materna é observado desde Fevereiro de 1999 e promova a diversidade línguistica e cultural, bem como o multilingualismo

 

 

dia-lingua-materna2019.jpg

 

 

créditos: Autor não identificado

via Google Imagens

 

Saber +

 

Em 1948, o Governo do Paquistão (hoje Bangladesh) declarou o urdu como única língua oficial para todo o território. No entanto, a maioria de falantes tinha como língua materna o bengali, e por isso houve protestos.

 

Em 21 de Fevereiro de 1952, em Dhaka, durante uma manifestação em defesa do reconhecimento do bengali, estudantes universitários e activistas enfrentaram forças policiais. E muitos foram mortos enquanto protestavam pelo reconhecimento da sua língua - o bengalês - como um dos dois idiomas oficiais do então Paquistão.

 

dia-lingua-materna2019a.jpg

 

créditos: Autor não identificado

via Google Imagens

 

Língua Materna

 

A língua materna estrutura-nos, é a nossa raiz, individual e grupal. Aprendemo-la na infância, crescemos com ela e vamos intuindo (e ajuizando sobre) o funcionamento dela. Comunicamos, pensamos, sentimos, criamos com e pela língua materna; ela é sinónimo de identidade cultural.

 

A língua portuguesa tem cerca de 250 milhões de falantes.

 

 

dia-lingua-materna2019e.jpg

 

 

Crianças sírias em sala de aula campo refugiados norte de Gaza

créditos: UN Photo/Eskinder Debebe

http://www.un.org/

 

Mensagem:

 

Nesta 20ª edição do Dia Internacional da Língua Materna, é importante lembrar que todas as línguas maternas contam e são essenciais para construir a paz e apoiar o desenvolvimento sustentável.

 

A língua materna é essencial para a alfabetização, porque facilita a aquisição de competências básicas de leitura, escrita e contar nos primeiros anos de escolaridade. Essas competências são a base do desenvolvimento pessoal.

 

A língua materna é também uma expressão única da nossa diversidade criativa, uma identidade e uma fonte de conhecimento e inovação. Ainda há muito a fazer. A língua de ensino raramente é a língua materna dos alunos nos primeiros anos de escolaridade.

 

Segundo a UNESCO, "cerca de 40% dos habitantes do mundo não têm acesso à educação na língua que falam ou compreendem".

 

Audrey Azoulay, Directora-geral UNESCO

 

indigenous-people-languages-year2019a.jpg

 

https://en.iyil2019.org/

 

2019 é o Ano Internacional das Línguas Índigenas.  Será comemorado pela UNESCO e seus parceiros ao longo do ano de 2019.

A UNESCO lançou um site exclusivo para o IYIL2019, que contribuirá para a conscientização da necessidade urgente de se preservar, revitalizar e promover as línguas indígenas no mundo.

 

 Ir longe:

 

Actualmente, existem por volta de 6 000 a 7 000 línguas no mundo. Cerca de 97% da população mundial fala somente 4% dessas línguas, e somente 3% das pessoas do mundo falam 96% de todas as línguas existentes. A grande maioria dessas línguas, faladas sobretudo por povos indígenas, continuarão a desaparecer em um ritmo alarmante. Sem a medida adequada para tratar dessa questão, mais línguas se irão perder, e a história, as tradições e a memória associadas a elas provocarão uma considerável redução da rica diversidade linguística em todo o mundo.

 

Recursos:

 

No site oficial do Ano Internacional das Línguas Índigenas, podem encontrar informações sobre os planos para celebrar o IYIl 2019: acções e medidas a serem tomadas pela academia - escolas e universidades.

 

 

dia-lingua-materna2019f.jpg

 

 

Actividades:

Convidar alunos a :

 

  • Fazer uma pesquisa sobre línguas índigenas por exemplo dos Palop: Cabo Verde Guiné, Angola, Moçambique, outros, como Macau;

 

  • Se tem na sua turma alunos oriundos de um destes países, ou alunos migrantes acolhidos no nosso país, solicitar que eles se exprimem na sua língua materna, numa apredizagem multilimguísitca  na sala de aula;

 

 

miacouto-livro.jpg

 

 

O Beijo da Palavrinha

Mia Couto

editora Caminho

https://www.bertrand.pt/

 

  • Apronfundar o conhecimento de escritores como Mia Couto que tem participado no desenvolvimento do multiliguismo ao introduzir vocábulos em crioulo nas suas obras;

 

Nota: Livro recomendado 4º ano, leitura autónoma;

 

 

miacouto-livro2a.jpg

 

 

Mar me quer

Mia Couto

ilustração João Nasi Pereira

editora Caminho

https://www.wook.pt/

 

Nota: Livro recomendado 8º ano, leitura orientada.

 

 

  • Seguir no Twitter o hashtag #IMLD2019 em línguas estrangeiras curriculares: Inglês, Francês, Espanhol, Alemão;

 

  • Publicar tweets (conta escolas) elaborados pelos alunos a propósito do Ano Internacional das Línguas Índigenas e do multilinguismo;

 

  • Publicar tweets na língua materna - Português - acrescentando a en ajoutant hashtag #JILM2019;

 

Ao longo de 2019, poderão seguir todos os eventos do  Ano Internacional das Línguas Índigenas no site oficial. E por que não partilhar algumas das Actividades mais interessantes desenvolvidas nos currículos sobre esta temática.

 

Os alunos poderão descobrir recursos, vídeos, imagens e outros, e aproveitar a rica variedade de actividades.

 

A Professora GSouto

 

21.02.2019

 

* O Poster do Dia Internacional da Língua Materna não estar disponível em Português.

 

Licença Creative Commons

 

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor : Ler é meu direito ! Sugestões

 

dia-mundial-livro2018.jpg

 

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

créditos: Luisa Ferreira (fotogradia/ LUPA (designer)

http://www.dglb.pt/

 

Todos os anos, escrevo sobre o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor. Tem a ver com o meu imenso gosto pela leitura. E foi esse sentimento que tentei passar aos meus alunos desde 2006 neste blogue, mas muitos anos antes em ensino presencial.

 

Sobre o Cartaz:

 

O cartaz deste ano, baseado numa fotografia que a fotógrafa Luísa Ferreira concebeu no Arquivo Nacional Torre do Tombo, com design da LUPA Designers, pretende "transmitir, metonimicamente, que um livro cruza justamente tudo isto: tempo, espaço, língua, cultura, imagem, suporte, fotografia, escrita, mas também uma leitura e muitas leituras, prazer e fruição."  

 

dia-mundial-livro2018b.jpg

 

 

 http://www.dglb.pt/

 

 

 Tema 2018:

 

"Ler é meu direito!"

 

Saber + 

 

Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Pretende anualmente promover o prazer da leitura e o respeito pelos livros e pelos seus autores.​ Um dos aspectos pelo qual batalhei desde sempre junto dos alunos. Direitos de autor, ainda nem se falava nisso nas escolas. 

 

Os autores eram citados em contexto educativo, sem se ter o cuidado de informar que autor ou obra.

 

 

dia-mundial-livro2018a.jpg

 

 
Já todos sabemos,também que a data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os homens oferecem às suas «damas» uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como ShakespeareCervantes e Garcilaso de la Vega, falecidos em Abril de 1616.
 
 
 
 

ano-europ-cultur1.png

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

 
Ir + longe:

 

Como escrevemos no post Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, em 2018 celebra-se  o Ano Europeu do Património Cultural. Os Arquivos e as Bibliotecas pretendem relacionar a noção de Património com o valor cultural e intemporal do Livro e da Leitura. Sem dúvida, os livros são património cultural europeu e da Humanidade.

 

Resultando do conjunto de várias entidades, desde o autor ao leitor, passando pelo editor, tradutor, revisor, designer, ilustrador, tipógrafo, livreiro, animador da leitura, o Livro encontra o seu valor intemporal quando é lido e 'passado de geração em geração', de uma língua para outra língua, de um suporte para outro suporte de leitura.

 

 

dia-mund-livro2018.jpg

 

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

http://www.dglb.pt/

 

Livros:

 

No cartaz ofical do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, podemos reconhecer obras de Sophia de Mello Breyner, Fernando PessoaMário de Sá-Carneiro e José Saramago. Mas, convido-vos a percorrer os muitos posts que tenho dedicado a livros e autores portugueses e estrangeiros desde a criação de BlogdosCaloiros (2005)

 

Entre outros, Manuel António Pina, Agustina Bessa-Luís, José Luís PeixotoHélia Correia ou Luisa Dacosta.

 

Dos escritores estrangeiros, destaco Stephen Hawking, Jules Verne, Amy Krouse RosenthalBeatrix Potter, Miguel de CervantesLewis Carroll ou J.K. Rowling, claro!

 

 

Reading-REA.png

 

 

 créditos: Autor não identificado

via Google Images

 

 

Sugestões livros:

 

Mas há muitos mais autores e livros a pesquisar no BlogdosCaloiros. Façam-no! Vale a pena.

 

Como adoro ler, sempre me preocupei, ao longo dos anos, em ler muito nos currículos de Línguas e Cidadania. E também ia sugeririndo outras leituras aos alunos através deste blogue ou levando livros de literatura juvenil para a sala de aula. Lia então, pequenos excertos para que os alunos ficassem cativados, e fizessem as suas próprias escolhas.

 

 "Ler muito é um dos caminhos para a originalidade; uma pessoa é tão mais original e peculiar quanto mais conhecer o que disseram os outros."

 

Miguel Unamuno

 

 A Professora GSouto

 

23.04.2018

 

 Licença Creative Commons

 

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios : Ano Cultural Europeu 2018

 

dia-museus2018cartaz-oficial.jpg

 

 

 Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

 

Celebra-se hoje, dia 18 Abril, o Dia Internacional dos Museus e Sítios. Comemorado todos os anos, este dia dedicado ao património cultural abre-se aos Museus e Sítios de todo o mundo.

 

A Direção-Geral do Património Cultural, coordenadora nacional do DIMS, em colaboração com o ICOMOS Portugal, convida-nos a associar a esta comemoração através da participação nas iniciativas que decorrem em todo o país.

 

Prevêm-se cerca de 600 actividades, organizadas por 540 entidades em 160 concelhos. Entre visitas guiadas, exposições, concertos, roteiros culturais, a DGPC prevê uma adesão de 100 mil pessoas às diferentes iniciativas.

 

 

dia-museus2018.PNG

 

 

Ano Europeu do Património Cultura 2018

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

Tema 2018

 

"Património Cultural: de geração em geração."

 

O conceito "Património Cultural: de Geração para Geração" assenta na própria definição de "património cultural, enquanto legado de artefactos e construções físicas e atributos intangíveis de um grupo ou sociedade, herdados de gerações passadas, mantidos no presente e transmitidos para o benefício de gerações futuras”.

 

 

dia-patriom-cult2018a.jpg

 

 

Dinâmicas inter-geracionais do Património Cultural
Museu do Côa

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

 

A DGPC detalha, referindo as “mais de 800 iniciativas”, “até agora em 81 municípios”, destacando as previstas 257 visitas livres/orientadas e rotas patrimoniais, os 161 encontros e congressos, 122 exposições, 108 ateliês, 77 espetáculos e “muitas outras iniciativas, como lançamentos de publicações, festivais, campanhas de informação, animações de rua, concursos, recriações históricas, atividades de investigação, projetos digitais, documentários/filmes e sessões de leitura”.

 

dia-museus2018a.png

 

Saber +

 

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (DIMS), foi criado pelo Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios (ICOMOS) a 18 de Abril de 1982, e aprovado pela UNESCO no ano seguinte, com o objectivo de sensibilizar os cidadãos para a diversidade e vulnerabilidade do património, bem como para a necessidade da sua proteção e valorização.

 

Celebrando o património nacional, comemora também a solidariedade internacional em torno do conhecimento, da salvaguarda e da valorização do património em todo o mundo.

 

E este ano 2018 é ainda mais importante para todos nós europeus, dado que estamos a celebrar o Ano Europeu do Património Cultural

 

 

ano-europ-cultur1.png

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

 

Por iniciativa da União Europeia celebra-se este ano 2018, pela primeira vez, o Ano Europeu do Património Cultural. Enquadrado pelos grandes objectivos da promoção da diversidade e do diálogo interculturais e da coesão social, tem como objectivo chamar a atenção para o papel da cultura e do património no desenvolvimento social e económico na Europa e nas suas relações externas, e motivar os cidadãos para os valores comuns europeus.

 

 

 

 

 

Objectivos do AEPC 2018:

 

  • contribuir para a promoção do papel do património cultural europeu enquanto elemento central da diversidade e do diálogo inter-culturais;
  • potenciar o contributo do património cultural europeu para a economia e para a sociedade, através do seu potencial direto e indireto;
  • contribuir para a promoção do património cultural como um elemento importante da dimensão internacional da União Europeia.

 

 

Programa Geral

 

Actividades programadas para o dia 18 de Abril, Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2018 a consultar aqui

 

 

 

 

Auto da Ìndia/ Palácio Nacional de Sintra

Sala dos Cisnes

https://www.parquesdesintra.pt/event/

 

Actividades escolas:

 

Em Portugal é promovido um programa de actividades cujo acesso, na grande maioria, é gratuito.

 

A DGPC promove a divulgação do programa nacional do DIMS 2018, procurando cativar cada vez mais participantes para estas comemorações.

 

  • As escolas terão certamente programado várias visitas de estudo para seus alunos, de modo a que estes possam ter acesso ao património cultural do seu país, num ano especialamente importante para as novas gerações que é o Ano Europeu do Património Cultural.
  • As escolas, com o apoio dos Professores das várias áreas curriculares programaram Actividades variadas para celebrar o tema 2018: "Património Cultural: de geração em geração."

 

A Professora GSouto

 

18.04.2018

 

Licença Creative Commons

Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz

 

 

 

 

Dia Internacional do Desporto para 

o Desenvolvimento e a Paz

créditos: UNESCO

https://en.unesco.org/

 

Celebra-se hoje , dia 6 Abril o Dia  Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz. Em Agosto 2013, a Assembleia Geral das Nações Unidas tomou uma decisão histórica ao aprovar a criação de um Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz.

 

A data será assinalada a 6 de Abril, dado ter sido o dia da cerimónia de abertura dos primeiros jogos da era moderna em 1896, em Atenas, pelos estados-membro das Nações Unidas.

 

 

 

créditos : ONU Brazil

 

No âmbito desta decisão, a AG das Nações Unidas relembrou ainda o papel fulcral que o Comité Olímpico Internacional desempenha na promoção de estilos de vida saudáveis e na criação de acesso ao desporto ao maior número de pessoas possível em todo o mundo.

 

Valores:

 

O desporto é simultaneamente um esforço individual e colectivo, é uma actividade individual e uma prática colectiva; baseia-se nos princípios do respeito, compreensão, integração e diálogo, e contribui para o desenvolvimento e a realização pessoal do indivíduo, independentemente da sua idade, género, origem, das suas crenças e opiniões. Por tudo isto, o desporto assume um lugar privilegiado de acção e reflexão no processo de transformação das nossas sociedades.

 

 

 

Desporto, porquê?

 

O desporto tem desempenhado historicamente um papel importante em todas as sociedades, seja na forma de desportos competitivosactividades físicas ou jogos. Mas alguém pode perguntar-se:

 

O que tem o desportp a ver com as Nações Unidas? De facto, o desporto apresenta uma parceria natural para o sistema das Nações Unidas (ONU), incluindo a UNESCO:

 

  • O desporto ou actividades desportivas são direitos humanos que devem ser respeitados e aplicados em todo o mundo;

  • O desporto tem sido cada vez mais reconhecido e usado como uma ferramenta de baixo custo e alto impacto nos esforços humanitários, de desenvolvimento e construção da paz, não apenas pelo sistema das Nações Unidas, mas também por organizações não-governamentais (ONGs), governos, agências de desenvolvimento, desportos. federações, forças armadas e meios de comunicação;

  • O desporto não pode mais ser considerado um luxo em qualquer sociedade, mas sim um investimento importante no presente e no futuro, particularmente nos países em desenvolvimento.

 

 

 

 

Plano de Acção de Kazan

créditos: UNESCO

https://en.unesco.org/

 

Ir + longe:

 

A UNESCO desempenha um papel de liderança neste processo. O Plano de Acção de Kazan é disso um bom exemplo. Aprovado na Rússia, em 2017, pelos Ministros responsáveis pela Educação Física e Desporto, promove uma maior cooperação internacional em matéria de políticas desportivas e tem como objectivo permitir a vinculação directa entre políticas desportivas e os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030.

 

Goals-poster-pt.jpg

 

Objectivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030

https://en.unesco.org/

 

É nesse espírito que a UNESCO celebra no 6 de Abril, pelo quinto ano consecutivo, o Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz.

 

sportday2018e.jpg

 

 

Projecto Gogolf Europa

créditos : Comité Olímpico de Portugal

olimpicoportugal.pt/

 

Actividades:

 

Ao longo do dia, vai ser levar a cabo uma forte mobilização on-line, para a qual todas as escolas estão convidadas a participar, nomeadamente através das hashtag #IDSDP2018 e #Sport2030 e da partilha de eventos e actividades em plataformas como a Sportanddev.org.

 

Registo das actividades aqui

 

"Os valores do desporto são valores de universalidade e concordância. Neste dia unamos as nossas forças e entusiamo para que, através do desporto, contribuamos para a construção de um mundo de respeito, de partilha e de paz."

 

Audrey Azoulay, Directora-Geral UNESCO (excerto mensagem)

 

A Professora GSouto

 

06.04.2018

 

Licença Creative Commons

Dia Mundial da Sida : educação para a sexualidade !

 

 

sida5.jpg

 

http://www.aefpceup.pt/

 

Hoje, dia 1 de Dezembro é o Dia Mundial de Luta contra a Sida. Este ano, o tema é "My Health My Rights"- Minha Saúde, Meus Direitos - de modo a luta contra novas infecções com HIV, e de evitar de mais mortes relacionadas com SIDA

 

Este dia visa alertar as populaçõesa nível mundial para a necessidade de prevenção e de precaução contra o vírus da SIDA. Este vírus ataca o sistema sanguíneo e o sistema imunológico dos pacientes.

 

 

sida7.jpg

 

 

Tema 2017:

 

"Minha Saúde, Meu Direito."

 

 

Saber +

 

Este ano, a campanha do Dia Mundial da SidaMy Health, My Rights (lUNESCO), é focada para o direito à saúde, o direito de todos de terem direito a uma boa saúde física e mental. O nível mental é de extrema importância para o resultado de todos aqueles que já foram atingidos pelo vírus HIV.

 

campanha lembra que o direito à saúde é muito mais do que o acesso a serviços de saúde e medicamentos de qualidade, mas depende de uma série de salvaguardas importantes, como o acesso à educação sexual. CSE e ambientes de aprendizagem seguros e inclusivos.

 

A escola tem aqui um papel muito importante na informação e divulgção de meios para os jovens defenderem a sua sáude.

 

 

sida6.jpg

 

 

http://www.espacolusofono.org/dia-mundial-da-luta-contra-a-sida/

 

Ir + longe

 

Este dia tem ainda como objectivo lembrar todas as vítimas que morreram ou estão infectadas com o vírus HIV.

 

A SIDA ou VIH (Vírus da Imunodeficiência Humana) foi descoberta em 1981 e já matou mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo. 

 

Pelo menos 2,5 milhões de pessoas contraíram o VIH em 2017 ano em que se calcula que viviam, em todo o mundo, 36,7 milhões de pessoas infectadas (2016), 20.9 milhôes de pessoas infectadas mas com tratamento até Julho 2017. 1,8 milhôes de pessoas ingectadas pela primeira vez (2016).

 

Os números são da agência das Nações Unidas para a Sida (ONU/AIDS).

 

 

sida8.jpg

 

 

É amplamente sabido que o sucesso da educação depende muito do estado de saúde dos alunos, bem como factores que a influenciam, como comportamentos relacionados à saúde, situações de risco ou o uso de serviços de prevenção.

 

Estudos têm mostrado que as meninas adolescentes que recebem educação sexual de qualidade,associada com o apoio de profissionais treinados, têm 40% menos de risco para lidar com gravidez precoce ou indesejável e 30% de possibilidade adicional de concluirem o ensino secundário.

 

Actividades: 

 

  • Alunos:

Se pretendes informação e até apresentar um trabalho sobre o vírus da Sida, podes consultar os seguintes sítios web:

 

Word Aids Day 2017 | UN

http://www.un.org/en/events/aidsday/

Word Aids Day 2017 | UNESCO

https://en.unesco.org/themes/health-education/world-aids-day

UNAIDS

http://www.unaids.org/en/resources/campaigns/right-to-health

http://www.unesco.org/new/en/hiv-and-aids/our-priorities-in-hiv/educaids/

 

  • Professores:

UNESCO dispõe de vários recursos a serem consultados aqui e aqui (Right to Health);

 

Em Portugal, o Programa Nacional para a Infecção do VíH/SIDA aqui ou aqui (videos)

 

 

"Minha Saúde, Meu Direito."

 

A Professora GSouto

 

01.12.2017

 

 Licença Creative Commons