Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Dia Internacional do Livro Infantil : Fome de Palavras : livros !

 

dia-livro-infant2020-DGLAB.jpg

 

Dia Internacional do Livro Infantil

cartaz : André Letria

http://dglab.gov.pt/

 

Celebrou-se ontem dia 2 Abril o Dia Internacional do Livro Infantil. E por que razão o dia 2 Abril? Porque concide com a data aproximada do nascimento de Hans Christian Andersen, 1805. Daí que 215 anos depois, seja comemorado nesta data o Dia Internacional do Livro Infantil

 

O cartaz português é de autoria do André Letria, vencedor do Prémio Nacional de Ilustração em 2019. De André Letria já conhecemos o livro A Guerra com texto de José Jorge Letria. E também A Maior Flor do Mundo com texto, como sabemos de José Saramago entre outros.

 

childrens-book-day2020.png

 

International Children's Book Day
Poster illustrated by Damijan Stepančič

 

Tema 2020: A Fome de Palavras

 

Para comemorar o dia dedicado a Hans Christian Andersen, o IBBY Internacional divulgou, um cartaz e uma mensagem, este ano, da responsabilidade da Eslovénia.

 

O texto é da autoria do escritor Peter Svetina, e o cartaz foi criado por Damijan Stepančič. 

 

Tema 2020: A Fome de Palavras

 

E aqui temos um excerto da mensagem de Peter Svetina:

 

“Conheço um menino que foi operado aos olhos. Depois da cirurgia, teve de ficar duas semanas deitado sobre o lado direito. Durante um mês, não pôde ler, não pôde ler mesmo nada. Quando ao fim de um mês e meio pegou finalmente num livro, parecia que o livro era uma tigela onde apanhava palavras à colher. Como se as comesse. Como se verdadeiramente as comesse.”

Hunger of Words, para ler em inglês aqui

 

 

dia-livro-infantil2020-A-Maior-Flor-do-Mundo.jpg

 

A Maior Flor do Mundo

José Saramago

illustração: André Letria

Caminho, 2013

https://andreletria.pt/

 

"E se as histórias para crianças passassem a ser de leitura obrigatória para os adultos?
Seriam eles capazes de aprender realmente o que há tanto tempo têm andado a ensinar?"

 

Particularmente gosto deste  excerto em tradução livre:

 

"E eu conheço uma menina que cresceu para ser professora. Ela disse-me: crianças a quem os pais não leram ficam mais pobres."

 

Neste ano de confinamento devia à pandemia que alastra pelo mundo, nunca como hoje, os pais têm uma importância capital na leitura em voz alta para seus filhos, ou no apoio a leituras de livros que os mais velhos não fariam.

 

 

dia-livro-infantil-Estranhão.jpg

 

O Estranhão 

O Dia em que as Vacas Voaram

Álvaro Magalhães

illustração: Carlos J. Campos

 

Provavelmente, conheces já a coleção de livros O Estranhão. A figura principal é Fred, um miúdo de 11 anos, com uma inteligência acima da média, a quem acontecem coisas esquisitas. As histórias são contadas através de palavras e desenhos: as palavras são de Álvaro Manuel Magalhães; os desenhos, de Carlos J. Campos. 

 

 

dia-livro-infantil2020-As-Naus-de-Verde-Pinho.jpg

 

As Naus de Verde Pinho

Viagem de Bartolomeu Dia 

contada à minha filha Joana

Manuel Alegre

https://www.fnac.pt/

 

Nunca a história da viagem de Bartolomeu Dias foi tão fácil de aprender. Num estilo muito próprio, Manuel Alegre conta aos mais novos, em verso, esta magnífica aventura empreendida por um extraordinário Capitão que levou no coração o país a navegar. Muitos perigos enfrentou e muitas batalhas travou e venceu para que o nome de Portugal nunca mais fosse esquecido.

 
 

Para ti, que gostas de livros e que acreditas que a tua vida seria muito chata sem histórias, deixo-te algumas sugestões para comemorares este dia especial, e estas duas semanas que estarás em casa, mas de férias lectivas Páscoa.

 

Se bem que, como sabes, os livros são sempre uma boa companhia todos os dias do ano. Boas leituras!

 

A Professora GSouto

 

03.04.2020

 

Licença Creative Commons

Dia Europeu (Mundial) das Doenças Raras : O que saber ? Como apoiar ?

 

raredesease-day2020-poster.jpg

 

Rare Disease Day 2020

https://www.rarediseaseday.org/

 

Hoje, 29 de Fevereiro, comemora-se o Dia Europeu das Doenças Raras cujo objectivo principal é sensibilizar a sociedade para as doenças raras e o seu impacto na vida dos pacientes

 

Tema 2020:

 

"Raro é ser muitos, raro é ser forte, raro é ter orgulho nisso!"

 

 

 

https://www.eurordis.org/

 

A organização deste dia de sensibilização é coordenada pela organização europeia para as doenças raras, EurordisRare Diseases Europe, e resulta da colaboração com alianças nacionais de doenças raras de todo o mundo.

 

dia-doencas-raras.jpg

 

Dia Europeu das Doenças Raras

https://www.sns.gov.pt/

 

Saber +

 

Realizado no último dia de Fevereiro de cada ano, assinalado pela primeira vez em 2008, o Dia das Doenças Raras visa sensibilizar a sociedade para os problemas com que a comunidade das doenças raras se defronta.

 

A Eurordis é uma aliança não-governamental, sem fins lucrativos, que reúne mais de 700 associações de doenças raras, de mais de 60 países, que trabalham juntas para melhorar a vida dos 30 milhões de pessoas com doenças raras na Europa.

 

 

 

O que é uma doença rara?

 

Na Europa, uma doença ou perturbação é definida como "rara" quando afecta menos de 1 por 2000 habitantes. Uma doença rara  pode afectar apenas  um punhado de doentes  na Europa, mas outra pode chegar  a atingir 245 000 pessoas.

 

Existem mais de 6000 doenças raras. No total, as doenças raras podem afectar 30 milhões de cidadãos da União Europeia. 80% das doenças raras são de origem genética; frequentemente são crónicas e potencialmente fatais.

 

eventos em muitos países. Procura no mapa o teu país e os eventos que nele se celebram de apoio.

 

 

 

https://www.rarediseaseday.org/

Apoio:

 

 

  • Organizar eventos na tua escola, de sensibilização comunidade escolar. 

 

  • Tenta conhecer casos de doenças raras entre os alunos da tua escola, e presta o teu apoio.

 

A Professora GSouto

 

29.02.2020