Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Top posts mais lidos 2017 : semestre #1

 

 

 

 

Festividades Natal

www.google.com/images

 

Fazendo uma retrospectiva do ano que terminou, 2017 foi um ano cheio! Recursos educativos digitais que serviram de apoio a muitos jovens professores, a alunos ensino básico (6º ao 9º anos), bem como a alunos do ensino secundário.

 

Tal como já fiz em anos anteriores, 2015 e 2016, partilho então o Top dos posts mais lidos de 2017, semestre #1 de BlogdosCaloiros.

 

O blogue que teve como objectivo, ao ser criado, introduzir as tecnologias nos currículos escolares de Língua Portuguesa e apoiar, como recurso educativo digital, as competências e aprendizagens de 2005 (ano em que foi criado) e 2009 (ano em que me retirei do ensino presencial). O BlogdosCaloiros (assim denominado porque os alunos eram caloiros naquela escola) contou com participação activa de muitos alunos ao longo desses anos.

 

 

 Tecnologias educativas

 

Propostas de actividades de enriquecimento curricular mais informal que passou pela introdução das ICT nos currículos escolares, tendo sido um dos primeiros blogs educativos em Portugal.

 

A partir de 2010, tem continuado esse objectivo pedagógico, mas agora mais destinado a apoiar todos os leitores que pretendam alargar conhecimentos, jovens professores que buscam diferentes recursos para introduzir nas suas aulas, estudantes que são bem curiosos e gostam de aprender sempre mais.

 

Os conteúdos contemplam vários temas: literatura, ciência, língua portuguesa, matemática, ambiente, livros, filmes, jogos, cultura, cidadania, e recursos educativos digitais na sua maiora para apoio do ensino e aprendizagem da Língua Portuguesa.

 

Top dos posts du 1º semestre 2017 :

 

Dia Mundial da Criança : A Minha Vida de Courgette : explorar em sala de aula

Beatrix Potter : 150º Aniversário Nascimento : novo livro

Dia Internacional da Escrita à Mão

Harry Potter e A Pedra Filosofal faz 20 anos ? Livros & recursos

Billy Elliot : um filme a explorar em currículos escolares !

Escritores no Palácio de Belém : Encontro (s) com alunos

Sandford Fleming : inventor dos fusos horários

Dia Internacional Livro Infantil & Feira do Livro Infantil Bologna

Ler na sala de aula : Prémio Fundación Cuatrogatos 2017

Dia de S. Valentim : Vamos jogar para apoiar o Pangolim ?

Voltando a Anne Frank : novos dados históricos ?

Noite dos Livros Harry : Vamos celebrar os Professores de Hogwarts ?

Dia Mundial do Teatro : vamos ao teatro ?

Hora Planeta 2017 : Vamos aderir, claro !

Ler Amy Krouse Rosenthal : Livros infantis ? Não só !

Monstrinha 2017 : festival de animação para escolas & famílias

Nos Olhos de Uma Tartaruga : ler para uma educação ambiental

Salvador Sobral : o cantor jazz que venceu Eurovisão 2017 !

Ler para saber : Livros sobre 25 Abril

Dia Mundial do Livro & dos Direitos de Autor vs. Abolição Pena de Morte Portugal

Tributo a Garrick Ollivander / John Hurt : Harry Potter

Dia Internacional dos Museus e Sítios : Património Cultural e Turismo Sustentável

Celebrar Dia Intl dos Museus e Noite Europeia dos Museus !

Sabe o que é Mecanismo de Antikythera ? Falemos de arqueologia !

 

 

 

Plant a Kiss

Amy Krouse Rosenthal

illustração: Peter H Reynolds

http://www.harpercollinschildrens.com/

 

Meu crush do semestre #1 ? Ler Amy Krouse Rosenthal : Livros infantis ? Não só !  E por que razão ? Já havia publicado um post dedicado aos livros infantis desta jovem escritora norte-americana que conheci via internet a propósito da Feira do Livro Infantil de Bologna (2009).

 

Soube que Amy Krouse Rosenthal, um espírito criativo e profundamente bondoso, morreu prematuramente vítima de doença prolongada este ano. Não poderia deixar de a homenagear.

 

 

 

That's Me Loving You
Amy Krouse Rosenthal
ilustração: Teagan White
Random House, Dez. 2016

 

 

E a sua última mensagem/ livro merece ser relembrada:

 

Wherever you are,
Wherever you go,
Always remember
And always know. . . 

That feeling you always have in your heart?
That’s me loving you.
 
 
Amy Krouse Rosenthal, That's Me Loving You

 

Se quer agora divulgar algum dos meus posts, use um dos ícones das redes sociais. Não esquecendo, os direitos de autor, referindo-os. E por que não deixar um comentário? Fico a aguardar.

 

Que o ano 2018 seja de sucesso para todos aqueles que têm a paixão de ensinar e que vêem nos seus alunos, espíritos criativos. Preparar os alunos para o futuro multidisciplinar deve ser uma das funções-chave de todos os professores e das escolas.

 

Para os estudantes que visitam BlogdosCaloiros, excelentes resultados académicos.

 

Bom Ano 2018!

 

A Professora GSouto

 

02.01.2018

 

Licença Creative Commons

Dia Mundial da Sida : educação para a sexualidade !

 

 

sida5.jpg

 

http://www.aefpceup.pt/

 

Hoje, dia 1 de Dezembro é o Dia Mundial de Luta contra a Sida. Este ano, o tema é "My Health My Rights"- Minha Saúde, Meus Direitos - de modo a luta contra novas infecções com HIV, e de evitar de mais mortes relacionadas com SIDA

 

Este dia visa alertar as populaçõesa nível mundial para a necessidade de prevenção e de precaução contra o vírus da SIDA. Este vírus ataca o sistema sanguíneo e o sistema imunológico dos pacientes.

 

 

sida7.jpg

 

 

Tema 2017:

 

"Minha Saúde, Meu Direito."

 

 

Saber +

 

Este ano, a campanha do Dia Mundial da SidaMy Health, My Rights (lUNESCO), é focada para o direito à saúde, o direito de todos de terem direito a uma boa saúde física e mental. O nível mental é de extrema importância para o resultado de todos aqueles que já foram atingidos pelo vírus HIV.

 

campanha lembra que o direito à saúde é muito mais do que o acesso a serviços de saúde e medicamentos de qualidade, mas depende de uma série de salvaguardas importantes, como o acesso à educação sexual. CSE e ambientes de aprendizagem seguros e inclusivos.

 

A escola tem aqui um papel muito importante na informação e divulgção de meios para os jovens defenderem a sua sáude.

 

 

sida6.jpg

 

 

http://www.espacolusofono.org/dia-mundial-da-luta-contra-a-sida/

 

Ir + longe

 

Este dia tem ainda como objectivo lembrar todas as vítimas que morreram ou estão infectadas com o vírus HIV.

 

A SIDA ou VIH (Vírus da Imunodeficiência Humana) foi descoberta em 1981 e já matou mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo. 

 

Pelo menos 2,5 milhões de pessoas contraíram o VIH em 2017 ano em que se calcula que viviam, em todo o mundo, 36,7 milhões de pessoas infectadas (2016), 20.9 milhôes de pessoas infectadas mas com tratamento até Julho 2017. 1,8 milhôes de pessoas ingectadas pela primeira vez (2016).

 

Os números são da agência das Nações Unidas para a Sida (ONU/AIDS).

 

 

sida8.jpg

 

 

É amplamente sabido que o sucesso da educação depende muito do estado de saúde dos alunos, bem como factores que a influenciam, como comportamentos relacionados à saúde, situações de risco ou o uso de serviços de prevenção.

 

Estudos têm mostrado que as meninas adolescentes que recebem educação sexual de qualidade,associada com o apoio de profissionais treinados, têm 40% menos de risco para lidar com gravidez precoce ou indesejável e 30% de possibilidade adicional de concluirem o ensino secundário.

 

Actividades: 

 

  • Alunos:

Se pretendes informação e até apresentar um trabalho sobre o vírus da Sida, podes consultar os seguintes sítios web:

 

Word Aids Day 2017 | UN

http://www.un.org/en/events/aidsday/

Word Aids Day 2017 | UNESCO

https://en.unesco.org/themes/health-education/world-aids-day

UNAIDS

http://www.unaids.org/en/resources/campaigns/right-to-health

http://www.unesco.org/new/en/hiv-and-aids/our-priorities-in-hiv/educaids/

 

  • Professores:

UNESCO dispõe de vários recursos a serem consultados aqui e aqui (Right to Health);

 

Em Portugal, o Programa Nacional para a Infecção do VíH/SIDA aqui ou aqui (videos)

 

 

"Minha Saúde, Meu Direito."

 

A Professora GSouto

 

01.12.2017

 

 Licença Creative Commons

Sabe quem é Sir John Cornforth ? Prémio Nobel da Quimica 1975

 

 

doodle-sir-john-cornforths-100th-birthday.jpg

 

Google Doodle 100º Aniversário de Sir John Cornforth

https://www.google.com/doodles/

 

Google homenageia hoje, dia 7 Setembro, um Doodle a  Sir John Cornforth (1917-2013), laureado com Prémio Nobel da Qumica em 1975. 

 

 

doodle-sir-John_Cornforth.jpg

 

Sir John Cornforth

https://en.wikipedia.org/

 

Saber +

 

Sir John Cornforth, nasceu em Sydney, Austrália, em 1917. Aos vinte anos ficou surdo devido a uma otosclerose. Frquentou a escola Sydney Boys, onde se destacou academicamente, nas disciplinas de inglês, matemática, ciência, francês, grego e latim.

 

Mas foir seu professor de Química, Leonard "Len" Basser que o inspirou para seguir a carreira da Química. Cornforth formou-se como dux da classe de 1933 no Sydney Boys 'High Schoo. Tinha 16 anos de idade.

 

Entrou no campo da química orgânica na Universidade de Sydney, e incapaz de ouvir as palestras dos seus professores durante as aulas na Universidade de Sydney, ele lia todos os manuais de química.

 

 

doodle-sir-John_Cornforth2.jpg

 

 Sir John Cornforth e Rita Harradence na Universidade de Sydney 

créditos: Wikimedia Commons

https://en.wikipedia.org/

 

Aí conheceu  a farmacêutica Rita Harradence. Ela quebrara um balão no laboratório e pediu a Cornforth - um soprador de vidro consumado - para repará-lo.

 

Assim, começou uma longa parceria profissional e romântica. Em 1939, Cornforth e Harradence ganharam bolsas de estudo para estudar em Oxford. Casaram dois anos depois.

 

Em Oxford, influênciaram profundamente o estudo da penicilina durante a II Guerra. Juntos, escreveram mais de 40 artigos científicos. 

 

 

doodle-sir-John_Cornforth1.jpg

 

Sir John Cornforth

créditos: United Press

http://www.nytimes.com/2013/

 

Sir John Cornforth recebeu o Nobel da Química de 1975, juntamente com Vladimir Prelog, pelo seu trabalho na estereoquímica das reacções de catálise das enzimas. Suas conclusões abriram a porta para muitas descobertas, incluindo o desenvolvimento de medicamento que reduzem o colesterol.

 

Quando o Prémio Nobel foi anunciado, no comunicado oficial distribuido à imprensa admitiu que "este assunto é difícil de explicar aos leigos".

 

 

doodle-sir-John_Cornforth3.png

 

Sir John Cornforth

https://www.sciencereviews2000.co.uk/

 

Mas o seu trabalho investigando as enzimas que causam mudanças nos compostos orgânicos o ajudou a descrever a biossíntese do colesterol, pelo qual recebeu o Prémio Nobel.

 

Cornforth recebeu város prémios. Foi membro da Royal Society e seguiu activamente a pesquisa no campo da Quimica na Universidade de Sussex. Em 1975 foi condecorado também com o Prémio Australiano do Ano. Em 1976, foi nomeado cavaleiro .

 

Sir John Cornforth também influenciou significativamente a compreensão da penicilina, incluindo como purificá-la e concentrá-la. Continuou sua pesquisa na Universidade de Sussex até sua morte em2013. Tinha 96 anos.

 

 

 Actividades:

 

O ano lectivo está praticamente a começar. Um excelente assunto a debater área curricular de Química. 

 

A Professora GSouto

 

09.09.2017

 

 Licença Creative Commons

Dia Mundial de Luta contra a Sida

 

 

 

  

http://www.unaids.org/

 

 Hoje, dia 1 de Dezembro é o Dia Mundial de Luta contra a Sida. Este ano, o tema é "Getting to Zero: Zero de novos infectados com HIV, Zero discriminação, Zero mortes relacionadas com SIDA

 

Este dia visa alertar as populações para a necessidade de prevenção e de precaução contra o vírus da SIDA. Este vírus ataca o sistema sanguíneo e o sistema imunológico do doente.

 

 

http://www.un.org/

 

 

Saber +

 

A data tem ainda como objectivo lembrar todas as vítimas que morreram ou estão infectadas com o vírus HIV.

 

A SIDA ou VIH (Vírus da Imunodeficiência Humana) foi descoberta em 1981 e já matou mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo. 

 

Pelo menos 2,5 milhões de pessoas contraíram o VIH em 2011, ano em que se calcula que viviam, em todo o mundo, 34 milhões de pessoas infectadas. Destas pessoas, 23,5 milhões estão na África sub-sariana, cinco milhões na Ásia, 1,4 milhões na América Latina, 1,4 milhões na América do Norte, 900 mil na Europa, 300 mil no Médio Oriente e África setentrional, 230 mil no Caribe e 53 mil na Oceânia.

 

Os números são da agência das Nações Unidas para a Sida (ONU/AIDS).

 

 

 

 

UNESCO 

https://www.facebook.com/unesco/

 

Ir + longe:

 

A África sub-sariana continua a ser a região mais afectada do mundo, com um em cada 20 adultos infectados com o VIH, o que representa 69 por cento da população mundial que vive com o vírus.

 

As infecções na Europa de Leste e na Ásia Central também começaram a aumentar desde meados da década de 2000.

 

Segundo o relatório, Moçambique, África do Sul, Jamaica, Quénia, México, Serra Leoa, Níger ou Tailândia são alguns dos países com comportamentos positivos.

 

Em sentido oposto surgem Bangladesh, Geórgia, Guiné-Bissau, Indonésia, Cazaquistão, Quirguistão, Filipinas, Moldávia e Sri Lanka aumentaram em pelo menos 25 por cento o número de novas infecções.

 

 

 

 

 

Esta é a mensagem de Bill Gates fala-nos da importância do Dia Mundial contra a SIDA como sendo uma oportunidade de todos os países se unirem para lutar contra o vírus HIV, e todas as pessoas se unirem para apoiar os que estão infectados com o vírus, lembrando ao mesmo tempo, todos os que já morreram.

 

A educação é o melhor caminho para a erradicação da SIDA. 

 

 

 

 

Actividades: 

 

  • Alunos:

 

Se pretendes informação e até apresentar um trabalho sobre o vírus da Sida, podes consultar os seguintes sítios web:

 

Word Aids Day 2012 | UN

http://www.un.org/en/events/aidsday/

EDUCAIDS

http://www.unesco.org/new/en/hiv-and-aids/our-priorities-in-hiv/educaids/

 

  • Professores:

 

A UNESCO dispõe de vários recursos a serem consultados aqui. Em Portugal, o Programa Nacional para a Infecção do VíH/SIDA aqui

 

 

 

 

Para todos, um bom trabalho! E não esqueçam o lema:

 

"Não se deixe infectar pela dúvida. Informe-se."

 

A Professora GSouto

 

01.12.2012

 

Licença Creative Commons

 

Literatura juvenil : Moby Dick e outras histórias de Herman Melville

 

 

Google doodle 161º Aniversário da 1ª publicação de Moby Dick

https://www.google.com/doodles/

 

Google, vosso motor de busca favorito, Google, celebra hoje o 161º aniversário da primeira publicação de 

Moby Dick, o romance mais famoso do escritor norte-americano Herman Melville.

 

Moby Dick foi publicado pela primeira vez há 161 anos. Para os que não leram o livro que faz parte do Plano Nacional de Leitura, esta obra é considerada o romance mais importante da literatura norte-americana.

 

 

 

 

Moby Dick

Herman Melville

https://www.amazon.com/

 

 

Saber +

 

Falemos um pouco do seu autor. Herman Melville nasceu em 1819 em Nova Iorque, filho de uma família aristocrata. Mais tarde, partiu com os pais para Albany.

 

A morte do pai, dois anos depois, marcou o fim da sua educação e o início das sua aventuras marítimas. Melville embarcou em 1839 num navio mercante com destino a Liverpool e em 1841 partiu no baleeiro Acushnet em direcção aos mares do Sul.

 

 

 

 

 Herman Melville

 Oil painting by Joseph Oriel Eaton, 1870

https://en.wikipedia.org/

 

Abandonou o barco nas ilhas Marquesas e ficou a viver com os nativos do vale Typee, durante algum tempo.

 

 

 

 

Typee

 Herman Melville

https://www.bibliovault.org/

 

Este episódio inspirou a narrativa do seu primeiro livro, Typee , publicado em 1846.

 

Um baleeiro australiano levou-o posteriormenr ao Taiti, onde Melville esteve preso na sequência de um motim a bordo. Escapou da prisão pouco depos e passou algum tempo na ilha viajando pelo Pacífico. Registou esta aventura no seu segundo livro, Omoo (1847).

 

Regressou a Nova Iorque em 1844. As suas primeiras obras já escritas depois do seu regresso a bordo do navio de guerra norte-americano, constuíram um sucesso imediato.

 

 

mobydick.jpg

 

 

Moby Dick

Herman Melville 

Edições Relógio d'Água

 

 

 

Ir + longe

 

'Moby Dick' ou 'A Baleia Branca' foi publicado em 1851. O romance, o mais importante da sua carreira literária, é um clássico da literatura norte-americana e mundial. Foi escrito durante a permanência do escritor na quinta que adquiriu perto de Pittsfield, Massachusetts.

 

Trata-se de uma história passada no mar, cheia de alegorias e que contém uma mensagem filosófica não muito fácil de identificar pelos leitores mais jovens. Moby Dick ou The Whale é uma obra profunda, simultaneamente realista e simbólica, que traduz uma visão trágica do homem e da sua luta pela sobrevivência.

 

Sinopse

 

Moby Dick conta as aventura alucinante pelos mares, em busca da terrível baleia branca, empreendida por marinheiros-caçadores de baleias, sob o comando do capitão Ahab. A tripulação, sob a influência deste homem, parte no baleeiro Pequod para um confronto com Moby Dick. um confronto feroz ente Homem e Natureza.

 

Os detalhes contados com o realismo de um escritor que viveu em barcos baleeiros, são capazes de transportar o leitor ao ambiente descrito e suas sensações. O romance foi inspirado no naufrágio do navio Essex, comandado pelo capitão George Pollard, quando este foi atingido por uma baleia e afundou.

 

O livro foi praticamente ignorado na altura do seu lançamento, talvez pela profundidade da obra. Este facto quase levou o escritor a abandonar o género literário 'romance' nos últimos anos da sua vida.

 

 

moby-dick-livro1.jpg

 

 

Moby Dick | Edição do 150º aniversário da obra

Herman Melville  

http://indiereaderhouston.com/

 

Procurou então dedicar-se à poesia, publicando alguns volumes em verso inspirados na Guerra Civil (1861-1865): Battle-Pieces and Aspects of War (1866), Clarel: A Poem and Piligrimage to the Holy Land (1876), John Marr and Other Sailors (1888) e Timoleon (1891).

 

 

 

 

Billy Bud & other tales

Herman Melville  

https://www.amazon.in/

 

Escreveu também contos na década de 1850. Destacam-se Benito Cereno e Bartleby (1853). Melville deixou inacabado o livro Billy Bud, que foi descoberto só em 1919 e publicado em 1924. Morreu em 28 Setembro 1891.

 

O reconhecimento da obra e do génio de Herman Melville só ocorreu na 2ª década do século XX, altura em que Moby Dick foi considerado uma obra-prima da literatura norte-americana e o romance mais importante da obra literária de Melville.

 

Herman Melville tornou-se o primeiro escritor a ter suas obras publicadas pela Biblioteca da América.

 

Moby Dick teve várias adaptações ao cinema, a primeira em 1956 e a mais recente em 2010.

 

 

 

 

Moby Dick

Trey Stokes, 2010

http://www.imdb.com/

 

 Teatro: Lingyagem Gestual

 

Em 2007, o Teatro São Luiz (Lisboa) começou a apresentar espectáculos com interpretação em língua gestual, numa colaboração com a Federação Portuguesa das Associações de Surdos.

 

Este serviço iniciou com a anteestreia da peça "Moby Dick" de Herman Melville, encenada por António Pires. O espectáculo contou ainda com duas sessões com interpretação em língua gestual portuguesa, uma para escolas e outra para o público em geral. 

 

Bom, espero ter despertado em alguns a curiosidade de ler Moby Dick. Recomendado a partir do 9º ano pelo Plano Nacional de Leitura.

 

Convençam a vossa professora/professor de Lingua Portuguesa a inseri-lo nas aulas curriculares de Língua e Literatura. Uma história de vida que vos fará pensar.

 

Se tiverem dúvidas sobre a interpretação da obra, peçam apoio aos professores de Línguas.

 

 

Para todos, boas leituras, sempre!

 

A Professora GSouto

 

18.10.2012

 

Licença Creative Commons

Nárnia : A Viagem do Caminhante da Alvorada : livro & filme !

 

 

 

 

Narnia : A Viagem do Caminheiro da Alvorada 

http://www.narnia.com/pt/

 

Com o sucesso alcançado com os filmes da trilogia O Senhor dos Anéis agora em Blu-Ray, uma belíssima saga que não perdi no cinema, os grandes estúdios tentam explorar este filão da saga de fantasia baseada em livros de autores britânicos e irlandeses. 

 

As Crónicas de Nárnia é sem dúvida um dos mais ambiciosos filmes, a par do sucesso incontornável de Harry Potter.

 

O seu autor C.S.Lewis, contemporânro de J.R.R. Tolkien, há mesmo quem afirme que foi Lewis quem deu a ideia a Tolkien de criar O Senhor dos Anéis, numa espécie de desafio intelectual.

 

 

narnia-casper.jpg

 

 

Narnia : Príncipe Casper

http://www.imdb.com/

 

Saber +

 

Acontece que, entre os livros e o cinema, o abismo é grande. A dedicação de Peter Jackson na adaptação de Tolkien deu mais resultados, enquanto que Nárnia, vendido como uma alternativa mais infanto-juvenil (pela produtora original, a Disney), teve boa recepção com o primeiro filme, O Leão, a Feiticeira e o guarda-roupa, do que com o segundo, O Príncipe Caspian. +

 

 

narnia-alvor1.jpg

 

 

Narnia : A Viagem do Caminheiro da Alvorada 

http://www.imdb.com/

 

Assim , a produtora deste terceiro (e último?) filme da série - que, originalmente, é composta por sete histórias - é a Fox. E, dependendo do sucesso ou não de A Viagem do Caminheiro da Alvorada poderá ser o final. Ou ter então mais um filme.

 

Aparentemente, ele pode ser melhor sucedido do que o anterior. Tem mais cenas de acção e efeitos efeitos mais elaborados, é também o primeiro da série em 3D.

 

 

 

 

Narnia : A Viagem do Caminheiro da Alvorada 

http://www.imdb.com/

 

O director inglês Michael Apted imprime mais ritmo ao todo, o que faz alguma diferença. E, para os leitores fiéis, os produtores admitem ter feito algumas mudanças na trama original (com autorização dos herdeiros de C. S. Lewis) para melhor acomodar referências de outros capítulos, o que fazem desde o primeiro filme.

 

Sinopse:

 

As personagens da extraordinária história criada pelo irlandês C.S. Lewis voltam a ganhar vida na terceira aventura da série "As Crónicas de Nárnia". Através de um estranho quadro, Lucy e Edmund Pevensie (Georgie Henley e Skandar Keynes), na companhia do seu antipático primo Eustace (Will Poulter), uma nova personagem, são transportados através de Inglaterra para o mundo mágico de Nárnia onde reencontram o outrora príncipe Caspian (Ben Barnes), agora soberano. A bordo do Caminheiro da Alvorada, um navio colossal, farão uma excitante e perigosa viagem a umas ilhas misteriosas, o que será, uma vez mais, um enorme teste à sua coragem e auto-domínio. E, no fim da jornada, algo de muito importante estará à sua espera...

 

 

 

 

 
Curiosidades:

 

Os jornais noticiaram que a Rainha de Inglaterra chorou de comoção quando assistiu à estreia de Narnia : O Caminheiro da Alvorada

 

 

narnia-alvor-livro1.jpg

 

 

Narnia : A Viagem do Caminheiro da Alvorada 

C.S Lewis

https://www.presenca.pt/

 

 

Ir + longe:

 

Lemos alguns volumes de Narnia, sobretudo aqueles que foram adaptados ao cinema. Assim, estou certa que este filme, talvez o último ? vos vais levar até ao cinema durante as férias de Natal que se aproximam.

 

E por que não ler o livro antes de ver o filme? É uma das propostas do PNL. 

 

Sinopse:

 

Escrito em 1952, A Viagem do Caminheiro da Alvorada é o quinto volume das Crónicas de Nárnia. Neste livro, Lucy e Edmund vão passar umas férias a casa de um primo insuportavelmente ´certinho´. Mas subitamente, enquanto discutem em frente a um quadro da tia Alberta são os três transportados por artes mágicas para Nárnia; mais exactamente para o mar alto, onde reencontram o príncipe Caspian e são recolhidos pelo seu barco: o Caminheiro da Alvorada. Equiparado a J. R. Tolkien e Roald Dahl, C.S. Lewis conta-nos aqui mais uma história magnífica, que a um tempo lembra A História Interminável, de Michael Ende, a Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll, e a Odisseia, de Homero. Do primeiro título tem o encanto e a melancolia, do segundo o enredo intrigante, e do terceiro o gozo puro da aventura.

 

 

A Professora GSouto

 

12.12.10

 

Licença Creative Commons