Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor : Ler é meu direito ! Sugestões

 

dia-mundial-livro2018.jpg

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

créditos: Luisa Ferreira (fotogradia/ LUPA (designer)

http://www.dglb.pt/

 

Todos os anos, escrevo sobre o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor. Tem a ver com o meu imenso gosto pela leitura. E foi esse sentimento que tentei passar aos meus alunos desde 2006 neste blogue, mas muitos anos antes em ensino presencial.

 

Sobre o Cartaz:

 

O cartaz deste ano, baseado numa fotografia que a fotógrafa Luísa Ferreira concebeu no Arquivo Nacional Torre do Tombo, com design da LUPA Designers, pretende "transmitir, metonimicamente, que um livro cruza justamente tudo isto: tempo, espaço, língua, cultura, imagem, suporte, fotografia, escrita, mas também uma leitura e muitas leituras, prazer e fruição."  

 

 

 

 

 créditos: Autor não identificado

 

 Tema 2018:

 

"Ler é meu direito!"

 

Saber + 

 

Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Pretende anualmente promover o prazer da leitura e o respeito pelos livros e pelos seus autores.​ Um dos aspectos pelo qual batalhei desde sempre junto dos alunos. Direitos de autor, ainda nem se falava nisso nas escolas. 

 

Os autores eram citados em contexto educativo, sem se ter o cuidado de informar que autor ou obra.

 

 

dia-mundial-livro2018a.jpg

 

 
Já todos sabemos,também que a data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os homens oferecem às suas «damas» uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como ShakespeareCervantes e Garcilaso de la Vega, falecidos em Abril de 1616.
 
 
 
 

ano-europ-cultur1.png

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

 
Ir + longe:

 

Como escrevemos no post Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, em 2018 celebra-se  o Ano Europeu do Património Cultural. Os Arquivos e as Bibliotecas pretendem relacionar a noção de Património com o valor cultural e intemporal do Livro e da Leitura. Sem dúvida, os livros são património cultural europeu e da Humanidade.

 

Resultando do conjunto de várias entidades, desde o autor ao leitor, passando pelo editor, tradutor, revisor, designer, ilustrador, tipógrafo, livreiro, animador da leitura, o Livro encontra o seu valor intemporal quando é lido e 'passado de geração em geração', de uma língua para outra língua, de um suporte para outro suporte de leitura.

 

 

dia-mund-livro2018.jpg

 

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

http://www.dglb.pt/

 

Livros:

 

No cartaz ofical do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, podemos reconhecer obras de Sophia de Mello Breyner, Fernando PessoaMário de Sá-Carneiro e José Saramago. Mas, convido-vos a percorrer os muitos posts que tenho dedicado a livros e autores portugueses e estrangeiros desde a criação de BlogdosCaloiros (2005)

 

Entre outros, Manuel António Pina, Agustina Bessa-Luís, José Luís PeixotoHélia Correia ou Luisa Dacosta.

 

Dos escritores estrangeiros, destaco Stephen Hawking, Jules Verne, Amy Krouse RosenthalBeatrix Potter, Miguel de CervantesLewis Carroll ou J.K. Rowling, claro!

 

 

Reading-REA.png

 

 

 créditos: Autor não identificado

 

Sugestões livros:

 

Mas há muitos mais autores e livros a pesquisar no BlogdosCaloiros. Façam-no! Vale a pena.

 

Como adoro ler, sempre me preocupei, ao longo dos anos, em ler muito nos currículos de Línguas e Cidadania. E também ia sugeririndo outras leituras aos alunos através deste blogue ou levando livros de literatura juvenil para a sala de aula. Lia então, pequenos excertos para que os alunos ficassem cativados, e fizessem as suas próprias escolhas.

 

 "Ler muito é um dos caminhos para a originalidade; uma pessoa é tão mais original e peculiar quanto mais conhecer o que disseram os outros."

 

Miguel Unamuno

 

 A Professora GSouto

 

23.04.2018

 

 Licença Creative Commons