Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Oh ! Astérix e a Transitálica : novo álbum com os Lusitanos ? Português & Mirandês !

 

 

asterix-novoalb.jpg

 

 

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

https://www.fnac.pt/

 

Asterix e a Transitálica é o novo título de uma colecção com mais de 50 anos. Saiu dia 19 Outubro. É verdade! A mais recente aventura de Astérix foi apresentada no passado dia 19 Outubro 2017, em Portugal e a nível mundial.

 

As personagens criadas pelos dois génios da banda desenhada, Albert UderzoRené Gosciny estão de volta! Depois de Astérix O Papiro de César (que no nosso país foi publicado em português e mirandês), Astérix entre os Pictos, Astérix e Obélix regressam em Astérix e a Transitálica, o novo álbum agora assinado pelos talentosos Jean-Yves Ferri e Didier Conrad.

 

Os autores estiveram em Portugal e, em entrevista, falaram sobre Goscinny, pregões em latim e lusitanos, esses "vencedores".

 

 

 

 

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

Saber +

 

Famosos pelas suas numerosas viagens através do Mundo Conhecido, Astérix e Obélix vão desta feita descobrir os povos da península italiana: os Itálicos!

 

Por muito que isso desagrade a Obélix, nem todos os habitantes da Itália antiga são Romanos. Pelo contrário! Os Itálicos prezam muito a sua autonomia.

 

 

asterix-novoalb4.png

 

 

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

Em Astérix e a Transitálica, Astérix e Obélix embrenham-se numa grande aventura à descoberta dessa surpreendente Itália antiga!

 

O álbum saiu em França e Portugal em simultâneo e, por essa razão, a dupla dos actuais criadores - que sucede a GoscinnyUderzo - veio a Lisboa promover este novo álbum, excepcionalmente.

 

 

asterix-transitalia-mirand.jpg

 

 

 Asterix an Eitália

edição em mirandês

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

Sinopse:

 

Astérix e Obelix estão de regresso em Astérix e a Transitálica, o novo álbum assinado pelos talentosos Jean-Yves Ferri e Didier Conrad. Apesar do que Obelix possa pensar, os itálicos, habitantes de Itália, não são todos romanos, pelo contrário! Os itálicos, tal como os irredutíveis gauleses, pretendem preservar a sua autonomia e vêem com maus olhos as veleidades de conquista de Júlio César e das suas legiões. Uma aventura emocionante à descoberta de uma Itália surpreendente e antiga!

 

Versão em mirandês:

 

Tal como o anterior álbum Astérix O Papiro de César vai ser também publicado em mirandês. Quarto título da série em mirandêsAsterix an Eitália será lançado em Novembro de 2017, após o lançamento mundial (Outubro 2017) da versão original (francês) e de outras versões linguísticas, entre as quais em português e mirandês.

 

 

asterix-novoalb3.jpg

 

 Coronavirus, novo personagem em

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

Curiosidades:

 

Seguiu-se a publicação em mais 23 países, somando novos milhões aos 370 já impressos desde que em 1959 este herói foi criado para sair na revista Pilote e dois anos depois reproduzido no nosso país na revista Foguetão. Só em 1967 o primeiro álbum, Astérix, o Gaulês, saiu em português.

 

 

asterix-transitalia1.jpg

 

 

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

No novo Astérix e a Transitálica, Astérix e Obélix competem com Etruscos, Lígures e Normandos pelo prémio de melhor auriga do mundo. Com uma novidade. Os grandes protagonistas da corrida são, sem dúvida, os Lusitanos. Wow!

 

Numa corrida aberta a todos os povos do Mundo Conhecido, junta romanos e bárbaros, bem como os povos aculturados - uns mais do que outros, mas todos muito pouco! - entre os quais uma dupla… lusitana. Com presença recorrente e um inesperado protagonismo final.

 

 

 

 

Astérix e a Transitálica

R. Goscinny/ A Uderzo

Jean-Yves Ferri/ Didier Conrad

http://www.asterix.com/a-coleccao/os-albuns/

 

Ir + longe:

 

Cumprindo a regra de alternar uma aventura caseira com uma viagem, desta vez Astérix e Obélix rumam à Península Itálica, de que até agora apenas conheciam Roma, que visitaram em Astérix Gladiador (1964) e Os Louros de César (1972).

 

O pretexto? A participação numa corrida de quadrigas, organizada por Júlio César para provar a excelência das vias romanas - cujo estado, então como hoje, deixa muito a desejar, apesar de conduzirem sempre a Roma. A abertura aos povos do Mundo Conhecido, vai congregar, para além dos gauleses, godos, persas, bretões e outros, entre os quais uma dupla lusitana, com aparições recorrentes e um inesperado protagonismo final.

 

Depois de os retratarem, os autores do novo álbum vieram conhecê-los. Jean-Yves Ferri e Didier Conrad, respectivamente os novos argumentista e desenhador, observaram a edição portuguesa com toda a atenção.

 

Gostaram do que viram e estavam bem-dispostos para a primeira conversa sobre o seu terceiro Astérix. 

 

Actividades:

  • A Banda Desenhada faz parte dos curriculos de Lingua Portuguesa. Partindo dos vários posts em BlogdosCaloiros  e BlogSkidz  (FrancêsLE) poderão levar os alunos ao estudo da BD, bem como à comparação dos vários álbuns ( álbuns, e filmes) ao longo dos anos.
  • É evidente que não devem deixar de referir o site oficial Astérix  para que os alunos alarguem  conhecimentos sobre este fenómeno da banda desenhada francesa.

 

A Professora GSouto

 

02.11.2017

 

Licença Creative Commons

O Príncipezinho faz 70 anos e ganha livro Pop-up !

 

 

 

 

O Principezinho| Antoine de St Exupéry

http://www.presenca.pt/

 

Já imaginaram? O Principezinho está a celebrar o seu 70º aniversário! Quem diria? Pois é! Publicado pela primeira vez a 6 de de Abril de 1943, o livro de Antoine Saint-Exupéry comemorou ontem 70 anos de existência.

 

Lembram quando Google celebrou o 110º aniversário de Saint Exupéry? Foi em 29 Junho 2010. Mas voltemos então ao seu livro mais conhecido no mundo inteiro.

 

 

petit-prince5.jpg

 

 

The Little Prince

Antoine de St-Exupéry

https://www.amazon.ca/

 

Saber +

 

Talvez não saibas que O Principezinho não foi lançado pela primeira vez em França, mas sim nos Estados Unidos, onde Saint-Exupéry se encontrava exilado durante a Segunda Guerra Mundial. O livro só mais tarde foi editado em França, em 1946, pela editora Gallimard, a título póstumo, dado que como te lembras, Saint Exupéry foi dado como desaparecido durante um voo em 1944.

 

A história, sobre um aviador que tem uma avaria em pleno deserto do Sahara, quase parece premonitória. Descreve uma viagem por vários planetas, por onde O Principezinho vai encontrando uma série de personagens com quem vai conversando e aprendendo, através de diálogos metafóricos e filosóficos. Daí, por vezes, os mais jovens não entenderem muito bem o livro! Mas nada que um professor não possa apoiar numa leitura acompanhada em sala de aula.

 

 

petit-prince6.jpg

 

 

Le Petit Prince

Antoine de St-Exupéry

http://www.lepetitprince.com/

 

O livro conta com as ilustrações do autor, Saint-Exupéry, e é uma verdadeira e deliciosa caminhada pelos ensinamentos da vida, a imaterialidade dos afectos e das coisas que mais devemos valorizar:

 

"O essencial é invisível aos olhos"

 

Antoine de Saint-Exupéry, O Principezinho (excerto)

 

 

 

principezinho-popup2.jpg

 

 

O Principezinho | Livro Pop-up

Antoine de Saint Exupéry

Editorial Presença

https://www.presenca.pt/

 

Curiosidades:

 

Em 2009, a editora Presença lançou uma edição especial, O Grande Livro Pop-up. É uma das edições mais bonitas desta obra. A narrativa ganha uma nova vida com as aguarelas do autor investidas de movimento e de graciosidade tais que o leitor vai folheando com encantamento.

 

 

principezinho-popup1.jpg

 

 

O Principezinho | Livro Pop-up

Antoine de Saint Exupéry

Editorial Presença

https://www.presenca.pt/

 

O principezinho, a rosa, a raposa surgem-nos mais vivos e reais, levando as crianças e por que não os adultos a manterem intacta a capacidade do maravilhamento perante a beleza da obra de Saint-Exupéry.

 

 

 

 

 

 

Mensagens:

 

Mas, O Principezinho tem mensagens que atraversam os tempos: paz, protecção do planeta, protecção da infância, tolerância, interculturalidade, direito à educação.

 

 

principezinho-popup3.jpeg

 

 

O Principezinho | Livro Pop-up

Antoine de Saint Exupéry

Editorial Presença

https://www.presenca.pt/

 

Ir + longe:

 

O destino fabuloso deste livrinho é um verdadeiro fenómeno éditorial. 70 anos, 70 capas, perto de 265 traduções, mais de 1300 edições e 145 milhões de cópias vendidas.

 

 

 

 

L Princepico | Antoine de St Exupéry

versão em Mirandês

http://www.leyaonline.com/

 

Se estão atentos a este blogue, sabem que em 2011, O Principezinho ganhou uma edição em mirandês! Verdade! O objectivo desta edição em mirandês de L Princepico é dar a conhecer a língua mirandesa escrita, já oficialmente reconhecida desde 1998, que as pessoas falam e ouvem, mas que raramente lêem. 

 

Voltemos mais uma vez à celebração dos 70 anos da obra. O novo sítio oficial Le Petit Prince.com dá-te todas as novidades sobre esta celebração mundial. É só estares atento à página Actualité. Também poderás seguir a página oficial no Facebook.

 

Estou certa que muitas outras edições comemorativas do 70º aniversário de Le Petit Prince sairão um pouco por todo o mundo, bem como espectáculos brilhantes se realizarão, como este que teve lugar em Paris, em 2011, em La Défense. Aqui te deixo a 1ª parte. Poderás encontrar as partes 2 e 3 no YouTube.

 

 

 

 

 

 

Para mim, continua a ser um dos meus livros favoritos. E para muitos leitores também, se estivermos atentos ao número de vendas e às inúmeras línguas em que está traduzido.

 

Ah! Se gostas de ler em e-reader, já está disponível a versão e-book no iTunes. Tudo boas notícias... só para vos incentivar a ler mais!

 

petit-prince7.jpg

 

 

screenshot: Le Petit Prince 

livre animé

https://itunes.apple.com/fr/book/

 

 

 Actividades:

 

Nos curriculos de línguas :  Português, FrançaisLE

 

  • Será interessante fazer um estudo apronfundado sobre a obra e o seu  autor. O novo sítio official é uma boa fonte de pesquisa, além de outras, para educadores e estudantes.
  • Ainda a utilização da edição do e-book divulgada em Dezembro 2012. Versão iPad, iPhone, Android (apps). Infelizmente não é gratuito.

 

Só coisas boas e fantásticas aventuras!

 

 A Professora GSouto

 

07.04.2013

 

Licença Creative Commons