Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Escolas : Game of Thrones : uma peça de teatro ?

 

 

games-of-throne.png.crdownload

 

Game of Thrones

credits: HBO

https://hboportugal.com/

 

Lembram a série de tanto sucesso da HBO Game of Thrones. Pois bem! Uma peça de teatro adaptada da série Game of Thrones está em preparação para 2023, com a colaboração do autor da saga, o escritor George R. R. Martin.

 

 

games-of-throne-grr-martin.jpg

 

Georges R.R. Martin

credits: AFP/Angela Weiss

 

De acordo com a agência France-Presse (AFP), a peça ocorrerá “durante um momento charneira da série” literária, indicou em comunicado a equipa liderada pelos produtores de teatro Simon Painter, Tim Lawson e Jonathan Sanford. Os mesmos que montaram em 2014, o espectáculo de magia The Illusionists, Broadway, em Nova Iorque.

 

games-of-throne-theatre2021.jpg

 

via YouTube

 

Qual é o momento da saga em teatro ?

 

O momento determinante da saga é o torneio de Harrenhal, que se desenrola cerca de 17 anos antes da primeira temporada da série televisiva do canal HBO.

 

“Poucos imaginaram que a carnificina aconteceria quando os bem-nascidos e plebeus se reunissem em Harrenhal para assistir aos melhores cavaleiros do reino lutarem em um grande torneio”.

George R. R. Martin

 

Na peça,aparecerão “muitas das personagens mais conhecidas” da saga literária e da série televisiva, transmitida entre 2011 e 2019.

 

 

games-of-throne-duncan1.jpg

 

Duncan Macmillan, dramaturgo

credits: © Natasha Krstic-Howe

 

O texto será escrito pelo dramaturgo britânico Duncan Macmillan, autor de adaptações de romances como 1984, de George Orwell, ou Cidade de Vidro, de Paul Auster.

 

 

games-of-throne-torneio-macall-b-daenarys-jon-snow

 

Game of Thrones

George R.R. Martin

créditos: HBO

https://hboportugal.com/

 

Quase dois anos depois do final da série televisiva, estão em curso vários projectos à volta do universo de Game of Thrones, entre os quais figuram a prequela House of the Dragon, uma série que se passa antes de Game of Thrones e também produzida pela HBO, devendo ir para o ar em 2022.

 

 

 

"O nosso sonho é levar Westeros - lugar imaginário onde se desenrola a saga - à Broadway, ao West End, em Londres e à Austrália… e mais tarde a um palco perto de si”,

 

Informou George R. R. Martin, em comunicado, revelando que começou a trabalhar no projecto antes da pandemia de Covid-19.

 

games-of-throne-sandkings2.jpg

 

Sandkings

George R.R. Martin, 1986

https://www.amazon.com/

 

George R. R. Martin está também ligado a projectos relacionados com os seus livros, nomeadamente Sandkings / 'Reis da Areia', em tradução livre, para a Netflix.

 

Actividades:  Ler/ rever TV saga

 

  • Nada melhor do que começar a ler ou reler os livros da saga, acompanhando, se possível com o visionamento das  8 temporadas via HBO.

 

 

Línguas : Português ; Français ; English.

 

E agora é esperar. Será que teremos a sorte de, nos próximos anos, depois da pandemia,  assistir a esta peça de teatro numa sala perto de nós?

 

A Professora GSouto

 

08.04.2021

 

Licença Creative Commons

A Narrativa : Guerra dos Tronos : Série 8 capítulo 4

 

 

game-of-thrones-pt1.jpg

 

 

Guerra dos Tronos | Game of Thrones

série 8, capítulo 4

https://hboportugal.com/series/

 

Todos assistiram segunda-feira, de madrugada, ao capítulo 4 da 8ª série da sequela Guerra dos Tronos, universalmente conhecida por Game of Thrones, estou certa. E ontem foram para as aulas todos ensonados.

 

Eu só vi ontem à noite. Mas já sabia todas as novidades... com e sem spoilers. 

 

 

 

 

Todos sabemos, que a série 8 começou a nível mundial, Estados Unidos e Portugal simultâneamente (com um ligeiro atraso devido  'a avaria' (?). Este foi o teaser de lançamento da HBO em Portugal.

 

A Guerra dos Tronos é essencialemente uma sequela de jogos de poder, de como o poder pode corromper. Baseada na obra de George R.R. Martin

 

 

game-of-thrones-livros.jpg

 

 

Sequela Guerra dos Tronos

George R.R. Martin

https://www.fnac.pt/

 

A Narrativa:

 

O poder é, para a maioria das personagens, tudo. Seja o poder sobre a pessoa amada, sobre um exército ou sobre um povo, a Guerra dos Tronos relata, acima de tudo, as conversas tidas antes da acção.

 

Do que se conspira antes de ser realizada. Dos apertos de mão, e dos olhares cínicos ou furiosos. O poder é, para a maioria das personagens, tudo. A narrativa da Guerra dos Tronos  desenrola-se assim. Entre momentos de pausa e momentos de acção narrativa.

 

A localização espácio-temporal? Interessante estudar!  São vários os países em que foi filmada: Marrocos, Irlanda, Espanha, são alguns deles. 

 

 

 

 

Então, depois da terrível e mortífera batalha do capítulo 3,  o capítulo 4 começou com a homenagem aos caídos. O episódio começa em Winterfell, logo após o término da batalha.

 

Jon Snow faz um discurso sobre a importância de lembrar aqueles que morreram e os sobreviventes despedem-se dos mortos, nos quas se inclui Sor Jorah Mormont, Lyanna Mormont, Edd Doloroso e Theon Greyjoy.

 

 

games-of-thrones-pt3.jpeg

 

 

Daenerys chora morte de Sor Jorah Mormont

Guerra dos Tronos, capítulo 3

https://hboportugal.com/series/

 

E, quando chegou ao final ao episódio, ficámos em King’s Landng, com as tropas de Cersei e Daenerys a postos para se enfrentarem.

 

É por isso que a conversa entre Tyrion e Varys, já perto do final deste quarto episódio (já só faltam dois!), tem que prender a atenção de todos os fãs da Guerra dos Tronos.

 

 

 

 

Varys: Servi tiranos a maior parte da vida. Todos falam de destino.

 

Tyrion: Ela é uma rapariga que entrou no fogo com três pedras e saiu com três dragões. Como pode não acreditar no destino?


Varys: Talvez seja esse o problema. Convenceu-se de que tinha de nos salvar.


Tyrion: E como sabeis que não tinha?

 

A conversa principia depois de uma reunião em que se decide qual o plano para atacar Cersei e o Porto Real. A reunião tem lugar depois de Daenerys ver Euron Greyjoy matar-lhe um dragão e raptar a sua melhor amiga Missandei.

 

 

game-of-thrones-pt6.jpeg

 

 

Missandai, Daenerys, Varys

Guerra dos Tronos, capítulo 4

https://hboportugal.com/

 

Daenerys e Grey Worm querem invadir a cidade, mas Tyrion e Varys dizem-lhes que é um erro. Uma invasão poderá causar milhares de mortes inocentes. A certa altura, Daenerys pergunta a Varys se ele acredita que estamos neste mundo por alguma razão, afirmando que a dela é “libertar o mundo de tiranos”, uma vez que é esse o seu destino. E esse destino será cumprido “a todo o custo”.

 

Nesse diálogo, temos tudo aquilo que nos aproxima de uma série passada num universo imaginário de sete reinos, com gigantes, feiticeiras e dragões. Com muita crueldade à mistura. 

 

Ao quarto episódio da sua última temporada, a Guerra dos Tronos presenteou-nos então com um episódio que fez as delícias dos amantes da sequela: jogos de poder, intriga, reviravoltas, amores proibidos, corações partidos, mortes inesperadas. É isto a Guerra dos Tronos.

 

Mas, atenção! Houve um pormenor que, mais do que os acontecimeentos inesperados e chocantes do quarto episódio da última temporada de Game of Thrones, uma imagem nos chamou a atenção! Algo que nada tem a ver com a história da série. Um copo de latte de uma marca que todos nós bem ceonhecemos. E bem real e actual!

 

 

game-of-thrones-pt2.jpg

 

Daenerys e copo de latte

Guerra dos Tronos, capítulo 4

https://hboportugal.com/series/a-guerra-dos-tronos/temporada-8

 

Pois é! Muitos fãs reparam no 'paradoxo' e foram para as redes sociais postar imagens da cena em que o copo aparecia ao lado de Emilia Clarke, atriz que interpreta Daenerys Targaryen.

 

A HBO reagiu confirmando que a presença do copo foi um erro dizendo, em tom de brincadeira, que Daenerys, na realidade, tinha pedido um chá em vez de café. A própria marca internacional postou no Twitter:

 

"TBH we're surprised she didn't order a Dragon Drink."

 

O 'intruso' já foi apagado da série através de tecnologia. Se for rever o episódio, o copo já não vai aparecer. Eh eh!

 

Mais uma vez, os admiradores utilizaram as redes sociais, principalmente o Twitter, para mostrar que estão aentos e acusaram a produção de ter cometido um descuido, uma vez que o objecto não se enquadra na época que o autor pretende representar. 

 

Os telespectadores de todo o mundo já habituaram a Internet a tornar alguns dos momentos mais divertidos da história em 'memes', que se acabam por tornar virais.

 

 

 

 

Bom, mas os últimos minutos foram muito dramáticos com  a morte de Missandei. Todos ficámos muito chocados. E há muitos fãs que repudiam a frieza da  rainha Cersei, apesar de Tyrion lhe ter implorado que não a sacrificasse. 

 

 

game-of-thrones-pt4.jpg

 

Daenerys

Guerra dos Tronos, capítulo 4

https://hboportugal.com/series/

 

E esta foi a última imagem que vimos do episódio 4 da oitava série. Uma Daenerys sofrida, com desejo de uma vingança dura.

 

Após a carnificina da batalha do episódio 3 contra o Night King, esperava-se uma pausa de morte e da destruição. Mas não em Game of Thrones com seu desejo de matar as personagens mais amadas quando menos esperamos.

 

A indignação que começou na semana passada com o tratamento insensível dos Dothraki atingiu agora o auge com horrorosa, dolorosa morte de Missandei. vamos aguadar pelo capítulo 5 que não deve ser menos violento.

 

A Guerra dos Tronos apaixona meio mundo. Mas, não tem a ver com gigantes, feiticeiras e dragões. Ultrapassa de longe a crueldade de Hunger Games. E nada tem a ver, agora que podemos comparar, com O Senhor dos Anéis.

 

Tem a ver com a forma como o mundo que a sequela retrata, não é muito diferente do nosso. Também como aceitamos (ou não) o destino, e as escolhas que fazemos. Veremos nos dois capítulos finais...

 

Actividades:

 

  • Se estão a ler a sequela, não esqueçam de fazer uma análise crítica da narrativa original e da narrativa ficcionada na série televisiva.

 

  • Se ainda não, é altura de começar a ler. Só enriquecerá o estudo da Narrativa que faz parte dos conteúdos curriculares.

 

  • Não esquecer de ler a biografia e bibliografia de George R.R. Martin. Bem como entrevistas do autor sobre a adaptação da sua obra à sequela televisiva.

 

A Professora GSouto

 

07.05.2019

 

Licença Creative Commons