Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Pausa Férias : História do Rock ? Um livro para filhos e pais !

 

 

rock1.png

 

A História do Rock para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://historiadorockblog.wordpress.com/

 

História do Rock (para pais fanáticos e filhos com punkada) apresenta as principais figuras do maior movimento artístico dos últimos 70 anos: o Rock&Roll.

 

Rita Nabais recolheu e Joana Raimundo ilustrou as principais bandas e músicos. Criaram assim o primeiro livro do género, publicado em Portugal. Talvez um dos mais completos de sempre.

 

 

livro-historia-rock1.jpg

 

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://escafandro.shopk.it/

 

Saber +

 

Uma história do rock, desde a década de 1950 até à actualidade. De Chuck Berry aos Tame Impala, é contada num livro para crianças, que os adultos vão gostar de ler. Foi editado em Dezembro 2017 pela Edições Escafandro.

 

Como surgiram as principais tendências? Quem são as bandas mais influentes? De que massa é feita uma estrela de Rock?

 

 

livro-historia-rock2.jpg

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://escafandro.shopk.it/

 

De acordo com Rita Nabais é dado destaque, por exemplo, ao rock industrial, ao "rock melancólico" ou a algumas das figuras femininas do rock, como Patti Smith, PJ Harvey e Stevie Nicks.

 

autora explica que a ideia foi contar algumas das histórias mais engraçadas ou que pudessem suscitar a atenção das crianças - é para elas que o livro se dirige -, deixando para segundo plano o lado mais negro do rock.

 

 

livro-historia-rock3.jpg

 

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://historiadorockblog.wordpress.com/

 

Ir + longe: 

 

História do Rock (para pais fanáticos e filhos com punkada) estabelece pontes entre a cultura dos pais e a linguagem dos filhos.

 

Aí se encontram descrições detalhadas, fichas biográficas e curiosidades sobre bandas e músicos tão diferentes como Beach Boys ou Metallica, U2 ou Sonic Youth, Elvis Presley ou Nirvana.

 

 

livro-historia-rock4.jpg

 

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://historiadorockblog.wordpress.com/

 

Resumo:

 

 A História do Rock para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada apresenta as principais figuras do maior movimento artístico dos últimos 70 anos: o Rock!

Como surgiram as principais tendências? Quem são as bandas mais influentes? De que massa é feita uma estrela de Rock?

Numa obra que estabelece pontes entre a cultura dos pais e a linguagem dos filhos, encontram-se descrições detalhadas, fichas biográficas e curiosidades sobre bandas e músicos tão diferentes como Beach Boys ou Metallica, U2 ou Sonic Youth,  Elvis Presley ou Nirvana.

 

Esta nova enciclopédia do rock tem 147 entradas com ilustração e texto, que vão desde Bill Haley & His Comets e Little Richard - pioneiros do estilo musical -  até a nomes mais recentes, como The National ou Vampire Weekend, passando por Elvis Presley, Nirvana ou Guns & Roses.

 

 

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://historiadorockblog.wordpress.com/

 

Para além dos desenhos dos músicos, o livro conta ainda com as sugestões musicais de várias pessoas da área, como Miguel Ângelo (Delfins) e Fernando Ribeiro (Moonspell), resultando numa playlist com mais de 500 artistas dos últimos 70 anos.

 

O editor tem o objectivo de criar um lugar na memória das crianças para os ícones da geração dos pais, "numa altura em que o rock está a ser ultrapassado por outros géneros junto das novas gerações", como o rap e o pop.

 

 

livro-historia-rock5.jpg

 

 

A História do Rock Para Pais Fanáticos e Filhos com Punkada

Rita Nabais

ilustrações: Joana Raimundo

https://historiadorockblog.wordpress.com/

 

"Há pais que todas as noites lêem um artista diferente aos filhos, enquanto os adormecem a mostrar as músicas e os vídeos"

 

"Uma enciclopédia do rock, com quase 150 músicos e explicações sobre os vários géneros musicais, desde os anos de 1950 até à atualidade. Para abrir os ouvidos aos mais pequenos."

 

DN/ Artes

 

Wow! Não vais querer perder! Uma excelente leitura para as férias de verão,e já sabes, conta aos teus pais que te acompanham, os mais novos, aos festivais de verão. É altura de eles te contaram as histórias das bandas da sua geração. 

 

Sim, também eles foram presenças dos festivais de rock! Isto passa de geração em geração.

 

Boas férias! Vemo-nos em Setembro?

 

A Professora GSouto

 

21.08.2018

 

Licença Creative Commons

Ilustradores Portugueses na Feira Bologna 2018 : Propostas de leitura !

 

bolognafair2018.jpg

 

Bologna Children's Book Fair 2018

http://www.bolognafiere.it/

 

A 55ª edição da Feira do Livro Infanto-Juvenil de Bolonha vai ter lugar entre 26 e 29 de Março,tal como se deduz, em Bologna,Itália. Como todos os anos este é o certame mais importante a nível da ilustração infantil e juvenil mundial.

 

Feira do Livro Infanto-Juvenil de Bolonha é um dos mais importantes eventos da área editorial, dedicado à literatura e ilustração para a infância e juventude, e este ano celebra a sua a 55.ª edição.

 

 

 

 

Bologna Children's Book Fair 2018

http://www.bolognachildrensbookfair.com/

 

 

País convidado de honra:

 

China é o país convidado de honra.

 

 

 

http://www.bolognafiere.it/

 

Saber +

 

Durante os quatro dias, a feira apresenta centenas de editores, livreiros, autores e ilustradores vindos de todo o mundo que, em conjunto, promovem e divulgam o livro ilustrado para a infância e juventude.

 

Paralelamente, há um programa de debates, exposições, lançamentos e prémios.

 

As obras seleccionadas para a exposição serão reunidas num anuário, que será editado em três idiomas – Inglês, Italiano e Japonês – e distribuído por diversas livrarias especializadas em todo o mundo.

 

 

 

 

 Bologna Children's Book Fair 2018

https://wsimag.com/culture/

 

A exposição mostrará trabalhos de cerca de 80 ilustradores de 25 países diferentes. A edição 2018 contará com a presença de quatro ilustradores portugueses. 

 

Depois de Bolonha, a exposição entrará em itinerância e poderá ser visitada em vários países, como China, Dinamarca, Estados Unidos, Japão e Tailândia.

 

Ilustradores Portugueses:

 

Este ano, foram selecionados quatro ilustradores portugueses: Filipe Abranches, Madalena Matoso, Mariana Rio e Yara Kono.

 

bolognafair2018c.jpg

 

 

O Sonhador da África Perdida

Alexandre Serpa Pinto

ilustrador: Filipe Abranches

https://www.pato-logico.com/noticias/

 

Filipe Abranches apresentará, em Bolonha, as ilustrações que fez para o livro Alexandre Serpa Pinto: O Sonhador da África Perdida, da colecção Grandes Vidas Portuguesas, uma edição conjunta da Imprensa Nacional Casa da Moeda e da Pato Lógico.

 

É uma estreia para Filipe Abranches. Filipe Abranches, que tem trabalhado sobretudo em banda desenhada e cinema de animação.

 

 

 

bolognafair2018b.png

 

 

O Sonhador da África Perdida

Alexandre Serpa Pinto

ilustrador: Filipe Abranches

https://www.pato-logico.com/noticias/

 

É um dos 77 ilustradores, oriundos de 25 países, seleccionados de entre mais de 3 000  candidatos pelo júri da exposição internacional que se realiza desde 1967.

 

Desde 2012 que o Pato Lógico participa na Bologna Book Fair considerado um dos maiores e mais importantes eventos dedicado à literatura e ilustração para a infância e juventude. Em 2017, as ilustrações de Marta Monteiro para o título Ana de Castro Osório, a Mulher Que Votou na Literatura, da mesma colecção, também foram seleccionadas e expostas em Bolonha.

 

 

bolognafair2018d.jpg

 

 

Não é Nada Difícil - O Livro dos Labirintos

ilustradora: Madalena Matoso

Planeta Tangerina

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Madalena Matoso é já uma presença assídua na Feira do Livro Infanto-Juvenil de Bolonha. Este ano, estreia-se na exposição, com mostras de colagens do livro Não é Nada Difícil – O Livro dos Labirintos, uma edição da Planeta Tangerina.

 

 

 

Não é Nada Difícil - O Livro dos Labirintos

ilustradora: Madalena Matoso

Planeta Tangerina

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Já todos ouvimos a expressão:


“Isso é mais difícil do que encontrar uma agulha num palheiro!”.


Mas quem disse que encontrar uma agulha num palheiro é assim tão difícil? Este livro vem provar que muitas coisas aparentemente difíceis (e há tantas!) podem ser, afinal, bem mais fáceis do que pensávamos.

Neste livro, a história só avança à medida que atravessas labirintos (uns mais fáceis, outros mais difíceis). 
Há 14 labirintos à tua espera!

 

bolognafair2018f.jpg

 

As Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis

ilustradora: Mariana Rio

Sexto Piso

http://www.sextopiso.es/esp/

 

Mariana Rio expôs em Bolonha, em 2013. Este 2018, leva as ilustrações feitas para uma edição espanhola de As Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, que deverá ser publicado em breve pela editora Sexto Piso.

 

 

bolognafair2018g.jpg

 

 

Cem sementes que voaram

Isabel Minhós Martins

ilustradora: Yara Kono

Planeta Tangerina

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Yara Kono galardoada em 2015 nesta feira com o livro Gato Procura-se, livro de Ana Saldanha, esteve presente na Bologna Book Fair 2017 com o livro Batata Chaca-Chaca. Desta vez, apresentará as ilustrações do livro Cem sementes que voaram, editado pela Planeta Tangerina.

 

Uma árvore está à espera, esperançosa…
O que espera ela? 
O dia ideal para lançar as sementes.
O dia certo, o dia tal. 
O dia chega, mas a aventura ainda só está a começar…
Porque, se nos pusermos a fazer contas, das cem sementes que voaram, quantas cairão em bom solo? Quantas serão comidas por pássaros? Quantas acabarão no fundo de um rio? Quantas se transformarão, finalmente, numa árvore adulta?

Neste livro, fazemos contas, sem nunca perder a esperança. Mesmo que a história nos traga aquilo que parece ser uma infinita conta de subtrair!
Quem consegue acreditar até ao fim, como esta árvore-mãe, que tudo vai correr bem?

(Será que vai mesmo? Vamos torcer por isso!)

 

Um livro que traz a floresta para o centro das atenções, celebrando a resistência das sementes e a inteligência das árvores e da natureza. Para leitores de todas as idades.

 

 

 

 

Bologna Children's Book Fair 2018

http://www.bolognachildrensbookfair.com/

 

Os ilustradores com idade inferior a 35 anos são ainda candidatos a um prémio, criado em parceria com a SM Fundación Internacional. O prémio, no valor de 12 mil euros, inclui ainda a edição de um livro.

 

 

 O Meu Avô

Catarina Sobral

 

https://www.fnac.pt/

 

Em 2014, esta distinção foi atribuída à ilustradora portuguesa Catarina Sobral. Prémio Bologna Raggazzi - 2014.

 

Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura 2º Ano de Escolaridade Leitura Autónoma.

 

Actividades:

 

  • Sugestões de leitura a propor aos alunos, segundo o nível de ensino e nível etário, nos currículos de Língua Portuguesa.
  • Desenvolver projecto transcurricular Línguas/ Educação Visual de eventual tradução e novas ilustrações das obras estudadas.

 

Bom trabalho!

 

A Professora GSouto

 

27.02.2018

 

Licença Creative Commons

 

Billy Elliot : um filme a explorar em currículos escolares !

 

billy-elliot1.jpg

 

Billy Elliot

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

 

"Flutua como uma borboleta e pica como uma abelha."

  

Sarah Bayling - ELLE Magazine

 

Billy Elliot retrata a história de um garoto de 11 anos, Billy Elliot, que vive numa pequena cidade inglesa, onde o principal meio de sustento são as minas da cidade.

 

 

 

billy-elliot2.jpg

 

Billy Elliot

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

Sinopse:

 

A vida de um garoto de onze anos, Billy Elliot, filho de um mineiro do norte de Inglaterra muda para sempre quando durante um treino de box semanal, depara com uma aula de bailado que o atrai irresistivelmente, fazendo-o desistir do box e começando a ter aulas de bailado sem que o seu pai, mineiro severo nos costumes e tradições do género masculino.

 

 

 

Billy Elliot

|Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

O jovem actor de 14 anos Jamie Bell, bailarino na vida real, sofreu na pele os preconceitos que um rapaz tem de enfrentar ao querer ser bailarino e não boxista, karateca ou jogador, encarnando assim de corpo e alma a personagem Billy.

 

 

Billy Elliot

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

Saber +

 

O jovem actor de 14 anos Jamie Bell, é bailarino na vida real, e sofreu na pele os preconceitos que um rapaz tem de enfrentar ao querer ser bailarino e não boxista, karateca ou jogador de futebol. Interpretou assim de corpo e alma a personagem Billy.

 

O filme realizado em 2000 por Stephen Daldry continua a prender com encanto jovens e adultos ao acompanhar intensamente a luta deste jovem para quebrar as intolerâncias e convencões de sociedades fechadas em preconceitos desajustados.

 

 

billy-elliot.jpg

 

Billy Elliot/ Jamie Bell

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

Billy Elliot teve três nomeações para os 'Oscars' em 2001. Fez parte da Selecção de Filmes do 'Festival de Cannes' em 2000.

 

Ir + longe:

 

 

 

 

Billy Elliot, The Musical

http://upload.wikimedia.org/

 

Em Maio de 2005, Stephen Daldry levou à cena Billy Elliot, The Musical no Victoria Palace, em Londres, com música de Elton John.

 

O musical Billy Elliot The Musical foi considerado pelo jornal The Telegraph o "o melhor musical inglês". 

 

 

 

Billy Elliot The Musical

http://showandstay.s3.amazonaws.com/

 

 

Utilização de filmes em sala de aula:

 

Biilly Elliot encerra uma mensagem pedagógica muito interessante e é um excelente recurso digital a ser explorado em sala de aula para introduzir a igualdade de género de rapazes em áreas artísticas tradicionalmente mais frequentadas por raparigas.

 

 

billy-elliot4.jpg

 

Billy Elliot/ Jamie Bell

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

Objectivos:

 

  • Preconceitos: Igualdade de Género (masculino) - o bailado e outras áreas artísticas.
  • Ensino de Música : Bailado.

 

 

billy_elliot_ziyue_com_movies_25_02_06.jpg

 

Billy Elliot/ Jamie Bell

Stephen Daldry, 2000

http://www.imdb.com/

 

 Exploração pedadgógica: 

 

A exploração pedagógica do filme Billy Elliot nos curriculos de Língua Portuguesa teve como objectivo debater problemas associados a preconceitos que estavam a causar alguma instabilidade no grupo/turma. 

 

A turma incluia alunos rapazes que aprendiam música e bailado e que eram alvo de discriminação por parte de certos elementos/rapazes da turma.

 

O resultado foi excelente. A partir do visionamento do filme, apoiado em fichas pedagógicas, seguido de debate sobre os vários aspectos da mensagem implícita no filme, tornou a cordialidade entre todos os elementos masculinos uma realidade, bem como a compreensão pelas opções individuais e a escolha de actividades pedagógicas e culturais que são comuns ao género (masculino/feminino.)

 

Os alunos adoraram ! O grupo/turma passou a funcionar como um todo. Os preconceitos esbateram-se, a aceitação da individualidade tornou-se a tónica dominante.

 

A Professora GSouto

 

25.02.2017

 

 Licença Creative Commons

Sabes quem inventou a caneta esferográfica ? László József Bíró !

 

 

 

 Google Doodle : 117º Aniversário de László József Bíró

https://www.google.com/doodles/

 

Pois ! Apesar de tudo, e ainda bem, continuamos a usar papel e caneta esferográfica para tomar notas, escrever a um amigo ou anotar apontamentos. Nem sempre utilizamos os tablets para escrever.

 

Está provado que anotar apontamentos durante as aulas, usando o caderno de apoio e a caneta esferográfica, nos ajuda a fixar melhor os conhecimentos ou a revisar quando precisamos de relembrar matéria dada.

 

Então, vamos lá saber quem inventou a caneta esferográfica. Google ajuda-nos a descobrir.

 

Biro2.jpg

 

Caneta Esferográfica | Biro

https://en.wikipedia.org/

 

László József Bíró? O nome diz-te alguma coisa? Não, compreendo. Mas certamente conheces bem a sua invenção mais famosa. A caneta esferográfica. Um objecto que continua indispensável no mundo moderno, apesar de toda a tecnologia.

 

Hoje, dia 29 Setembro, a página de entrada do motor de busca apresenta-se com o Doodle interactivo. Adivinharam? Sim, Google homenageia o 117ª aniversário de László József Bíró, o inventor da caneta esferográfica.

 

 

Biro1a.jpeg

 

László József Bíró (1899-1945)

http://www.meteoweb.eu/

 

Saber +

 

László József Bíró nasceu em Budapeste, Hungria, em 29 de Setembro 1899, de uma família judia.

 

Jornalista de profissão, Biró notou que a tinta usada na impressão de jornais secava rapidamente, deixando as folhas impressas sem manchas,  em contraste com a caneta-tinteiro que demorava imenso a secar e muitas vezes deixava manchas. Percebeu assim que na caneta-tinteiro a tinta não fluia para a ponta da mesma, pois era muito viscosa.

 

“Aquilo deixou-me a pensar que o processo podia ser simplificado até ao nível de uma simples caneta."

László József Bíró

 

 

Esquisso Doodle

https://www.google.com/doodles/

 

Em equipa com seu irmão, György Biró, um químico, desenvolveram um novo tipo de caneta com uma nova ponta, que consistia numa esfera que girava livremente na ponta da caneta, e assim que a mesma fosse colocada na posição de escrever, a esfera era molhada na tinta de um cartucho, esfera esta que rodava devido ao atrito com a folha de papel que deixava uma linha na folha.

 

Dir-se-ia uma invenção simples, mas foi necessário muita imaginação e algum trabalho.

 

Biró apresentou o primeiro protótipo da caneta esferográfica na Feira Internacional de Budapeste em 1931. Depois patenteou a sua invenção em Paris em 1938.

 

A caneta esferográfica começou a ser produzida em 1944 sob o nome 'Eterpen' ao preço equivalente a 38.40€.

 

Quem diria, já que actualmente a caneta esferográfica é muito mais barata! Ainda hoje, a caneta esferográfica é referida como 'Biro' em vários países, inspirado no apelido do seu criador.

 

Biro3.jpg

 

Ladislao José Biro, selo argentino

http://www.cnea.gov.ar/

 

László József Bíró ou Ladislao José Biro foi forçado a fugir da Hungria durante a ocupação nazi, em 1940. Mudou-se então para a Argentina onde obteve a nacionalidade argentina. Morreu em Buenos Aires, cidade que amava acima de todas. Era casado e deixou uma filha, de nome Mariana.

 

Hoje, o Doodle interactivo celebra Biró e seu implacável espírito visionário, 117 anos depois do seu nascimento.

 

Biro4.png

 

 

Caricatura de Ladislao José Biro

http://www.telam.com.ar/

 

Actividades:

 

Informar os alunos sobre a caneta-tinteiro com pesquisa na Internet. Talvez que os avós de alguns dos alunos ainda guardem nas suas lembranças uma caneta-tinteiro ou fotografias dos seus tempos de escola.

 

Debater a importância da criatividade e imaginação que tem permitido ao Homem desenvolver os vários saberes bem como o avanço das ideias ao longo do tempo.

 

A Professora GSouto

 

29.09.2016

 

Licença Creative Commons

 

 

Harry Potter : Ante-estreia peça teatro & lançamento Lello

 

 

Palace Theater, Londres

créditos: Ben A. Pruchnie/ Getty Images

http://assets.nydailynews.com/

 

A antestreia de Harry Potter and the Cursed Child, peça de teatro que decorre 19 anos depois do final da saga de J.K. Rowling, teve lugar segunda-feira, 25 de Julho, no Palace Theater, em Londres.

 

 

Famíla Harry Potter

créditos:

http://www.telegraph.co.uk/

 

Harry Potter and the Cursed Child arranca no momento em que termina o livro e filmes Harry Potter e os Talismãs da Morte, quando Harry, Ginny, Ron e Hermione deixam os filhos na estação de comboio com ligação a Hogwarts. Lembram? 

 

Nesta peça de teatro, Jaime Parker veste interpreta Harry Potter, que actualmente tem 37 anos e trabalha no Ministério da Magia. Já Hermione (Noma Dumezweni) é Ministra da Magia e Ron (Paul Thornley) continua bem humorado.

  

 

Harry Potter and The Cursed Child

créditos: Manuel Harden/ Variety

http://variety.com/

 

Os fãs do jovem feiticeiro que marcaram presença nesta ante-estreia, como por exemplo Marie Smith, confessou que não conseguiu conter as lágrimas no final do primeiro acto.

 

"As palavras não conseguem descrever o quão feliz estava"

 

Mary Smith

 

Para a revista Variety, a história que retrata ao longo de cinco horas e dois actos a vida de Albus Potter em Hogwarts supera todas as expectativas. “Há dez anos, J.K. Rowling levou uma geração à leitura. Agora, The Cursed Child poderá fazer o mesmo pelo teatro”.

 

 

Harry Potter and The Cursed Child

créditos: Manuel Harden/ Variety

https://pmcvariety.files.wordpress.com/

 

“O guião de Jack Thorne mostra que a rejeição leva ao ressentimento e que ninguém nasce vilão”.

 

Já para o jornalista Ben Bratley do New York Times, "Harry Potter and the Cursed Child" é uma peça "afetuosa" e "divertida". "A peça consegue capturar a sensibilidade de J.K. Rowling ainda melhor que os efeitos especiais dos filmes", frisa.

 

Os bilhetes para a temporada de estreia da peça de teatro esgotaram uma hora depois da abertura da bilheteira. No site Pottermore, a escritora e criadora da saga, J.K. Rowling, explica a base da peça. 

 

 

Harry Potter, mulher e filhos

Albus (the cursed child)

http://images.radiotimes.com/

 

“Sempre foi difícil ser Harry Potter e não é muito mais fácil agora que ele é um empregado atarefado do Ministério da Magia, marido, pai de três crianças em idade escolar. Enquanto Harry se debate com um passado que se recusa a ficar onde deveria, o seu filho mais novo, Albus, tem de lutar contra o peso do legado familiar que nunca quis. Passado e presente fundem-se sinistramente e tanto o pai quanto o filho descobrem a verdade desconfortável de que, às vezes, as trevas vêm de sítios inesperados”

 

J.K. Rowling, Pottermore

 

 

 Harry Potter And The Cursed Child, book

https://upload.wikimedia.org/

 

O livro Harry Potter and the Cursed Child chega às lojas de todo o mundo na noite de 30 para 31 Julho. No Porto, a Livraria Lello está a preparar um evento especial para o lançamento do livro.

 

O livro, desenvolvido por J. K. Rowling, Jack Thorne e John Tiffany, é oficialmente a oitava história da série e irá retratar os 19 anos que se seguiram após o final de Harry Potter e os Talismãs da Morte - Parte 2.

 

O livro centra-se no primeiro ano de Albus em Hogwarts, em que é constantemente confrontado com o seu legado familiar. 

 

"Perigosamente, passado e presente confundem-se e pai e filho terão que lidar com a desconfortável verdade: por vezes, a escuridão vem de lugares inesperados",

 

Pottermore. 

 

A Lello avisa:

 

Os fãs de Harry Potter que queiram comprar, na Livraria Lello, o novo livro, poderão fazer pré-pagamento a partir das 10:00 de sexta-feira, podendo levantar o livro a partir da meia-noite de domingo, dia 31 Julho 2016.

 

No interior da Livraria Lello, a partir da meia-noite de sábado para domingo, de 30 para 31 Julho, será possível levantar os exemplares da obra, mediante a apresentação do comprovativo de pré-pagamento do livro.

 

Relembra, uma vez mais, que J.K. Rowling não estará presente. Os livros podem ser carimbados com um selo especial, que atesta a presença nesta data na Livraria Lello, não estando os exemplares autografados pelos autores.

 

Guia:

 

lello-guia-harry.jpg

 

Guia para uma boa experiência

https://www.facebook.com/LivrariaLello/

 

 

A cidade do Porto já havia inspirado a autora da saga, que em 1991 viajou para a cidade do Porto, onde viveu durante cerca de três anos e escreveu os primeiros rascunhos do livro Harry Potter e a Pedra Filosofal, que viria a ser lançado em 1997. 

 

Vários órgãos de comunicação social especializada têm avançado que a autora se inspirou em vários aspectos da cidade como as escadas da Livraria Lello, os trajes académicos e o Café Majestic.  

 

 

 

 

 Alan Rickman/ Severus Snape

credits: Pottermore

https://www.pottermore.com/

 

Alguma imprensa anunciou que dois actores da saga estariam presentes na Lello, bem como J.K. Rowling. Mas a Lello já desmentiu, como se pode ler no Aviso (ver acima). 

 

Há fãs de vários países inscritos:

 

"O evento está a ser viral e estamos com imensos subscritores de todo o país bem como também do estrangeiro" 

Livraria Lello

 

 Actividades:

 

Que melhor actividade poderiam desejar para férias do que uma ida a este evento, participar nas propostas que a Lello tem para todos, comprar o livro (versão inglesa) e ler durante a férias?

 

Desejo a todos os harrypotterheads uma noite muito mágica!

 

A Professora GSouto

 

28.07.2016

 

Licença Creative Commons

 

 

Dia Internacional Livro Infantil 2016

 

 

Dia Internacional Livro Infantil 2016

ilustração: Afonso Cruz

http://dglab.gov.pt/

 

"A leitura é uma necessidade biológica da espécie. Nenhum ecrã e nenhuma tecnologia conseguirão suprimir a necessidade de leitura tradicional."

 

Umberto Eco

 

Celebra-se no dia 2 Abril, o Dia Internacional do Livro Infantil, em homenagem à data de nascimento do nosso querido autor Hans Christian Andersen

 

A partir de 1967, este dia passou a ser designado por Dia Internacional do Livro Infantil, chamando-se a atenção para a importância da leitura e para o papel fundamental dos livros para a infância.

 

Para assinalar o Dia Internacional do Livro Infantil 2016, a 2 de Abril, a DGLAB convidou o ilustrador Afonso Cruz, vencedor do Prémio Nacional de Ilustração do ano passado, para ser o autor da imagem do cartaz. 

 

 

internationalchildrenscancerday3.jpg

 

International Children's Book Day 2016

illustration: Ziraldo (Brasil)

http://www.ibby.org/

 

A celebração deste dia é uma iniciativa do IBBY (International Board on Books for Young People). Tem como principal objectivo promover o livro infantil e o prazer da leitura nas crianças.

 

Este ano, o patrocinador oficial do Dia Internacional do Livro Infantil é a secção do Brasil que convidou duas entidades importantes de seu país, a escritora de livros infantis, Luciana Sandroni que escreveu a mensagem sob o tema "Once upon a time..."e o ilustrador Ziraldo (designer do poster)

 

Mensagem: Era uma vez...

 

“Era uma vez”… “Era uma vez uma… Princesa? Não. Era uma vez uma biblioteca. E também era uma vez a Luísa que foi à biblioteca pela primeira vez. A menina andava devagar, puxando uma mochila de rodinhas enoooorme. Ela olhava tudo muito admirada: Estantes e mais estantes recheadas de livros. Mesas, cadeiras, almofadas coloridas, desenhos e cartazes nas paredes. – Eu trouxe a foto – disse timidamente para a bibliotecária. – Ótimo, Luísa! Vou fazer sua carteira de sócia. Enquanto isso pode escolher o livro. Você pode escolher um livro para levar para casa, tá? – Só um?! – perguntou desapontada. De repente, tocou o telefone e a bibliotecária deixou a menina com aquela difícil tarefa de escolher somente um livro diante daquela infinidade de estantes. Luísa puxou a mochila e procurou, procurou até que achou o seu favorito: Branca de Neve. Era uma edição de capa dura, com lindas ilustrações. Com o livro na mão, puxou a mochila novamente e, quando já saía, alguém bateu no seu ombro. A menina se virou e quase caiu para trás de susto: era nada mais, nada menos que o Gato de Botas com o livro dele nas mãos, quer dizer, nas patas! (...)

Ler mensagem integral (tradução portuguesa) aqui

 

 

Este ano, Bologna Children's Book Fair vai decorrer de 2-7 Abril 2016. Falamos pois da Feira do Livro Infantil de Bologna. Em 2015, apresentámos duas autoras/ilustradoras portuguesas galardoadas. 

 

A lista de escritores e ilustradores portugueses que representam e divulgam a nossa Literatura Infantil e Juvenil é extensa. Aguardemos então.

 

Mas como estamos a celebrar o Dia Internacional do Livro Infantil, deixo duas ou três sugestões de livros de literatura infantil e juvenil:

 

  

 

Gato Procura-se

Ana Saldanha

ilustração Yara Kono

Caminho, 2016

http://www.caminho.leya.com/pt/

 

Um gato desaparecido serve de tema ao livro que tenta explicar aos mais novos o sentimento de perda. O livro "Gato procura-se”, foi distinguido com o Prémio Bissaya Barreto de Literatura para a Infância 2016, e é, na opinião do júri, 'um livro que aborda de forma delicada e sensível o tema da perda.'

 

 

Gato Procura-se

Ana Saldanha

ilustração Yara Kono

Caminho, 2016

http://www.caminho.leya.com/pt/

 

"Gato procura-se" é mais um livro que ajuda a ultrapassar a tristeza ou a aliviá-la quando se perde um animal de estimação querido. Uma espécie de consolo sobre a inevitabilidade. Mas Ana Saldanha não esquece, através da enumeração, de nos descrever a vida boa que este gato teve.

 

 

 

Gato Procura-se

Ana Saldanha

ilustração Yara Kono

Caminho, 2016

http://www.caminho.leya.com/pt/

 

Sinopse:

 

"O que terá acontecido ao gato? O gato, na realidade, morreu. Esta é uma bela história que pode muito bem servir para contar às crianças, de uma forma sensível, o problema da morte."

 

A obra apresenta um “texto inteligentemente simples, trazido até ao leitor pela voz da criança” e “ encontra, na ilustração, os prolongamentos discretos que refletem o processo de descoberta e crescimento proporcionado pelas vivências do quotidiano” segundo o júri.

 

 

 

O dono da lua

texto e ilustração : Carlos J. Campos

Edição Verso da História, Brasil

https://www.versodahistoria.pt/543-infantil/o-dono-da-lua

 

Sinopse:

 

"Gastão Latife é um rapaz como outro qualquer, apesar do incidente que fez com que ficasse com cara de coelho (ou de rato, as opiniões variam). Por ser muito trapalhão e distraído Gastão acaba por ser expulso da Grande Escola de Magia onde estudava e parte sozinho e sem rumo pela floresta. Não tarda a encontrar novos amigos, Cão Pulguento e Pirí, o pirilampo que trocou a capacidade de dar luz pela capacidade de falar, nem consegue evitar meter-se em sarilhos. Ao sair da floresta, Gastão é preso por um rei que pensa ser dono da lua. Para se salvar, assim como a todos aqueles que são vítimas da tirania do rei, o ex-aprendiz de feiticeiro vai ter de provar aquilo que vale."

 

Uma criatura estranha dentro de uma masmorra mal iluminada e cheia de ratos é a primeira imagem que este livro nos oferece.

 

Resumo:

 

“Olá, o meu nome é Gastão. Gastão Latife. Pode não parecer, mas sou um menino como qualquer outro”, apresenta-se o protagonista, que tem cara de coelho (ou de rato, segundo alguns). A acompanhá-lo está um cão cheio de pulgas e um pirilampo apagado (preferiu ter voz a ter luz).

 

Nas páginas seguintes ficamos a saber que o rapaz-coelho-rato foi expulso da Grande Escola de Magia por se revelar desajeitado demais para ser feiticeiro. É Gastão quem vai contando a sua própria história, mas sempre contrariado. “Se julgam que eu vou explicar porque um menino como qualquer outro tem esta cara de coelho, desistam. Hoje não me apetece… Ainda por cima, é uma longa história. Fica para outra oportunidade”, diz no início. Estado de espírito que se repete mais adiante: “Esqueçam! Eu já disse que esta é uma longa história, e eu não vou contar. OK?!”

 

Mas lá vai dando conta das suas vicissitudes e descrevendo como iludiu um rei que se julgava dono da lua. Pelo meio, este feiticeiro falhado descobre o que é o esforço, o crescimento, a amizade e a cooperação.

 

Carlos J. Campos assina a colecção "A Vida Difícil de Gaston Latife", que já tem o segundo título editado, "A Rainha Linguaruda". A seguir virá "A Galinha do Inferno". Uma subversão divertida do universo dos contos infantis clássicos aliada a imagens que remetem para o cinema de animação. Resultado: um bom feitiço… para conquistar jovens leitores. 

 

 

 

O Veado Florido

António Torrado

ilustração: Cristina Valadas

ASA editores, 2016

 

O Veado Florido de António Torrado e Cristina Valadas, dois autores que tão bem conhecemos e com privámos de perto, em conversas informais com os alunos, em Sessões de Livros e Autores.

 

Sinopse:

 

“A história que vou contar passou-se há muito e muito tempo, numa terra que muitos arados revolveram, muitos pés pisaram, muitos rios sulcaram, muitas árvores cobriram, muitas secas secaram.

 

Era uma vez um senhor muito rico que possuía nos jardins do seu palácio os mais exóticos animais. Para que nunca esses jardins ficassem vazios, o senhor enviava para todas as terras, conhecidas ou desconhecidas, criados seus, em busca de novos animais. Um deles, o mais experiente, encontrou um veado com hastes adornadas com as mais belas e delicadas flores. Consegue atraí-lo e levá-lo para o palácio do seu senhor. Mas, chegado lá, o veado deixa de ser florido…"

 

 

O Veado Florido

António Torrado

ilustração: Manuela Bacelar

Civilização Editora, 1972

http://www.catalivros.org/

 

Uma parte da 1ª edição poderá ser lida online (leitura digital) no site Cata Livros. É este o delicioso estilo de António Torrado, «Honour List» do Prémio Hans Christian Andersen (1974), e nomeado para o Prémio Hans Christian Andersen 2014, conto que foi publicado pela primeira vez em 1972. Agora, acompanhado pela beleza e sensibilidade das ilustrações de Cristina Valadas, também ela com um estilo que a diferenciae lhe dá um destaque único na ilustração contemporânea.

 

Cristina Valadas foi vencedora do Prémio Nacional de Ilustração 2007 pelo trabalho em "O rapaz que sabia acordar a Primavera", com texto de Luísa Dacosta que lemos nos currículos de Língua Portuguesa e foi um dos livros que fez parte da nossa Conversa Livros de Ilustradora: Cristina Valadas

 

O Veado Florido é uma história sobre a liberdade, escrita numa época em que só pronunciar a palavra era perigoso. Um senhor rico estava rodeado de “uma colecção singular de animais nunca vistos”. Trazidos pelos criados, habitavam gaiolas douradas. Um dos exploradores que forneciam os animais ao palácio descobriu um veado de hastes floridas e logo o caçou, na mira de avultada recompensa. Mas não teve sorte.

 

Assim que se sentiu preso, o veado perdeu as flores. Mesmo na Primavera, “as hastes continuaram secas como raízes arrancadas da areia”. Só quando o homem rico desistiu de todos os animais e libertou também o veado, é que as hastes de novo se “cobriram de folhas luzidias, quase transparentes, e de flores muito brancas”. O homem rico nunca as viu. Ainda bem.

 

Actividades:

 

  • Vão até à biblioteca ler um livro, ou requisitarem para ler em casa. Também poderão ler ou requisitar para ler um ebook, se tiverem um kindle. Há bibliotecas escolares que já têm alguns para poderem ser requistados pelos alunos.
  • Passem numa livraria, já que estão de férias, (isso mesmo, depois de saírem da sessão de cinema) para comprar um novo livro a juntar à vossa biblioteca. Mas antes, é preciso lê-lo... não esqueçam.

 

A Professora GSouto

 

02.04.2016

 

Licença Creative Commons

Harry Potter à solta na Livraria Lello?

 

 

potter-booknight6.jpg

 

Harry Potter Book Night

https://www.facebook.com/LivrariaLello/

 

A Livraria Lello vai associar-se à Harry Potter Book Night, que vai ter lugar em 4 de Fevereiro 2016. Vai então juntar os fãs da obra de J. K. Rowling numa noite cheia de magia e actividades didácticas. Fãs de todas as idades vão acorrer sem dúvida..

 

 

 

Harry Potter Book Night 2015

http://www.storymuseum.org.uk/

 

A Harry Potter Book Night (Noite dos Livros de Harry Potter) teve lugar, pela primeira vez em 2015 com imenso sucesso. Cerca de 10 mil espaços por todo o mundo participaram no evento. É celebrada pelas escolas, e promovida em livrarias por todo o mundo.

 

Este ano vai também ser comemorada no Porto, na Livraria Lello. No dia 4 de Fevereiro, das 18.00 às 20.00 horas, A Lello vai receber os fãs da saga, conhecidos como Potterheads.

 

Nessa noite, a Livraria Lello vai transformar-se numa pequena Hogwarts portuense com um evento “para todas as idades, mas que privilegia os fãs mais miúdos, passando até pelos pequenos leitores que ainda não conhecem este mundo”,

 

Livraria Lello (organização)

 

 

Escadaria Livraria Lello

créditos:  (Photo: Michal Huniewicz/M1key.me

http://ichef.bbci.co.uk/

 

Saber +

 

A Livraria Lello serviu de inspiração à escritora J.K. Rowling para criar as famosas escadarias da escola de feiticeiros Hogwarts, entre outros cenários da história do famoso feiticeiro. Junta-se assim à segunda edição da Harry Potter Book Night, dando especial atenção aos fãs mais jovens.

 

É verdade! A Livraria Lello faz mesmo parte do evento. Está inscrita. É só acederes ao site Harry Potter Book Night. Poderão confirmar a presença da Lello no mapa do site de Harry Potter Book Night. Basta procurar Portugal e clicar em Porto.

 

 

potter-booknight4.jpg

 

Saga Harry Potter

J.K. Rowling

https://photos-5.dropbox.com/

 

Outra coisa não seria de esperar, depois de J.K. Rowling ter confessado que se inspirara na escadaria da Livraria Lello para criar a escadaria da escola Hogwarts, a célebre escola de magia frequentada por Harry, Hermione e Ron.

 

Das 18:00h às 20:00h de 4 de Fevereiro, na próxima quinta-feira, a Livraria Lello transforma-se numa pequena Hogwarts portuense com um evento “para todas as idades, mas que privilegia os fãs mais miúdos, passando até pelos pequenos leitores que ainda não conhecem este mundo”,

 

Livraria Lello (organização)

 

 

Escadaria Livraria Lello

créditos: The Wall Street Journal

http://www.porto24.pt/

 

A associação à Harry Potter Book Night tem mais sentido no Porto e na Lello, uma vez que é conhecida a associação da livraria, em particular da sua famosa escadaria, à escadaria da escola de feitiçaria onde são levados a cabo os ensinamentos da magia.

 

Comunicado:

 

"Estacionem as vassouras à porta do shelter! Estamos à vossa espera para a Noite dos livros do Harry Potter.

 

Na próxima quinta-feira 4 de Fevereiro, das 18h às 20h, vamos fazer leituras e feitiços. No fim da noite haverá prémios, por isso participem, venham vestidos a rigor para a livraria mais mágica e divirtam-se!

 

Recomendamos a faixa etária dos 10 aos 14 anos para as actividades planeadas, mas recebemos toda a gente que ainda assim queira participar. As inscrições já estão abertas por mensagem privada para a nossa página."

 

Livraria Lello/ Facebook

 

 

potter-booknight5.jpg

 

Hogwarts (escadaria) / Harry Potter

http://vignette3.wikia.nocookie.net/

 

Ir + longe:

 

J. K. Rowling viveu na cidade do Porto, como todos sabemos, durante dois anos, como professora de Inglês. E segundo se diz, gostava de passar algumas das suas tardes na livraria Lello, no intervalo da aulas de Inglês que dava num instituto da cidade.

 

 

 

Livraria Flourish and Blotts / Harry Potter

Harry Potter saga

https://1.bp.blogspot.com/

 

Mas há outras inspirações relacionadas com a livraria e com a cidade do Porto na saga Harry Potter.  A Livraria Flourish and Blotts (também numa alusão à Lello), os mantos negros usados em Hogwarts, similares ao traje académico dos estudantes da Universidade do Porto.

 

 

Harry Potter, Hermione, Ron

Harry Potter e a Pedra Filosofal (filme)

https://qph.is.quoracdn.net/

 

Muitas das actividades da Harry Potter Book Night estão envoltas num feitiço oculto de mistério e secretismo.

 

Atenção:

 

A Livraria Lello  tem abertas as Inscrições para o evento Harry Potter Book Night na sua página do Facebook. Estão abertas desde o dia 29 Janeiro.

 

Actividades:

 

É óbvio que as escolas não vão perder um evento destes:

 

  • A programação de uma visita de estudo com alunos já deve estar agendada.
  • Os professores estão a reler ou a ler alguns dos livros da saga nas aulas curriculares, para que os alunos se sintam mais preparados para as actividades que lhes vão se proporcionadas.

Faço ideia da agitação que vai nos currículos de Línguas - Português, Inglês, Francês! Os alunos devem estar ansiosos para que chegue o dia 4 Fevereiro 2016.

  • Apressem-se! Sózinhos, entre amigos, os mais velhos, com os professores de línguas ou com os pais, os mais novinhos, façam a vossa inscrição.

 

 A Professora GSouto

 

29.01.2016

 

potter-booknight7.jpg

 

Noite dos Livros de Harry Potter

Livraria Lello

https://www.facebook.com/LivrariaLello/

 

Nota: 

 

A Livraria Lello já comunicou o encerramento das Inscrições. Era previsível. Um espaço lindo, perfeito, mas demasiado pequeno para um evento desta dimensão. Os fãs de Harry Potter são em número inimaginável, e de todas as idades.

 

Mas eis que hoje, dia 2 Fevereiro, surgiu um novo comunicado:

 

Comunicado:

 

"Como anunciado antes, as inscrições estão fechadas porque as 25 vagas para as actividades foram preenchidas, mas temos uma novidade para todos os que não conseguiram inscrição!

Ficámos tão espantados com a vossa enorme vontade de participar, independentemente da idade, que queremos fechar em beleza esta noite tão especial.

Às 19h30 do dia 4, vamos tirar um retrato de família Potter na escadaria com todos os que quiserem participar. Escolham a vossa melhor máscara e apareçam para festejar connosco e conhecer outros fãs da saga!

 

A nossa esperança não foi em vão ! Parabéns à Livraria Lello !

 

última actualização 01.02.2016

 

 A Professora GSouto

 

Licença Creative Commons

O Piloto e o Principezinho : novo livro ilustrado

 

 

 

O Piloto e o Principezinho

Peter Sís

http://www.jacareca.pt/

 

O livro ilustrado O Piloto e o Principezinho, do autor checo Peter Sis, sobre o nosso autor bem conhecido Antoine de Saint-Exupéry, acaba de ser editado em Portugal pela Jacareca, uma nova chancela, de literatura para crianças, da editora independente Ítaca.

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

Considerado pelo New York Times um dos melhores livros para crianças de 2014, O Piloto e o Principezinho - The Pilot and The Little Prince -  tem agora a edição em Português. Apresenta uma biografia do piloto francês e autor da obra O Principezinho.

 

 

Peter Sís

http://www.petersis.com/about/

 

Saber +

 

Peter Sís, nascido em Brno, na antiga Checoslováquia, é autor e ilustrador de vários livros para crianças. Foram-lhe atribuídos diversos prémios ao longo da sua carreira, entre eles o Prémio Hans Christian Andersen para ilustração em 2012. Vive desde 1984 na área de Nova Iorque.

 

Mas Peter Sís é também autor de diversos livros ilustrados que ultrapassam o domínio da literatura infantil. Um pouco como Maurice Sendak.

 

Sarry Messenger/ Galileo Galilei

Peter Sís

http://www.petersis.com.vhost.zerolag.com/

 

As biografias são uma temática recorrente na obra de Sís. A paixão que dela emana  por alguns grande nomes da História, pela grandeza das suas vidas e pelo encanto das suas personalidades, pela herança que doaram à humanidade, é contagiante.

 

É assim em A Árvore da Vida, único livro do autor editado em português,Terramar, onde conta a fascinante vida de  Charles Darwin, e em Starry Messengerdedicado ao grande  Galileu Galilei.

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

O Piloto e o Principezinho, agora traduzido em português. Trata-se de uma obra que explica sucintamente a vida de Antoine de Saint-Exupéry, bem como o seu percurso literário. O livro vai além da história da sua obra mais famosa, O Principezinho. Nela poderá ficar a conhecer a sua infância, as suas principais influências, bem como os elementos que o inspiraram a criar O Principezinho.

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

Sinopse:

 

Saint- Exupéry  chegou ao mundo em 1900, altura em que a França via inventarem-se os primeiros aviões. O rapaz, que nasceu com cabelo cor de ouro e a quem a família chamava rei-sol, cresceu com a paixão  pelas asas.  Aos doze anos,  construía a sua primeira máquina voadora e ainda que as coisas não tenham corrido pelo melhor,  não se deixou desencorajar.

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

Mais tarde, viria a tornar-se um piloto exímio, cabendo-lhe papel de relevo como um dos pioneiros do correio aéreo. As rotas que percorria, os obstáculos que venceu, os acidentes sofridos, os amigos que teve, os sonhos realizados, são minuciosa e magicamente contados por Sís. 

 

Ir + longe:

 

Considerado pelo New York Times um dos melhores livros para crianças de 2014, O Piloto e o Principezinho chega agora às livrarias portuguesas.

 

Peter Sis é autor de diversos livros ilustrados que não são apenas de literatura infantil. É o caso de A Árvore da Vida, que retrata a vida de Charles Darwin.

 

 

A Árvore da Vida

Peter Sís

http://images.portoeditora.pt/

 

Num registo semelhante ao que já tinha feito sobre a vida e obra de Charles Darwin, em "A Árvore da Vida", Peter Sís conta a história de "um grande aventureiro", que nasceu em 1900, numa "época fervilhante de grandes descobertas em todo o mundo".

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

O texto é remetido para a parte inferior de cada página, ficando o restante espaço ocupado pela ilustração, muito exuberante, conjungando desenho e pequenos apontamentos enciclopédicos sobre Saint-Exupéry.

 

Círculos, rectângulos, estrelas, mapas, árvores genealógicas em forma de mandalas, diários, notas... pequenas histórias dentro da história. 

 

As ilustrações de Peter Sís são cheias de pormenores importantes. Bem concebidas, traduzem-se numa beleza singular, apropriada para todos os leitores, independemente da idade que apreciam o trabalho do autor. É uma forma de biografia ilustrada que agradará sobretudo a todos os níveis etários.

 

 

O Piloto e o Principezinho*

Peter Sís

 

É o que acontece no seu último livro The Pilot and the Little Prince, The Life of Antoine de Saint-Exupéry. A história do autor de O Principezinho é-nos contada com uma sábia mestria e resulta num livro belo e extraordinário!

 

Este livro de Peter Sís, Prémio Hans Christian Andersen 2012, inaugurou a Jacareca.

 

O Piloto e o Principezinho, é um livro "que suscita ao maravilhamento", como descreveu Isabel Castro Silva, responsável da nova editora.

 

Uma extraordinária e inesquecível  viagem pelo tempo e pelo espaço. Acompanhamos Saint-Exupéry nas suas arrojadas viagens,  conhecemos-lhe as rotas, descobrimos-lhe a sensibilidade de sonhador.  Já antes, na sua infância, nos tínhamos levantado de madrugada para lhe fazer a vontade e ouvir os seus poemas.
 
As obras de Sís não se lêem apressadamente. Fazem-nos ler devagar, compreender cada detalhe fabuloso.
 
Esperamos que, tal como Saint- Exupéry, possamos ver mais livros de Peter Sís em Portugal.
 
 
Actividades:
 
 
  • Começar por comparar as diferentes versões de O Principezinho já lidas, e estudadas.
  • Recolher elementos sobre biografias históricas de Saint- Exupéry  com esta biografia criada por Peter Sís.
  • Solicitar aos alunos que se manifestem, em relação ao real e ao imaginário.
  • Convidar os alunos a informarem-se sobre Peter Sís e sua obra, já traduzida em português, mas tabém as versões escritas em inglês. Para isso, o site do autor fornece muita informação.
  • Para os professores, existem também documentos de apoio para exploração pedagógica.
 
 
A Professora GSouto
 
24 Janeiro 2016
 
 
Licença Creative Commons
 
 
Referências : Ilustrações do livro O Piloto e o Principezinho em Hipopótamos na Lua
 
 

Tributo ao Prof. Severus Snape : Harry Potter

 

 

Prof. Severus Snape/ Alan Rickman

Harry Potter saga

http://www.imdb.com/

 

O actor britânico, Alan Rickman, que ficou conhecido por interpretar o papel de Prof. Sverus Snape ao longo da saga Harry Potter, morreu esta semana.

 

 

Harry Potter fans mourning the death of Alan Rickman at Platform 9¾

King’s Cross station, Londres

http://entertainment.inquirer.net/

 

Fãs de Harry Potter estão de luto pela morte de Alan Rickman. Transformaram esta quinta-feira, dia 13 Janeiro 2016 a plataforma 9¾ na estação de King Cross em Londres em memorial improvisado, colocando flores, notas manuscritas, fotografias e outros tributos.

 

"So much love, Snape."

 

Rickman, claro, interpretou a personagem do Professor Severus Snape, na escola de Hogwarts, da saga Harry Potter, em que Plataforma 9¾ é um nexo mágico que leva ao Expresso de Hogwarts.

 

 

Harry Potter & Voldemort

Daniel Radcliff & Ralph Fiennes

Harry Potter and Deathly Hallows, part 2

http://www.imdb.com/

 

Nos filmes Harry Potter, a sua personagem como Severus Snape era um papel extraordinariamente ingrato que durou durante toda a série. Uma figura enigmática de lealdade dúbia, aparentemente, Snape evoluiu de um professor sarcástico de poções para um jogador-chave na batalha em curso de Potter com Voldemort.

 

 

harry-potter-severius.jpg

 

Harry Potter saga

http://img.thesun.co.uk/

 

J.K. Rowling, autora de Harry Potter, utilizou o Twitter para reagir à morte de Rickman:

 

“Não existem palavras para expressar o quão chocada e devastada estou por saber da morte de Alan Rickman. Era um actor magnífico e um homem maravilhoso”, (...) “Perdemos um grande talento."

 

J.K. Rowling

 

 

Prof. Sverus Snape/ Alan Rickman

Harry-Potter and the Philosopher's Stone, 2001

http://www.imdb.com/

 

James Phelps, que interpretou a personagem Fred Wesley na adaptação da saga de J.K. Rowling, disse estar “chocado e triste”. “Um dos actores mais simpáticos que já conheci. As minhas orações e pensamentos vão para a sua família”, acrescentou

 

 

Emma Watson/ Hermione

Harry-Potter and the Philosopher's Stone, 2001

http://www.imdb.com/

 

 

Emmma Watson/ Reuters

http://s1.reutersmedia.net/

 

A actriz Emma Watson/ Hermione também já reagiu à morte do actor através do Facebook :

 

"Sinto-me muito “sortuda por ter trabalhado e passado tempo com um homem e um actor tão especial”. “Vou ter saudades das nossas conversas."

 

 

 

 

 

Também o actor Daniel Radcliff/ Harry Potter expressou seu pesar:

 

"Alan Rickman é sem dúvida um dos maiores actores com qum já traballhaei. Ele é também, uma das pessoas mais leais que eu já conheci na indústria cinematográfica. Ele encorajou-me imenso, tanto durante todas as flimagens dos filmes Harry Potter, como nos anos do pós-Potter. 

 

 

Daniel Radcliff/ Harry Potter

Harry-Potter and the Philosopher's Stone, 2001

http://www.imdb.com/

 

 

Daniel Radcliff

https://upload.wikimedia.org/


As pessoas criam a percepção de actores com base nas personagens que interpreta, por isso pode surpreender algumas pessoas saber que, ao contrário de alguns das mais severas (ou francamente assustadores) personagens que ele interpretou, 
Alan era extremamente gentil, generoso, auto-depreciativo e engraçado.

 

Como actor, ele foi um dos primeiros actores mais 'crescidos' em Harry Potter a tratar-me como um colega em lugar de uma criança. Trabalhar com ele em uma idade formativa foi incrivelmente importante e vou levar as lições que ele me ensinou para o resto da minha vida e carreira."

 

Lindas homenagens, não acham?

 

 

Alan Rickman 1946--2016

créditos: Leon Niel/ AFP

http://www.abc.net.au/

 

"Dear Alan, I was so shocked to hear of your death," it read.

 

"I feel like a great light has gone out of the world. You have always been part of me for my childhood. You have understood and loved Severus more than any of us and a part of him dies with you."

 

Tributo anónimo em King’s Cross station, Londres

 

 

 

 

 Professsor Severus Snape

tributo

 

Actividades:

 

  • Rever as várias interpretações de Severus Snape ao longo dos filmes da saga Harry Potter;
  • O Texto Narrativo: caracterização de personagens (revisão/ aplicação);
  • Solicitar aos alunos que caracterizem Sverus Snape. Exprimam as suas opiniões acerca da personagem, retirando pequenos excertos dos livros da saga Harry Potter que mais marcaram a sua infância ou adolescência;
  • Reler um dos livros ou e-livros da saga;
  • Mural sobre o autor e sua personagem em Harry Potter: tributo a Alan Rickman

 

A Professora GSouto

 

15.01.2016

 

Licença Creative Commons

 

Que Amigo Levo Comigo ? Dr Seuss, inédito em Portugal

 

1507-1.jpg

 

 

Que Amigo Levo Comigo?

Dr. Seuss

tradução: José Dias Pires

http://static.fnac-static.com/

 

"Queremos um amigo.Queremos um amigo.Que tipo de amigo Vou levar comigo? O cachorro? O gatinho?A gata? Ou o cão? Oh, pá! Isto não vai ser fácil, não."

 

É óbvio que já ouviste falar em Dr. Seuss... em inglês, certamente. Pois agora o livro juvenil "Que amigo levo comigo?", do norte-americano Dr. Seuss, descoberto mais de vinte anos depois da morte do autor, foi editado em Dezembro 2015, em Portugal, pela Booksmile.

 

 

 

Theodor Seuss Geisel, cartoonista

http://myhero.com/

 

 

Saber +

 

Dr. Seuss é o nome pelo qual é conhecido o escritor, ilustrador e cartoonista norte-americano Theodor Seuss Geisel, que morreu em 1991, deixando mais de sessenta livros para crianças, quase todos de poesia. Tem traduções em mais de trinta línguas.

 

 

O Gato do Chapéu | Dr Seuss

http://images.portoeditora.pt/

 

Em Portugal, a publicação da obra do autor é esporádica, tendo sido editado o livro "O Gato do Chapéu", pela Gradiva.

 

 

O Gato do Chapéu

Dr. Seuss

http://catatu.catalivros.org/

 

 

 

O Gato do Chapéu

Dr. Seuss

http://recursos.wook.pt/

 

"Que amigo levo comigo?", teve em Julho uma tiragem de um milhão de exemplares nos Estados Unidos. É o primeiro de uma série de obras do autor que a Boooksmile vai editar nos próximos meses.

 

 

Theodor Seuss Geisel, cartoonista

http://www.hudsonbooksellers.com/sites/

 

Escrito em rimas, "Que amigo levo comigo?" terá sido escrito e ilustrado por Dr. Seuss, entre os anos 1950 e 1960, e foi descoberto pela viúva e por uma assistente em 2013, entre papéis e desenhos dispersos, reunidos numa caixa.

 

 

Que Amigo Levo Comigo?

Dr. Seuss

http://static.fnac-static.com/

 

 

Ir mais longe:

 

O livro com tradução portuguesa de José Dias Pires, conta a história de dois irmãos que vão a uma loja escolher um animal de estimação para levar para casa.

 

 

Que Amigo Levo Comigo?

Dr. Seuss

https://1.bp.blogspot.com/

 

As rimas sucedem-se consoante os dilemas de escolhas das crianças, entre um cão e um gato, um pássaro, peixes ou um coelho.

 

Theodor Seuss Geisel fez ilustração para publicidade, mas também para revistas como a Life e a Vanity Fair, antes de publicar o primeiro livro para crianças, "And to think that I saw it on Mulberry Street", em 1937.

 

Níveis de aprendizagem:

  • Ensino pré-primário;
  • Ensino Primário (4-6 anos)

 

 

Que Amigo Levo Comigo?

Dr. Seuss

http://static.fnac-static.com/

 

 

Actividades:

 

Ensino Pré-Pimário:

  • Ler livro em voz alta na sala de aula: Vamos contar uma história? A professora lê o livro em voz alta, os alunos apenas ouvem a história.
  • Depois, convidar os alunos a explorar o livro impresso, fazer e/ou ouvir as perguntas dos alunos, complementar qualquer ideia menos explícita.

 

Ensino Primário:

  • Introdução ao livro: Guiar os alunos para a leitura digital da apresentação do livro aqui
  • Convidar os alunos a ler o livro (impresso em papel)
  • Debater o papel dos animais de companhia em casa. Ascultar os alunos sobre as suas preferências de animal. 
  • Ficha de leitura: acompanhamento da leitura
  • Estudo da Rima: iniciar os alunos na elaboração de rimas.

 

Bom trabalho!

 

A Professora GSouto

 

09.01.2016

 

Licença Creative Commons