Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Já chegou a Primavera ! Bem vinda ! Vamos ler ?

 

 

primavera2021-poesia.jpg

 

 

A Primavera chegou! Eugénio de Andrade exprimiu lindamente a Primavera!  O equinócio da Primavera começou às 09:37 deste sábado, dia 20 de Março (hora de Lisboa) no Hemisfério Norte, de acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa. Na Região Autónoma dos Açores ocorreu às 08:37.

 

O equinócio da Primavera marca o momento exacto do início da estação.  O equinócio é um fenómeno astronómico onde o Sol atinge com maior intensidade as regiões próximas à linha do Equador. Nessa altura do ano, o dia tem a mesma duração no hemisfério Norte e no hemisfério Sul.

 

O fim da Primavera é marcado por outro evento astronómico: o solstício de Verão. Este é o período em que o hemisfério Sul está inclinado cerca de 23,5º na direcção do Sol.

 

 

Saber +

 

O termo equinócio deriva do latim, aglutinando na mesma palavra dois termos: Aequus que significa “igual” e Nox que significa noite. Já sabemos.

 

Durante grande parte do século XX, este fenómeno astronómico celebrou-se a 21 de Março. No entanto, desde 2008 que o equinócio se dá no dia 20. Isto deve-se ao facto de o período de translação da Terra não ser exatamente um ano. 

 

Assim, até ao ano de 2044, o equinócio será dia 20 de Março, variando entre 19 e 20 Março a partir desse ano.

 

Por curiosidade, a partir do ano de 2100 esta data voltará a ser entre os dias 20 e 21.

 

 

Google Doodle Primavera 2021 (hemisfério norte)

https://www.google.com/doodles/

 

Google Doodle:

 

Não podia faltar o Doodle assinanalando a Primavera a que Google já nos habituou. O Doodle da Primavera 2021 é uma belíssima ilustração animada do que os habitantes do hemisfério norte esperam dos meses primaveris e dos dias mais quentes e luminosos. Google mostra-nos um pequeno ouriço adoravelmente guarnecido de flores e abelhas (sinónimo de Primavera) que se desloca alegremente em direcção a dias mais quentes.

 

 

primavera2021-bem-vinda.jpg

 

créditos: Autor não identificado

 

Tradições:

 

O dia do início da Primavera é um dia historicamente importante. A chegada desta estação do ano marca a diminuição da frequência das situações de mau tempo, de desconforto e de escassez de produção agrícola, características do Inverno.

 

Tradicionalmente, celebra-se o renascimento da natureza, as flores coloridas voltam a cobrir  as paisagens, a duração do dia natural é cada vez maior.

 

primavera2021-ostara.jpeg

 

Ostara

 

Em tempos antigos celebravam-se os festivais de fertilidade e abundância. O Sabbat do equinócio da Primavera, também conhecido por Festival das Árvores (dia 21 é Dia da Árvore), Ostara e rito Eostre, um rito de fertilidade que celebra o nascimento da Primavera, e o redespertar da vida na Terra. Ostara é o primeiro dia da Primavera.

 

O nome Ostara está relacionado com a deusa da fertilidade, amor e do renascimento da mitologia anglo-saxã, da mitologia nórdica e mitologia germânica. Também é relativo às festividades que se celebram durante o equinócio desta estação. A data tem forte ligação com diversas outras celebrações pagãs.

 

primavera2021-fnac-estante-primavera.jpg

 

créditos: Fnac/ Estante primavera

 

Eu sei! Tem sido muito difícil ficarem em casa, encerrados de manhã à noite,  sem poder ir à escola para aulas presencias. Saudades. Ver ver e conviver com amigos nos intervalos, de conversar com os professores.

 

Mas, dia 19 Abril para uns (Secundário) e dia 5 Abril (2º e 3º ciclos) está por perto. Um pouco mais de coragem!

 

Deixo algumas sugestões de leitura para os mais novos. E também para os adolecentes.

 

Livros infantis:

 

 

primavers2021-livro-blyton.jpg

 

Histórias da Primavera

Enid Blyton

Oficina do Livro

https://www.fnac.pt/

 

Uma fantástica selecção de contos, onde não falta a animação e o entusiasmo próprios do bom tempo! Primavera.

 

Parte numa aventura primaveril com histórias como a do rapazinho que salva um cordeiro em apuros ou as fadas escondidas em ovos de Páscoa.

 

Nota: A magia e o divertimento estão sempre por perto, nesta colecção pensada para os mais novos lerem em voz alta ou para partilharem com amigos nos video chats WhatsApp ou Zoom.

 

 

 

Quero um abraço

Simona Ciraolo

https://www.fnac.pt/

 

Às vezes não vos apetece mesmo um abraço apertado? Ao Filipe, o pequeno cacto, é isto que lhe apetece todos os dias. Mas a ilustre família Cacto não gosta nada de abracinhos e despreza qualquer tipo de manifestação de afecto.

 

Apesar do caso espinhoso, o Filipe não desiste. Um dia, decide partir em busca de carinho e amizade. E, quem sabe, do seu merecido abraço...

 

 

primavers2021-arvore-generosa.jpg

 

A Árvore Generosa

Shel Silverstein

https://www.fnac.pt/

 

Obra do escritor e ilustrador norte-americano Shel Silverstein. O clássico, escrito em 1964, comoveu gerações com a história de uma árvore e um menino. Com poucas palavras, Silverstein fala da relação entre o homem e a natureza, onde uma árvore oferece tudo a um menino, que a deixa de lado ao crescer, ao mesmo tempo que se torna num homem egoísta. Mas para agradar ao menino que ama, a generosidade desta árvore não tem fim - ainda que isto signifique a sua própria destruição.

 

primavera2021-o-menino-do-dedo-verde1.jpg

 

O menino do Dedo Verde

Maurice Druon

illustrações: Walter Lara

https://www.fnac.pt/

 

Era uma vez Tistu... Um menino diferente de todo mundo. Com uma vidinha inteiramente sua, o pequeno de olhos azuis e cabelos loiros, deixava impressões digitais que suscitavam o reverdecimento e a alegria.

 

As proezas de seu dedo verde eram originais e um segredo entre ele e o velho jardineiro, Bigode, para quem seu polegar era invisível e seu talento, oculto, um dom do céu. 

 

Livros adolescentes:

 

 

 

Se vir um Óvni

Nurb

Planeta

https://www.fnac.pt/

 

Um manual de sobrevivência para o fim da adolescência - início da idade adulta. O popular YouTuber e cantor propôs-se escrever um livro que fosse uma espécie de manual para a transição entre a vida adolescente e a adulta, relatando as experiências e lições aprendidas na sua vivência. Mas, ao reflectir sobre a vida e o mundo que o rodeia, acabou por perceber que quem precisa de um manual para sobreviver neste planeta é ele.

 

 

 

Diário de uma Peste, vol 2

Virgin L. Sam

Marie-Anne Abesdris

https://www.fnac.pt/

 

A nossa Peste regressa cheia de novas ideias e aventuras divertidas. Desta vez a nossa Peste está apaixonada! Descobre o primeiro amor e espera ansiosamente pelas férias de Natal e especialmente pela festa do Fim do Ano… Luísa tem tanto de irreverente, decidida e engenhosa como de não deixar de transparecer uma ternura e empatia com a qual qualquer jovem peste não pode deixar de se identificar.

 

 

 

A Primavera que Nunca Acabou , ebook

Bella Prudencio

https://www.amazon.com.br/

 

Uma coletânea formada por três contos exclusivamente para jovens e adolescentes. Centelha, Nosso Xote e Seda Vermelha.

 

Bom, só peço desejar boas energias para os últimos dias de aulas à distância. Brevementem voltam à escola. E já com a Primavera de volta.

 

Bom trabalho! E boas leituras para passar melhor o tempo, fora dos smartphones e tablets! Esparicer, lendo!

 

A Professora GSouto

 

20.03.2021

 

Natal em família : Um natal um pouco diferente este ano

 

natal2020a.jpg

 

Natal

decoração via Pinterest

 

Os festejos de Natal 2020 vão acontecer “com o máximo cuidado”. Deve-se estar à mesa “o mínimo de tempo possível”, passando o resto do tempo de máscara.

 

“Cada um de nós é um risco e o risco é tanto maior, quantos mais formos”

Primeiro Ministro

 

Apesar de não anunciar mais restrições para o Natal, apelou às famílias que se reorganizem de forma a minimizar os contágios.

 

 

 

https://endomarketing.tv/

 

A maior parte dos países europeus estabeleceu um número limite por família, para ceia de Natal. Portugal não. Mas sabemos como é importante cada família reunir os familiares que vivem sobretudo na mesma casa.

 

Quanto aos avós, é importante pô-los à mesa, em lugar à mesa destacado dos outros. Talvez nos topos da mesa? Para minimizar contágios.

 

E a propósito de avós, partilhem este video com vossos filhos, para que compreendam a importância afectiva dos avós...

 

 

 

 

E se de todo em todo não for possível os avós  juntarem-se à família, não esqueçam as redes sociais para os ver e partilhar a ceia de Natal via Zoom, videochamada via Facebook, ou WhatsApp para que não se sintam tão sós.

 

 

Jackas, o pai natal português

 

Quanto às crianças, passem o máximo de alegria e bem-estar. Não deixem de de dizer a 'mentirinha' que o Pai Natal existe,  aos mais pequenos. E para os outros?

 

 

maria-keil-noite-natal-sophia.jpg

 

A Noite de Natal

Sophia de Mello Breyner Andresen

illustrações: Maria Keil

edições Ática, 1959

 

Livros para lerem é uma boa opção! Relembrar dois contos clássicos que tão bem se adaptam ao tempo que estamos a viver. A Noite de Natal de Sophia de Mello Breyner e Um Conto de Natal de Charles Dickens.

 

maria-keil-noite-de-natal-pinheiro.jpg

 

A Noite de Natal

Sophia de Mello Breyner Andresen

illustrações: Maria Keil

edições Ática, 1959

 

Sinopse:

 

A consoada em casa de Joana é cheia de abundância e alegria. Contudo, a menina lembra-se do seu amigo Manuel, que nem vai ter presentes nem uma mesa farta nessa noite tão especial. Decide, por isso, ir ter com ele e dar-lhe o que recebeu. Guiada por uma estrela, Joana descobre, nessa noite, o verdadeiro Natal.

 

 

maria-keil-noite-natal-presepio.jpg

 

A Noite de Natal

Sophia de Mello Breyner Andresen

illustrações: Maria Keil

edições Ática, 1959

 

Um livro que nos transporta para uma época que se repete, neste ano de confinamento em que tantas crianças terão um Natal diferente devido às dificuldades dos pais, em tempos de pandemia.
 
 

natal2020-um-cantico-natal.png

 

Um Cântico de Natal

Charles Dickens

Relógio d'Água, 2016

 

Um Cântico de Natal é uma das histórias mais famosas da literatura e, sem dúvida, o conto de Natal por excelência. Um Cântico de Natal, tradução de Christmas Carol (1843) é talvez o mais dickensiano dos contos. 

 

É que só Charles Dickens poderia, a propósito do Natal, criar personagens como Scrooge, o pequeno Tim, e os três Espíritos do Natal Passado, Presente e Futuro, e acrescentar-lhes o Fantasma de Marley.

 

Este livro tem passado de geração em geração, acompanhado do desejo do autor de que "assombre as casas dos leitores de forma agradável, e que ninguém deseje apaziguá-lo".

 

 

A Christmas Carol

Charles Dickens

1ª edição, 1843

 

Dickens escreveu obras em que denunciavam a vida difícil dos operários na sociedade industrial emergente. A postura essencialmente sentimental expressou-se com muita nitidez nos seus contos de Natal.

 

"Um daqueles raros livros que deu expressão a algo enorme. Acredito que a própria vivência do Natal foi tocada por estas páginas.(…) Uma obra que nos faz pensar e que nos faz sentir. É por isso que continuará a ser lida, não importa quantos séculos passem. As questões que levanta nunca perderão atualidade (…)."


José Luís Peixoto in Prefácio

O livro Um Cântico de Natal, de Charles Dickens que fala do verdadeiro espírito da quadra natalícia, foi eleito pelo escritor José Luís Peixoto para integrar a coleção "Os Livros da Minha Vida"

É certo que há muitas histórias ligadas ao Natal ou não que podem oferecer aos mais novos, mas estes dois clássicos da literatura mundial devem ser incluidos nas leituras dos mais novos, neste Natal 2020.

 

Vai tudo correr bem! Partilhem alegria em família, levando em conta todas as recomendações para que as crianças não fiquem sejam o menos afectadas possível neste Natal diferente,

 

Volto brevemente! Para todos um Bom Natal!

 

A Professora GSouto

 

19.12.2020

 

Licença Creative Commons

Livros : Oceanos & Plástico ? Vamos ser activos ? Nomeações em França 2021

 

 

livro-plasticus-maritimus1.jpg

 

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

A cada hora que passa, mil toneladas de plástico vão parar aos oceanos. 
O equivalente a um camião cheio de plástico, por minuto!
Já é tempo de fazermos alguma coisa.

in Planeta Tangerina

 

É uma 'espécie exótica e invasora' que se encontra em todos os mares e zonas costeiras do mundo. Pode apresentar-se sob uma grande variedade de formas e em todas as cores, incluindo a transparente ou mesmo “invisível”.

 

Em geral, desloca-se fácil e rapidamente, em função dos ventos e correntes. Tem grande facilidade de se adaptar a todos os ecossistemas.

 

Nome científico? Plasticus maritimus, uma designação inventada pela bióloga Ana Pêgo - e agora em livro - que nos últimos quatro anos tem feito questão de publicitar para falar do problema do plástico nos oceanos.

 

 

livro-plasticus-maritimus4.jpg

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Saber +
 
 

Quando era pequena, a bióloga Ana Pêgo não brincava no quintal, mas quase sempre na praia. Fazia passeios, observava as poças de maré e coleccionava fósseis.

 

À medida que foi crescendo, apercebeu-se, porém, de que uma nova espécie invasora se tornava cada vez mais comum na areia: o plástico.

 

 

livro-plasticus-maritimus3.jpg

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

 

Ir + longe:

 

“O meu objectivo é chegar ao máximo de pessoas. Essa tem sido a minha arma de combate: informar”,

 

Ana Pêgo

 

Para melhor alertar para as suas consequências na vida do planeta, Ana decidiu coleccionar e dar um nome a esta espécie. Chamou-lhe Plasticus maritimus, e desde então nunca mais parou, iniciando um projecto de sensibilização para um uso mais sensato dos plásticos. 

 

Inspirado nesse projecto, o livro contém informação sobre a relação entre o plástico e os oceanos.

 

Inclui também um guia para preparar idas à praia, com o objectivo de coleccionar e analisar exemplares desta espécie.

 

livro-plasticus-maritimus5.jpg

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

 

Objectivo: Motivar para a mudança.

 

Sensibilizar para um uso mais sensato dos plásticos (metade usados apenas uma vez), formar activistas, levar à mudança.

 

“Acho que se as pessoas forem informadas sobre o impacto dos nossos hábitos diários, se souberem que as largadas de balões e os cotonetes que atiram para a sanita vão parar ao mar, vão querer fazer alguma coisa. Não podemos continuar à espera que os outros resolvam os assuntos. Temos de ser activos.”

 

A paixão pelo mar veio-lhe dos tempos de criança quando morava a 200 metros da Praia das Avencas, “o quintal mais incrível que alguém podia ter”.

 

Adora baleias e esta é, resume, a sua forma de as salvar.

 

“O meu objectivo é chegar ao máximo de pessoas. Essa tem sido a minha arma de combate: informar”,

 

Ana Pêgo, bióloga

 

 

livro-plasticus-maritimus6.jpg

 

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

 

O o espírito do livro é dar sugestões concretas, descomplicar o que é complicado e tornar um dos maiores problemas e desafios do nosso planeta acessível a uma criança de oito anos.

 

Explica o que é o plástico, com direito a uma “pequena aula de Físico-Química” que mostra como se fabrica e por que é um material tão especial e duradouro, podendo ficar dezenas, centenas de anos no Meio Ambiente.

 

É por isso também que depois dos números assustadores - “todos os anos, cerca de oito milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos, o que equivale a serem despejados no mar, a cada hora que passa, cerca de mil toneladas de plástico, um camião cheio por minuto” - se mostram alternativas e bons exemplos que já estão a ser seguidos noutros países. A França já aprovou uma lei para banir a louça descartável de plástico até 2020.

 

Dá ainda sugestões de hábitos a implementar no dia-a-dia: como lidar com a atitude dos outros se estranharem quando recusamos coisas que não são essenciais, ou mandarmos arranjar objectos que se estragam em vez de ir logo comprar outros.

 

 

livro-plasticus-maritimus2.jpg

 

Plasticus Maritumus

Uma Espécie Invasora

Ana Pêgo

ilustração : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Nota: O livro Plasticus Maritimus está entre os candidatos ao prémio francês Livro Ecológico da Juventude 2021, cujo júri é composto por crianças.

 

 

livre-plasticus- fr.png

 

Plasticus Maritimus

une espèce envahissante

Ana Pêgo

illustrations : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.ecoledesloisirs.fr/

 

A edição francesa de Plasticus Maritimus, une espèce envahissante é um dos seis nomeados na categoria Petit Felipé, de livros para crianças entre os oito e os onze anos, segundo informação disponível no site oficial do Festival du livre et de la presse d'écologie (Felipé) que, desde 2004, atribui o Prémio do Livro Ecológico da Juventude.

 

“Depois de fazer uma seleção de livros, a equipa do Felipé reúne um júri composto por crianças - com idades entre os sete e os 12 anos - que escolhem os vencedores”, lê-se no site do festival.

 

A partir de 2019, o prémio passou a ser atribuído em duas categorias: Petit Felipé (oito-onze anos) e Tout Petit Felipé (seis-oito anos).

 

Os vencedores são anunciados em Junho 2021.

 

Ir + longe:

 

O livro, cujos direitos foram já vendidos para tradução em catalão, galego, espanhol, chinês, checo, inglês, francês, italiano, coreano e polaco, recebeu em 2020 uma menção na categoria de melhor livro de não ficção na Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, Itália.

 

 

livro-plasticus-maritimus6-fr.jpg

 

Plasticus Maritimus

une espèce envahissante

Ana Pêgo

illustrations : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.ecoledesloisirs.fr/

 

Outros nomeações:

 

A edição francesa de Plasticus Maritimus está também nomeada aos prémios literários franceses Sorcières, destinados à literatura para os mais novos, na categoria de não-ficção.

 

Os Prémios Sorcières/ Prix Sorcières  foram criados em 1986, pela Associação de Livrarias Especializadas para Jovens, em parceria com a Associação de Bibliotecários de França, e reconhecem, em seis categorias, a produção literária para crianças e jovens que é publicada no mercado francês.

 

O livro está nomeado na categoria Carrément Sorcières Non-Fiction

 

 

 

Plasticus Maritimus

uma espécie invasora

Ana Pêgo

illustrações : Bernardo P.Carvalho/  Isabel Minhós Martins

https://www.planetatangerina.com/pt/

 

Actividades: Saídas para limpar praias

 

A desenvolver em projecto transcurricular: Línguas; Ciências Natureza; Educação Física; Educação Visual; Educação Cívica.

 

No seu guia de campo, e como uma verdadeira especialista à procura de uma determinada espécie no seu habitat natural, ensina a preparar uma saída para limpar as praias do Plasticus maritimus:

 

  • Equipamento a levar;
  • Cuidados a ter;
  • Melhores locais e épocas. 

 

Para além de bióloga marinha, Ana Pêgo assume-se como beachcomber, isto é, alguém que não se limita a recolher lixo nas praias mas que coleciona e se interessa pela origem e a história dos objetos que encontra.

 

Já apanhou 133 palhinhas na mesma praia e 253 tampas de garrafas em 20 minutos, num passeio no Cabo Raso E tem colecções de pentes, peças de Lego, rodas, isqueiros, escovas de dentes ou embalagens de soro (todas incluídas no livro).

 

A Professora GSouto

 

28.11.2018

 

actualizado: 14.03.2021

Licença Creative Commons

 

fontes: Planeta Tangerina/ Observador-Literatura Infantil

 

Pausa Páscoa : Algumas propostas de actividades !

 

 

http://www.dicasdeartesanatos.com.br/

 

Páscoa. As crianças e adolescentes andam em alvoroço. Sinónimo de liberdade, bom tempo, vida em família saída com amigos. 

 

E alguns até já pensam nas tradicionais doçarias da época: ovos de chocolate, amêndoas, pão-de-ló, e para muitos o tradicional folar.

 

 

pascoa2017.jpg

 

 
Saber +
 
 

A Páscoa é a maior festa da religião cristã. Cristãos do mundo inteiro festejam a Ressurreição de Cristo nos seus próprios ritos. Mas começou por ser uma festa pagã.

 

A data da Páscoa depende da primeira lua cheia da Primavera. A Páscoa celebra-se no próximo domingo, dia 16 de Abril, a seguir à primeira lua cheia da primavera que terá lugar na noite de 11 de Abril.

 

Não vou voltar a escrever sobre tradições, já o fiz em vários posts ao longo dos anos. Mas com férias da Páscoa, começam algumas dificuldades para as famílias para ocupar os tempos aulas livres.

 

páscoa-caça-ovos.jpg

 

 
Actividades de Páscoa: 
 
 
É interessante também notar que existe uma oferta cada vez mais alargada de instituições que organizam actividades para as férias e algumas delas bem interessantes. Embora, por vezes os preços possam ler elevados para muitas famílias. Há que saber procurar.
 
 
Não esquecer que há actividades familiares tradicionais que podem ser feitas em família ao fim-de-semana, como a caça aos ovos. É uma questão de procurar um lugar ao ar livre, pode até ser parque da cidade, e organizar uma caça aos ovos entre amigos dos filhos e seus pais.
 
 
 

pascoa-serralves.png

 

Arte e Natureza

Quinta de Serralves

https://www.serralves.pt/

 

Voltando às actividades organizadas por instituições. Não é bom que sejam actividades que funcionam quase como uma extensão da escola, com aulas ou formatos muito parecidos com os planos curriculares.
 
 
Não é isso que se pretende. Querem-se actividades de carácter lúdico com carácter de novas aprendizagens para a vida.
 
 
Prefiram, portanto, programas que põe as crianças à prova, que lhes propõem desafios diferentes daqueles que eles estão mais habituados.
 
 
Propostas de alguns programas:
 
 
 
Uma experiência que junta Arte e Natureza. Actividades que motivam aprendizagens que valorizam a curiosidade e a criatividade, tendo como ponto de partida o contacto com a arte e a natureza.
 
As oficinas têm um caráter lúdico e pretendem estimular a experimentação e a vivência em grupo.
 
 
Nível etário: 4-12 anos.
 
*Não gratuito.
 
 

 

Férias com Ciência/ A Ciência dos Super-Heróis

http://www.pavconhecimento.pt/

 
 
Pavilhão do Conhecimento - A ciência dos super-heróis.
 
 
Batman, Homem-Aranha, Hulk, Mulher Invisível ou Super Homem. Esta Páscoa, os jovens vão poder ser o super-herói que quiserem no Pavilhão do Conhecimento. Nestas férias, vamos explorar a ciência para quem gosta de histórias aos quadradinhos.

Descobrir como voam ou saltam pelos ares, o que dá força aos seus músculos são alguns dos desafios para os mais pequenos.

Vamos ainda construir foguetões e desafiar as leis da gravidade, treinar como ninjas aplicando com mestria as Leis de Newton, criar gadgets, lançar projécteis, testar a resistência das teias, construir um hovercraft e aprender como os vegetais nos podem dar mais força e energia.
 
 
Data: 10 a 13 de Abril.
 
Nível etário:  6 - 12 anos.
 
* Não gratuito.
 
 

pascoa-museu.JPG

 

News Museum

créditos: Leonardo Negrão/ Global Imagens

http://www.dn.pt/

 

 
 
Uma viagem ao mundo das notícias. Viagem através dos Media, Jornalismo e Comunicação com um significante valor educativo.
 
 
A experiência do NewsMuseum tem valor educativo tanto para jovens dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico e Ensino Secundário como para estudantes do Ensino Superior. 

 

Os jovens podem fazer o download da app NewsMuseum, que serve como “Behind the Scenes” e permite complementar as informações disponíveis sobre as diversas áreas temáticas.

 

Uma experiência bilingue, com todos os conteúdos disponíveis em português e inglês.

 
 Nível etário : 12-17 anos
 
 

pascoa-gaia1.jpg

 

 

O Corpo Humano : Sistemas de Vida

http://www.gaiashopping.pt/

 

 
 
 
Uma Exposição interactiva sobre o corpo Humano Sistemas de Vida. Integrado no projecto 'Animação de A a Z', a exposição inclui um conjunto de actividades lúdico-didáticas dirigidas principalmente a crianças e pré-adolescentes. 
 
 
"Esta iniciativa pretende ajudar a mostrar o que os nossos olhos não podem ver e a complexidade que se esconde para lá da nossa pele, explicando o funcionamento do nosso corpo, e ainda educar e alertar, de forma divertida, para a necessidade da criação de boas práticas e rotinas desde pequeno, de forma a manter um corpo saudável e uma vida sã."
 
 
A exposição Sistemas de Vida vai estar no Piso 0, Praça Central, do GaiaShopping, de 15 de Março a 17 de Abril, das 10h e as 21h.
 
 
Nível etário: 5 -12 anos.
 
Entrada livre
 
 

pascoa-caca.jpg

 

 
 
 

A Girafa pôs um Ovo?!


Será que as Girafas põem ovos?  E onde mora a Girafa da Alfândega? Que amigos costumam descansar sobre o seu pescoço?

 

O Museu Transportes e Comunicações convida para uma Caça aos Ovos de Páscoa que a Girafa escondeu um pouco por todo o Edifício da Alfândega.

 

Passo a passo, ovo a ovo descobrem-se salas imensas, painéis históricos, caves húmidas e misteriosas, um contentor moderno, objetos comunicantes, tesouros que o Capitão Nortada escondeu há muito e que descobrirás nesta fabulosa aventura.

 

Data:  5, 6, 7, 11,12,13 e 18 Abril

 
*Preço: Solicitar informações
 
 
 
 
 
 
Hard Rock Cafe Lisboa convida para um pequeno-almoço do Coelho da Páscoa! Pequeno-almoço na companhia de uma personagem especial: o Coelho da Páscoa.
 

Miúdos e graúdos vão poder deliciar-se com um pequeno-almoço muito original, tirar fotografias com o energético Coelhinho, fazer pinturas faciais e descobrir os inúmeros ovinhos que se escondem pelo HRC.

 

Reúna a família, fuja da rotina e assinale esta data mágica com “um coelhinho de que tudo é capaz”. Embarque nesta viagem doce e colorida e faça desta Páscoa uma Páscoa memorável!

 

Dias 9 e 15 de Abril, entre as 9h30 e as 11h30, HardRockCaffe de Lisboa proporcionará uma manhã recheada de surpresas a toda a família.
 
*Pré-reserva obrigatória
 
 
Bom! Outras haverá. O que é necessário é imaginação e o arrojo de propor coisas diferentes aos nossos jovens. Claro que, se for possível, os Pais também devem participar.
 
 
A Professora GSouto
 
 
08.04.2017
 
 
 Licença Creative Commons

Alunos Participantes Concurso Internet Segura 2008

 

 

saferinternet2008.gif

 

Safer Internet Contest 2008

https://www.betterinternetforkids.eu/

 

Desta vez os alunos  das turmas G-H-I de 5º ano afoitaram-se mesmo! E participaram no concurso Dia da Internet Segura 2008. Todos os trabalhos foram desenvolvidos em grupo.


Os alunos debruçaram-se sobre as vantagens da Internet para a pesquisa de informação e apoio das aulas, mas tomaram consciência que nem toda a informação é fiável.

 

E que há que saber distinguir! Sem esquecer, claro está, que os direitos de autor na web são uma realidade e um direito a respeitar!

 

 O assunto que mais os motivou, no entanto, foi a comunicação online!

 

 

 

Algumas considerações:

 

Sem dúvida. Estamos perante uma nova geração que nasceu já com a Internet e as comunicações online com os amigos é imprescindível. 

 

Adoram teclar, surfar, ouvir música, ver videoclipes ou filmes, jogar e... falar com os amigos e colegas via Messenger!

 

O fenómeno Internet é incontornável. No entanto, quase todos têm consciência dos perigos que os espreitam!

 

Nos seus projectos de grupo, referiram os cuidados a ter com a introdução de dados pessoais, a não aceitação de "novos" amigos nas suas listas de conversa online (Messenger, hi5), a recusa em teclar com desconhecidos e, sobretudo, o cuidado de pedir apoio aos Pais e Professores, em caso de dúvida ou dificuldade!

 

Não esqueceram tão pouco os antivírus! Ficaram alerta para o spam e deixaram de abrir emails duvidosos!

 

Ah! Desenvolveram o sentido crítico para concluir que a publicação de sítios web deveria ter mais controlo, de modo a não serem apanhados algumas vezes. Estarão agora mais atentos.

 

Dos projectos desenvolvidos, seleccionei dez. Estão online no sítio web da Safer Internet Day 2008

 

Agora, é só ter a paciência e a curiosidade de percorrer as 68 páginas web da Galeria do Projecto. Sim, 68 páginas, num total de 671 projectos de jovens alunos provenientes de vários países da Europa!

 

 Estão todos de parabéns! Não temeram concorrer! E mais! Com o mérito de elaborarem trabalhos em circunstâncias tão especiais como as nossas, já que nem um computador temos nas nossas salas de aula.

 

Se não fosse esta nossa comunicação e interacão online, fora da escola, em horário pós-escolar, via blogue e email, o tempo que vos dediquei, muito para além do meu tempo lectivo e não lectivo, com esforço mas muito entusiasmo para que vissem os vossos projectos, hoje, em exposição na SID 2008 projet gallery,  jamais teriam conseguido.

 

A maioria dos jovens alunos, concorrentes europeus, têm à sua disposição nas escolas, todas as ferramentas digitais que lhes permitiram fazer o que afinal nós fizemos  sem dispor dos mesmos meios! Mas concorreram. E marcaram presença!

 

Então, aqui vai! Estamos todos de parabéns! Eu também! Claro!

 

 De Portugal estão presentes 29 projectos... e 10 DEZ são vossos!

 

Digam lá, isto é ou não é uma vitória?

 

 

 

 

Atenção! Atenção!

 

 Está em e-votação um trabalho dos "Torrinhas" na Final do 'Safer Internet'.

 

É muito importante! Para votar, sigam as instruções:

 

  • Select country (seleccionar Portugal)
  • Select age group (seleccionar 5-10)
  • Clicar GO
  • Aparece o trabalho selecionado pelo Júri. Por baixo, está escrito:
  • Add to... é só clicar!
  • Aparece a legenda com um V Added to my favourites,
  • Nas 'pestanas' (alto de página) clicar em My Favorites
  • Depois da descrição do trabalho em francês, marcar <input ... >Choose
  • Depois no final da página (em baixo), clicar em VOTE
  • Clicar OK

 

Está concluida a vossa votação! Não

 

 Não esqueçam! É um trabalho vosso que está na Final! Votem!

 

 

 

 Lista de Alunos concorrentes (grupos):

 

 5º G

 

 Francisca Águedo

Margarida Ramalhete

 

Guilherme Elísio

Tomás Burmester Lopes

 

Ana Loubet

Maria Guimarães

 

Eliane Morais Jaconiano

Teresa Mendonça

 

5º H

 
Ana Sofia Cortez
Catarina Santos
Joana Pinto
Rúben Carvalho

 

António Leão

Dania Silva

Eduardo Martins

Leonor Carneiro

 

Beatriz Couto

Carolina Gomes

Catarina Pinto

Gabriela Barbosa

 
 
Tiago Melo
Tomás Trigueiros
Rúben Silva
 
Fábio Fumega
Inês Silva
 
 
5º I


Francisca Sarmento

Manuel Monteiro

Maria Carolina Fernandes

Maria Carolina Gonçalves

 

Agora é só cuscar e... e não importa ganhar! O maior prémio foi mesmo participar! E representar uma escola portuguesa, não acham?

 

Nós somos o máximo!

 

 

 

A Professora GSouto

 

22.01.2007

 

(agradeço a meu amiguinho Gui o envio deste smiley!)

 

 Actualizado em 05.02.2008

 

 

Licença Creative Commons