Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

PNL : As Palavras Difíceis de António Mega Ferreira

 

 

as-palavras-dificeis.jpg

 

As Palavras Difíceis

António Mega Ferreira

ilustração: Fernanda Fragateiro

 Publicações Dom Quixote, 1ª edição, 1991

https://www.bertrand.pt/livro/

 

Tudo começou no dia em que apanhei o Capitão Fracasse a dançar uma valsa com a Alice, no meio da biblioteca, (...)

 

 António Mega Ferreira, As Palavras Difíceis, Assírio & Alvim, 2005

 

Na sequência do Plano Nacional de Leitura e para satisfazer alguns pedidos feitos pelos alunos das turmas 5G-5H-5I de sugestões de livros que possam ler ou adquirir, deixo aqui um livro encantador!

 

 

palavras-dificeis1.jpg

 

 

As Palavras Difíceis

António Mega Ferreira

ilustração: Fernanda Fragateiro

 Publicações Dom Quixote, 1991

http://catalogo.bmel.pt/

 

"Mas, cuidado, os dicionários são uma armadilha, com aquelas palavras todas. Há quem se perca por entre milhares de palavras, quem demore anos para sair do labirinto, e há até quem tenha desaparecido no meio da selva de palavras difíceis. É que nem todas as palavras que estão no dicionário se podem usar."

 

 

palavras-dificeis4a.jpg

 

 

As Palavras Difíceis

António Mega Ferreira

ilustração: Fernanda Fragateiro

 Publicações Dom Quixote, 1991

https://www.bertrand.pt/livro/

 

 

«Pois não», disse o Coelho Branco, que nesse momento atravessava a sala apressadamente, com um monte de folhas de papel nas mãos. «Por exemplo, é conveniente evitar as seguintes formas verbais: dissuado, ponhamos, haverão, ajamos, peçamos, discirno, compila...»

«E os substantivos», disse o grilo, «não te esqueças dos substantivos».

«Pois, como postura, concubinato, vitupério, catadura, predecessor, procela...»

E desapareceu na estante, entre Os Três Mosqueteiros e A Ilha do Tesouro.

 

António Mega Ferreira, As Palavras Difíceis, capítulo 7, pág. 37

 

 

palavras-dificeis3.jpg

 

 

António Mega Ferreira

créditos: João Lima

via Expresso.pt/ Cultura

 

Autor :

 

António Mega Ferreira nasceu em Lisboa em 1949. Estudou no Liceu Pedro Nunes e formou-se em Direito na Universidade de Lisboa. Estudou Comunicação Social na Universidade de Manchester.

 

Iniciou a sua carreira literária em 1984 tendo publicado várias obras de ficção, poesia e ensaio.

 

Dirigiu a representação de Portugal como País-Tema da Feira do Livro de Frankfurt de 1997

 

Em 2001 foi-lhe atribuído o Grande Prémio Camilo Castelo Branco pelo seu livro de contos A Expressão dos Afectos.

 

Actualmente, prepara a tradução comentada de A Ilha do Tesouro de Robert Louis Stevenson. A ler posteriormente...

 

 

palavras-dificeis2.jpg

 

As Palavras Difíceis

António Mega Ferreira

ilustração: Fernanda Fragateiro

 Publicações Dom Quixote, 1991

https://www.bertrand.pt/livro/

 

 

Actividades:

 

 Antes de lermos o livro na sala de aula, deixo algumas questões. Pode ser?

 

  • Que te sugere o título?

 

Faz o levantamento de algumas palavras difíceis: Por exemplo:

Anacronismo; pulular; vitupério; discernir (...) Sabem o seu significado? Se não sabem, vamos procurar no dicionário?

 

  • Os Três Mosqueteiros; Vida e Aventuras de Robinson Crusoe, Alice no País das Maravilhas? Que obras são?

 

O que farás para ser esclarecido? Vais procurar numa Diciopédia ou simplesmente procuras no Google?

 

  • Pré-selecciona um curto excerto a que queira dar especial importância, para ler em voz altas na sala de aula.

 

Bom! Aqui fica então mais uma sugestão de novos livros, novas leituras! Espero que gostem, para em breve podermos ouvir as vossas impressões em sala de aula. E passar ao estudo da obra na aula curricular de Língua Portuguesa.

 

Eh eh! Divirtam-se na companhia do Capitão Fracasse e da Alice... sim, essa mesmo! Alice no País das Maravilhas.

 

A Professora GSouto

 

17.02.2008

 

Licença Creative Commons

Plano Nacional de Leitura ? Sempre praticámos !

 

 

 Luisa Dacosta, Sonhos na Palma da Mão

ASA Editores

 

"Uma história - como a sentimos?

 

Como semente. Uma semente que cresce connosco e nos faz crescer. Estes "Sonhos na Palma da Mão" pagam, de certa maneira, o encanto que me deram "A Rapariga dos Fósforos", "A Sereiazinha", "O Patinho Feio", "O Rouxinol". Longe na infância. Com as suas sombras e claridades [...] rolavam sobre mim, como berlindes mágicos, percorriam-me os cinco cantinhos da alma, abriam portas secretas, permitiam-me respirações, outras, que nem sabia. Uma dimensão, cujo bafo tento, aqui passar a corações com olhinhos interiores."

 

Luisa Dacosta, Sonhos na Palma da Mão, Edições Asa, 2003

 

 

Mel Evans/AP 2006

http://news.yahoo.com/

 

 

O Plano Nacional de Leitura tem como objectivo central elevar os níveis de literacia dos portugueses e colocar o país a par dos nossos parceiros europeus.

 

(...)

 

Destina-se a criar condições para que os portugueses possam alcançar níveis de leitura em que se sintam plenamente aptos a lidar com a palavra escrita, em qualquer circunstância da vida, possam interpretar a informação disponibilizada pela comunicação social, aceder aos conhecimentos da Ciência e desfrutar as grandes obras da Literatura.

 

http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt

 (texto com supressões)

 

 

O Meu Primeiro Dom Quixote

adaptação do livro Miguel Cervantes

Edições Dom Quixote

 

Há lá coisa mais deliciosamente cativante e intimista do que ler um livro?

 

Então, vamos dar continuidade ao nosso Projecto iniciado em Outubro de 2005, logo nos primeiros meses do 5º ano... 

 

O meu primeiro passo para cativar esse gosto pela leitura, foi aromatizar os últimos momentos de algumas aulas com a leitura de curtos pedacinhos de livros variados e pouco conhecidos. Lembram-se?

 

 

Para Não Quebrar o Encanto

Virgílio Alberto Vieira

Edições Caminho

 

Levava, e continuo a levar, livros para a sala de aula e leio alguns excertos, até vos despertar a curiosidade suficiente para continuarem sozinhos a leitura desses ou de outros livros à vossa escolha.

 

Com esta pedagogia de semear leituras não catalogadas sinto que estou a formar um boa plêiade de cativados leitores e leitoras que passaram a fruir do enorme encanto de ouvir ler histórias, de ler por prazer, e de comprar com a sua semanada livros. Alguns até já pediram pelo Natal... livros! Que bom!

 

 

António Mega Ferreira, As Palavras Difíceis

Publicações Dom Quixote

 

Tudo começou no dia em que apanhei o Capitão Fracasse a dançar uma valsa com a Alice no meio da biblioteca do avô.

 

(...)

 

Bom, foi depois disso que passei a aventurar-me mais vezes até à porta da biblioteca do avô. E um dia, a meio de uma tarde de muito calor, pus a mão na maçaneta da porta, rodei-a lentamente, o coração batia-me apressando [...] Mas no meio, mesmo no meio da biblioteca havia uma zona iluminada, e um homem alto, de botas de cano, chapéu de pluma e capa de veludo vermelha, rodopiava levando nos braços uma menina loura, muito loura, com cabelos atados por uma fita lilás e um vestido da mesma cor."

 

António Mega Ferreira, As Palavras Difíceis, Assírio & Alvim, 2005

 

Actividades:

 

  • Deixar em "Comentários", uma frase, duas ou três linhas do livro que mais gostaram de ler ou que estejam a ler neste momento! Pode ser? 
 
Então, fico à espera...
 

A Professora GSouto

 

07.01.2007

 

Licença Creative Commons