Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Visita de Estudo 6I - Anos 80: Uma Topologia

 

 

0006aqb2

 

Allan McCollum | Untitled Paper Construction (1975)

http://home.att.net/~allanmcnyc/

Relato 

No dia 16 de Novembro de 2006, as turmas 6I/6C da Escola Francisco Torrinha saíram para fazer uma Visita de Estudo à Exposição Anos 80: Uma Topologia. Saímos da escola por volta das 10H30 e como estava bom tempo, fomos a pé porque sendo a Fundação de Serralves tão perto e não estando a chover, não havia necessidade de utilizar os transportes STCP.

 

Percorremos uma parte da Avenida Marechal Gomes da Costa com as sua bonitas casas e jardins encantadores.

 

Fomos divertidos e contentes a conversar e a brincar. Embora já não sejamos bébés... somos crianças e por isso fomos fazendo algumas partiditas por todos desejadas.

 

Quando entrámos no espaço, tudo era calmo e tranquilo. A fundação é muito bonita, o ambiente óptimo. Formaram-se grupos, já que éramos muitos.

 

anos80b.jpg

 http://www.serralves.pt/

 

A nossa turma dividiu-se em dois grupos: um de rapazes e outro de meninas, cada um com um Professor. Os grupos tinham monitores diferentes para acompanhar a visita. A nossa turma foi guiada pela Mariana e pela Cristina. Estava tudo muito organizado.

 

Com esta visita pretendia-se, segundo a nossa Professora de Português conhecer a arte dos Anos 80, isto é uma década antes do nosso nascimento.

 

As peças eram todas muito interessantes e por vezes curiosas, isto é, faziam-nos pensar sobre a forma de ver as coisas dos artistas. As monitoras  também puxavam por nós [e estou a falar do grupo das meninas], diziam-nos que tinhamos que ser nós a descobrir o significado das obras. No nosso grupo feminino, imaginação não faltou!

 

Havia uma obra que parecia uma reunião de pais natais, mas um estava a ser enforcado! A monitora explicou-nos que o artista queria alertar para o verdadeiro significado do Natal!

 

Outra obra que nos agradou foi  um conjunto de quatro quadros [um deles, ilustra a imagem do post] e foi-nos pedido para imaginar o que estaria o pintor a pensar ao criar um de cada cor!

 

anos80e.jpg

 

http://www.serralves.pt/

 

O grupo de rapazes viu outras obras, algumas curiosas e divertidas. Os baldes, filmes que se viam do fim para o princípio.Pianos de perna para o ar. Era confuso! 

 

Vimos tanta coisa! Havia muitas pessoas, mais escolas. O ambiente era muito bom! E fomos muito bem recebidos.

 

À saída fomos à loja da recordações para comprar um 'símbolo' que nos fizesse lembrar Serralves e a nossa visita. Quando saímos, ainda havia muita energia. Regressámos à escola a conversar e a cantar.

 

Pensamos que esta visita correu muito bem, pois as duas turmas aprenderam, 'criaram memória' segundo Ulrick Loock e divertiram-se a adquirir conhecimentos.

 

Os Professores relembraram certamente  a década que viveram, os famosos Anos 80.

 

Esperamos repetir...

 

Alunos:

 

Ana Isabel, 11 anos

Ana Margarida, 11 anos

António Pedro, 11 anos

Madalena Guedes, 10 anos

Nuno, 11 anos

Sebastião Guedes, 11 anos

 

{#emotions_dlg.meeting}Opiniões

 

Gostei da visita porque nos deu a oportunidade de aprender mais sobre arte, e sobre os artistas dos anos 80. A obra que mais me sensibilizou foi o enforcamento do Pai Natal. Achei interessante uma pintura em que um homem tinha um problema: 'Que sapatos hei-de eu calçar?' Obrigada Professora pela oportunidade que nos deu de conhecermos esta Exposição!

 

Ana Margarida Castro, 11 anos

 

Gostei muito de ir à Fundação de Serralves. Os professores que nos acompanharam eram muito simpáticos. A monitora também era muito divertida. O que mais gostei foram as obras de Thomas Struth. Também um escultura de cartão muito original me chamou a atenção porque nos mostrava como poder ser criativo reciclar.

 

Bárbara, 11 anos

 

Gostei muito deir a Serralves! A monitora falou-nos do arquitecto que desenhou o Museu de Arte Contemporânea. Chama-se Siza Vieira e é avô dum colega de turma. A monitora mostrou-se depois muitas obras: pinturas, esculturas, e tantas outras coisas.

 

Miguel Borges, 11 anos

 

Na exposição vi objectos de arte muito interessantes, tais como quadros, filmes, uns balões muito engraçados, esculturas... Mas o que mais gostei foi um filme visto de trás para a frente!

 

Sebastião Guedes, 11 anos

 

Gostei muito da visita. Aprendi o que é arte contemporânea, e comecei a conhecer pintura, escultura e outros obras dos anos 80. Fiquei a saber coisas novas.

 

Raquel Victor, 11 anos

 

O meu grupo começou a visita pela maqueta do combóio. Este andava de 5 em 5m. Depois fomos ver uma obra que mostrava uma velhinha com um terço no pescoço sempre a rezar. Vi mais coisas e gostei muito!

 

José Diogo, 11 anos

 

Gostei muito de ir a Serralves. Havia muita gente, mais escola, alunos pequeninos e alunos do secundário. Não pensava ver tantas esculturas, mas mesmo assim gostei da exposição. Fomos muito bem recebidos.

 

Tiago Furtado, 11 anos

 

A exposição foi muito divertida e cultural. A Mariana, nossa monitora, era muito divertida e mostrou-nos imensas coisas! Do que mais gostei foi da maqueta do cómbóio, logo à entrada. Espero q Serralves apresente mais exposições assim, para podermos voltar. Obrigada Professora por nos levar!

 

Sebastião Guedes, 11 anos

 

Agradecimentos

 

Professora Luisa Pimentel (Inglês)

Professor Jorge Figueiredo (EVT)

Professor Ernesto Pereira (EVT)

Fundação de Serralves - Serviço Educativo

Mariana Brandão/ Cristina Alves [Monitoras]

 

A Professora Coordenadora

GSouto

 

06.12.2006


Licença Creative Commons

Visita de Estudo 6C - Anos 80: Uma Topologia

 

00067drs

 

Fotografia: Cindy Sherman

http://www.serralves.pt/

 

No dia 16 de Novembro de 2006, os alunos do 6C e do 6I da Escola Francisco Torrinha foram fazer uma visita de estudo à Fundação de Serralves. O objectivo era ter uma aula no Museu de Arte Contemporânea - Anos 80: Uma Topologia.

 

A Professora de Português publicou previamente um post  para que os alunos se informassem sobre o tema da Exposição e alguns aspectos mais relevantes.

 

Os alunos do 6C foram acompanhados pelas Professoras de Língua Portuguesa/ Formação Cívica e Língua Inglesa.

 

Relato 

 

Fomos guiados pelo monitor Pedro Magalhães que nos propôs fazer uma visita mais pormenorizada pelas salas ligadas à Fotografia. Antes da visita começar, o Pedro teve uma conversa connosco, explicou-nos o que era arte contemporânea. Falámos sobre acontecimentos importantes do final dos anos 70.

 

E assim partimos para uma viagem aos Anos 80, mas pela Fotografia!

 

Começámos então a nossa visita guiada com o fotógrafo Thomas Struth seguiram-se muitos outros até terminarmos em Cindy Sherman. O Pedro ia-nos explicando em pormenor cada fotógrafo, as suas técnicas e chamava a nossa atenção para aspectos mais importantes.

 

A certa altura, estávamos a ficar um pouco irrequietos por só ver Fotografia, embora continuasse a ser interessante.

 

anos80c.jpg

 Anos 80 - Uma Topologia

http://www.serralves.pt/

 

No final, tivemos direito a um bónus, embora o nosso estivesse já esgotado. O Pedro, muito simpaticamente, deixou-nos percorrer apressadamente as restantes salas da Exposição para ficarmos com uma ideia diversificada dos Anos 80. Passámos por obras muito modernas e coloridas.

 

Aprendemos muito. Certamente que nos Anos 80, os artistas libertaram muito mais os seus sentimentos que representaram em pintura, fotografia e escultura. Talvez também outros meios, mas não foi possível ver tudo.

 

Anos80.jpg

 http://www.serralves.pt/

 

Voltámos à escola com o Jornal de Serralves sobre a Exposição para podermos pesquisar sobre todas as obras que vimos e debater a nossa experiência numa aula viva no museu que nos abriu novos conceitos de arte.

 

Inês Gil, 11 anos

Cláudia Carneiro, 10 anos

 

{#emotions_dlg.meeting}Opiniões

 

Eu gostei bastante desta Exposição sobre Fotografia, embora ache que foi um pouco inadaptada para a nossa idade. É claro que gostei de apreciar os fotógrafos presentes, mas penso que teria sido mais interessante se tivessemos passado por outras aspectos da Exposição. Ficaria com uma ideia geral dos Anos 80.

 

Cláudia Carneiro, 11 anos

 

Eu gostei muito de ver as fotografias a preto e branco que mostravam prédios. Também gostei de outras, mas achei que a visita sobre Fotografia não era muito apropriada para a minha idade. Mesmo assim, o Pedro explicava muito bem e foi muito interessante esta aula diferente.

 

Francisca Miranda, 11 anos

 

A Exposição era muito grande e não pudemos ver tudo. Vimos sobretudo a parte dedicada à Fotografia. Algumas eram muito interessantes. Não eram só as fotografias... penso que toda a Exposição deve ser muito interessante. Adorei esta visita a Serralves!

 

Francisco Melo, 11 anos

 

Vimos fotografias de muitos fotógrafos: Thomas Struth, Candida Höfer, Hannah Villiger, Louise Lawler, Cindy Sherman, Jean Michel Baskiat, entre outros. Quando passámos na parte final pelas outras salas, reparei em algumas esculturas e quadros. Gostei muito desta visita!

 

Carolina Neves, 11 anos

 

O monitor Pedro explicou-nos o significado da Exposição através das fotografias. Não gostei muito de estar a ver só fotografias, embora o assunto fosse interessante. Mesmo assim, gostei muito e aprendi muito!

 

Mafalda Morais, 11 anos

 

O nosso monitor chamava-se Pedro. Confesso que no início não estava a gostar muito da visita, mas a Professora de Português explicou-nos algumas coisas sobre  assuntos fotografados e então comecei a achar mais interessante. A parte que mais gostei foi quando no final passámos por uma sala que tinha obras de um artista de origem índia.

 

Carolina Rangel, 11 anos

 

Eu e os meus colegas e Professoras sentámo-nos no chão em círculo para ouvirmos as explicações dadas pelo Pedro sobre a Exposição, antes de iniciarmos a visita. Disse-nos que também não devíamos tocar em nada. Depois fomos ver muitas fotografias. Gostei muito!

 

Elisabete Lopes, 14 anos

 

Eu gostei muito da visita a Serralves, embora a parte da exposição em que nos detivemos mais não fosse muito adequada à nossa idade. Mas foi interessante... gostei mais da segunda parte da visita. Fixei o nome da fotógrafa Candida Höfer. Gostei das suas fotografias, por isso esta visita foi interessante para mim. A última parte, não tivemos tempo de ver em pormenor, quando passámos pelas salas apressadamente. Mas gostei muito!

 

Carolina Casaca, 11 anos

 

Gostei muito de ir a Serralves ver a Exposição Anos 80! Gostava de ter admirado outros aspectos da exposição para além da Fotografia. Mesmo assim, foi interessante porque fiquei a conhecer alguns fotógrafos mundiais bem como as suas técnicas de fotografar. Achei interessante a explicação que o monitor nos deu sobre o que é arte contemporânea! Esta exposição foi muito importante para termos uma ideia concreta sobre a arte dos anos 80. Gostei muito desta visita e quero  voltar para ver o resto da Exposição.

 

Inês Gil, 11 anos

 

Agradecimentos

 

Professora Luisa Pimentel (Inglês)

Professor Jorge Figueiredo (EVT)

Professor Ernesto Pereira (EVT)

Fundação de Serralves - Serviço Educativo

Pedro Magalhães [Monitor]

 

A Professora Coordenadora

GSouto

 

29.11.2006

 

Licença Creative Commons

 

Fundação de Serralves - Exposição Anos 80

 

 

00066ehg

 

 

 

Cartaz : Exposição Anos 80: Uma Topologia

http://www.serralves.pt/

 

"Parte do interesse em revisitar os anos 80 resulta de que muita da arte de hoje reflecte esse legado, embora negando ou ignorando esse passado. Reconsiderar os anos 80 pode servir como ferramenta para destacar e reflectir sobre alguma da arte do presente." (...)

 

Serralves

 

Aula no Museu é sempre uma experiência muito enriquecedora em qualquer curriculo. Educa os alunos para o gosto pela cultura. Uma aula curricular apoiada na Exposição Anos 80. Uma Topologia terá necessariamente um forte impacto no ensino e aprendizagens. 

 

É pois com alegria que preparo uma visita de estudo das turmas 6º ano C/I ao Museu de Arte Contemporânea de Serralves, no próximo dia 16 Novembro 2006.

 

 

 

 

Trata-se de uma das maiores exposições apresentadas em Serralves, integrando cerca de 250 obras de referência de setenta e três artistas de todo o mundo.

 

A visita será guiada por Monitores disponibilizados amavelmente pelo Serviço Educativo.

 

Os alunos far-se-ão acompanhar pelos Professores de Língua Portuguesa, Formação Cívica, Educação Visual e Tecnológica, Área de Projecto e Estudo Acompanhado.

 

Actividades de carácter pedagógico e cultural serão desenvolvidas com base nesta Aula prática Exposição Anos 80

 

Exposição Anos 80: Uma Topologia

 

"Porquê os anos 80? Nessa década o mundo assistiu a mudanças significativas nos campos político, social e cultural. Estas geraram novos desenvolvimentos, de grande alcance, cujos desfechos se têm revelado nos anos que agora vivemos. Os anos 80 são o tempo entre a história recente e o presente

(...)

 

A Exposição organiza-se em núcleos geográficos (ex: Düsseldorf, Colónia, Áustria/Países de Leste, Bélgica/Holanda, França, Grã-Bretanha, Península Ibérica, América do Sul, Nova Iorque, Los Angeles, Vancouver, artistas isolados... (...)

 

Serralves

 

Anos80.Livro.jpg

http://www.serralves.pt/

 

 

Saber +

 

Alguns Acontecimentos determinantes para os Anos 80:

 

"No final dos anos 70 alguns acontecimentos devem ser considerados determinantes para o que aconteceu no início da nova década:

  • A eleição de um Papa polaco – passo decisivo que deixava antever o princípio do fim do domínio comunista nos países do Pacto de Varsóvia.
  • A revolução islâmica no Irão – manifestando o surgimento de um novo poder desequilibrante da lógica Leste – Ocidente.
  • O nascimento do primeiro bebé proveta, a 25 de Julho de 1978 – desafio aos procedimentos naturais de gerar vida humana.
  • No final dos anos 80, a queda do muro de Berlim (1989) foi o evento mais visível..."

 

Serralves

(texto com supressões)

 

As expectativas são grandes para todos, alunos e Professores! Estamos convictos que a exposição Anos 80: Uma Topologia nos vai proporcionar aprendizagens no plano estético-cultural de grande impacto nos diferentes curriculos.

 

Partindo desta visita guiada,serão desenvolvidas Actividades no âmbito de um projecto transdisciplinar que, mais uma vez, vai desafiar a nossa criatividade.

 

 

Não esquecer!

  • Bloco de Notas e Caneta. Telemóveis ainda não são permitidos nas salas do Museu.
  • Senha ida/volta Autocarro (deslocação)

 

A Professora GSouto

 

15.11.2006

 

 Licença Creative Commons