Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Pausa Natal : Harry Potter? Sim, novo capítulo escrito por... Inteligência Artificial !

 

 

 

Harry Potter and

The Portrait of What Looked Like a Large Pile of Ash

creditos: Botnik Studios,

http://botnik.org/

 

Não acreditam? Pois podem crer. Temos um novo e hilariante capítulo da vossa saga Harry Potter, mas não escrito por J.K. Rowling

.

Os fãs nem vão crer no que digo. Sim, um novo capítulo, uma nova aventura Harry Potter e o Retrato daquilo que Parecia um Grande Monte de Cinza, tradução de Harry Potter and The Portrait of What Looked Like a Large Pile of Ash  não escrita pela autora, J.K Rowling, mas sim por uma inteligência artificial (IA)!?

O resultado? Uma história estranhamente mágica.

 

 

 

Harry Potter and

The Portrait of What Looked Like a Large Pile of Ash

Bootnik Studioa

 

 

A história é da responsabilidade da Botnik, um grupo dem escritores, artistas e programadores que “colaboram com máquinas para criar coisas estranhas e novas”, dizem no seu site.

 

O estúdio pôs um algoritmo a ‘estudar’ os sete livros da saga Harry Potter para que pudesse ele próprio escrever um capítulo da história do fjovem feiticeiro.

 

O produto inicial era confuso, mas os escritores da Botnik ajudaram a redigir o texto para tornar a leitura mais plausível. 

 

O estilo de escrita da IA é semelhante ao de Rowling, mas a história mais parece um sketch de humor non-sense e ‘pythonesco’ do que do universo Harry Potter.

 

 

harry-potter-IA2.jpg

 

Harry Potter and

The Portrait of What Looked Like a Large Pile of Ash

creditos: Botnik Studios,

http://botnik.org/

 

Ir + longe:

 

Em O Retrato daquilo que Parecia um Grande Monte de Cinza, Harry Potter, Ron Weasley e Hermione lutam contra Devoradores da Morte e enfrentam Voldemort.Oh! Oh!

 

No entanto, esta história aparentemente normal do que conhecemos do universo criado por J.K. Rowling tem algumas particularidades. Vejamos...

 

Quando vê Voldemort, Harry arranca os olhos e atira-os para a floresta. No começo da história, Ron faz “uma espécie de sapateado desenfreado” e desata a “comer a família de Hermione”, que chora quando tenta abrir uma porta cuja palavra-chave é... “Mulheres Bife”.

 

Perto do final, Dumbledore olha para o “porco dos Hufflepuff”, que “saltava como um grande sapo-touro" e pondo-lhe a mão na cabeça, diz-lhe: “és o Hagrid agora”.

 

Esquisito, não? Podem crer! E podem ler todo o capítulo online. Wow! Leitura digital, algo que apreciam bastante!

 

E para finalizar este projecto Harry Potter IA, a Botnik recebeu centenas de criações narrativas de fãs Harry Potter, usando o predictive keyboard (que também pode ser usado para narração e diálogo. E as melhores frases foram escolhidas por um editor e compiladas no capítulo criado pela Botnik! Wow! Excitante!

 

Eis algo que vos vai entusiasmar mesmo! E que taç começaram a criar as vossas próprias histórias usando estes recursos digitais!

 

 

natal-arvore-livros.jpg

 

 

Boas Festas para todos! Tenham um excelente Natal... de preferência com boas notas! E continuem a ler|

 

A Professora GSouto

 

16.12.2017

 

Licença Creative Commons

 

 

Francisco Adam : dedicado aos meus alunos

 

francisco-adam1.jpg

 

           

Francisco Adam

créditos: TVI

 http://morangoscomacucar.com

             

 

 A Pedro Miguel e Juan Antonio

 

Hoje a escola não era a mesma!

 

A alegria não se fazia sentir, os gritos, as vozes, não ecoavam no corredores nem na escadaria, como era semopre usual no regresso às aulas, após umas curtas férias.

 

Os rostos mostravam-se mais fechados, alguns pensativos e tristonhos e os sorrisos rareavam. Faltava vivacidade!

 

Ao entrar nas salas, ao atravessar os recintos de lazer, tudo estava demasiado quieto, demasiado parado, sem aquela alegria fogosa e tantas vezes contagiante!

 

 

francisco-adam.jpg

 

 

Francisco Adam

Morangos com Açucar, série juvenil

https://www.imdb.com/

 

 

Eu sabia! Embora nunca tivesse assistido a um episódio de Morangos com Açucar, não tinha dúvidas que todos os meus alunos, embora muito novinhos, eram fãs fiéis, diários, da série juvenil.

 

Contavam-me pormenores, falavam das personagens, confiavam-me o seu ritual diário, depois da escola. Ver Morangos com Açucar. Era asua pausa pós-escola. Até compreendia.

 

E respeitava os seus gostos, tentando compreender o fenómeno que tanto os atraía e empolgava! Extraimos até alguns episódios para tema de debate sobre comportamentos e adolescência.

 

No princípio do ano, prometera ouvir algumas das canções que a Carolina [5 C] me gravou e seleccionou aquela cujo poema me oferecesse um ou outro ponto de motivação para falarmos de Poesia!

 

A promessa  manteve-se. Ouviram-se as canções, os 'moranguitos' cantaram. Vozes estremecidas pela dor da perda do seu 'conmpanheiro' diário, pós horário escolar.

 

 

francisco-adam2.jpg

 

 

Francisco Adam

© Divulgação

http://img-s-msn-com.akamaized.net/

 

 

Mas a notícia trágica de Francisco Adam - o Dino - que eu desconhecia até ontem, alertou-me de imediato para a necessidade de dar abertura nas aulas de Língua Portuguesa ao diálogo, à expressão dos sentimentos de todos os caloiros do 5C e 5I.

 

A notícia da morte de Francisco Adam, a 16 de abril de 2006, surpreendeu o país. Tinha 22 anos, e na série juvenil  da TVI "Morangos com Açúcar", dava corpo à personagem Dino.

 

 

francisco-adam3.jpg

 

 

Homenagem de fãs no local do acidente

Coruche

créditos: Autor não identificado

http://photos1.blogger.com/

 


Foi a 16 de abril de 2006 que o ator Francisco Adam perdeu a vida, vítima de um acidente de viação, deixando milhares de jovens devastados. 

 

Francisco, ao volante de um automóvel, acabou por embater contra uma árvore. Não resistiu aos ferimentos.

 

Centenas de fãs choraram a sua morte, alguns bem mais jovens, como eram ao meus alunos, a quem apelidava carinhosamente de 'moranguitos'. Têm entre 10 e 12 anos.

 

Estavam tristes, pesarosos, mal conseguiam concentrar-se. Deixei então que exprimissem a sua dor.

 

(...) Morangos com Açucar atingiu um enorme sucesso entre os adolescentes e crianças portuguesas, visível ao nível do seu comportamento (estilos de vestir e penteados), fenómeno conhecido como morangomania. Os ingredientes da história são "sol, praia, desportos radicais, escola, juventude, gente bonita, conflitos, amizade e amor". O enredo anda à volta de quatro irmãos órfãos que saem do Porto e vão viver para Cascais. Pipo, Ricardo Moura Bastos, Joana, Catarina, Rui e Rafa são algumas das personagens centrais da telenovela. Além dos estudantes, outros núcleos de personagens são crianças, pais e professores. (...)

 http://industrias-culturais.blogspot.com

 

Tal como aconteceu nos dias em Pedro Miguel, 13 anos, e Juan Antonio, 17 anos. As escolas, naqueles dias, perderam a alegria. Infelizmente, os três adolescentes perderam a vida em acidentes de viação.

 

Dedicado a três jovens, sem dúvida, especiais, Francisco Adam que conheci pelos testemunhos dos meus alunos, Pedro Miguel e Juan António, jovens que deixaram uma marca indelével na vida dos que os rodearam.

 

Os dois últimos, meus alunos, um numa escola do Ensino Secundário, o outro numa escola Profissional de Música, marcaram para sempre a minha vida de Professora.

 

Que possam estar em paz no novo mundo para onde foram chamados. Tão jovens!

 

Com um carinho muito especial também por todos os que se cruzam comigo no dia a dia.

 

Mas sobretudo para os meus 'Moranguitos' a quem hoje prometi publicar um post sobre Francisco Adam, ao ver as lágrimas que corriam enquanto me falavam da personagem que Francisco Adam interpretava. O Dino.

 

Mas "Dino" não foi esquecido. Neste sábado, 16 Abril, em que se assinala uma década do seu desaparecimento, o seu nome está nas "trends" de pesquisa da rede social Twitter.

 

"Não acredito que já passaram dez anos", lê-se em vários comentários

 

 A Professora GSouto

 

18.04.2006

 

actualizado : 16 Novembro 2016

 

Licença Creative Commons