Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

História : 100 Anos Avenida dos Aliados, Porto

 

 

 

Avenida dos Aliados, Porto

Câmara Municipal

créditos : autor não identificado

https://webookporto.files.wordpress.com/

 

A Avenida dos Aliados, no Porto, fez 100 anos no dia 1 Fevereiro 2016. A demolição da primeira pedra com vista à construção da Avenida dos Aliados, no Porto, Portugal, aconteceu há 100 anos, numa zona onde existiam "vielas e lavadouros" e duas ruas principais "muito movimentadas", recorda o historiador Germano Silva.

 

 

Avenida dos Aliados e construção da Câmara

créditos: DN

http://static.globalnoticias.pt/

 

Era naquela zona que se concentravam as sedes dos bancos, de associações políticas e dos jornais do Porto, pelo que a nova avenida se transformou na "sala de visitas da cidade", ao abrir espaço para "famílias inteiras ali se concentrarem, a passear ou a ouvir os relatos do FC Porto que os periódicos transmitiam quando os azuis e brancos jogavam em Lisboa"

 

Germano Silva, Lusa

 

Saber +

 

Por volta de 1886, começaram a chegar ao Porto os ecos das profundas transformações que se operavam em Paris, por iniciativa do barão Haussman, com a abertura dos grandes boulevards.

 

De tal forma que, pelo final do século XIX, entre os círculos pensantes do Porto, generaliza-se a ideia de que o centro cívico era demasiado pequeno, e que há necessidade de se rasgar uma grande avenida central.

 

Em 1889, o engenheiro Carlos Pezerat apresenta à Câmara um projecto propondo o rompimento de uma ampla avenida que ligasse a Praça da Liberdade à Igreja da Trindade.

 

Seria um grande “passeio público”, com uma larga placa central, com árvores e lagos. O lado poente da nova avenida seria ocupado por diversos edifícios ligados à administração pública, a construir de raiz: governo civil, câmara municipal, biblioteca, museu, corpo da guarda e bombeiros.

 

 

avenida-aliados2.JPG

 

Avenida dos Aliados, Porto

Postal da cidade

créditos: Foto Beleza

http://static.canalblog.com/

 

A cerimónia do lançamento da obra, a 1 de Fevereiro de 1916, contou com a presença do Presidente da República, à época, Bernardino Machado, e consistiu na desmontagem da "primeira pedra" do palacete barroco da Praça da Liberdade, onde, desde 1816 e até então, esteve instalada a Câmara do Porto.

 

A cidade gostou da ideia, e atribuiu à rua que liga a Praça Filipa de Lencastre à avenida o nome de Elísio de Melo, "o vereador da Câmara do Porto que teve a iniciativa da construção dos Aliados".

 

"A cidade reconheceu que a avenida veio dar uma nova vida à cidade, numa altura em que o centro de negócios do Porto se muda do largo de S. Domingos mais para cima, devido à construção da estação de S. Bento"

 

Germano Silva, historiador

 

 

Praça da Liberdade/ Estátua D. Pedro

Avenida dos Aliados, Porto

créditos : autor não identificado

http://sorisomail.com/

 

Ir + longe:

 

A Praça da Liberdade, situada ao fundo dos Aliados, era então "um quadrado fechado". Quanto à construção dos Aliados quase como hoje a conhecemos, "demorou muito tempo".

 

A Avenida dos Aliados. inicialmente, Avenida das Nações Aliadas foi aberta em 1916, nos terrenos a norte da Praça da Liberdade.

  

 

Avenida dos Aliados, Porto

Praça da Liberdade/ Estátua D. Pedro

créditos : autor não identificado

http://www.radionova.fm/

 

Do projecto inicial, embora com grandes alterações, nasceu uma bela avenida que se apresentava ladeada de prédios de valor arquitectónico individualizado, para além dos grandes espaços ajardinados, várias vezes modificados.

 

 

 

av-aliados-menina1.jpg

 

 

Avenida dos Aliados, Porto

jardim central calçada portuguesa

escultor Henrique Moreira

http://www.porto24.pt/



Nos jardins, tal como os conhecemos até há poucos anos, viam-se peças ornamentais, com a fonte decorativa, em mármore, alegoria à "Juventude", uma outra escultura conhecida por "Os Meninos", e, no topo, já na Praça do Município, ladeada por pinheiros, a estátua de Almeida Garrett, inaugurada em 1954, para assinalar o Centenário da morte do grande poeta portuense. Mesmo em frente ao edifício da Câmara Municipal do Porto.

 

 

av-aliados-almeidagarrett.jpg

 

 

Estátua Almeida Garrett

escultor Salvador Barata Feyo

crédtios: José Gonçalves

http://www.patrimoniocultural.pt/

 

Na segunda metade do século XIX, a praça torna-se o ponto de encontro da fina-flor da cidade. No seu centro é colocada a estátua equestre de D. Pedro, fundida com o metal derretido das peças de artilharia do Cerco do Porto.

 

 

Avenida dos Aliados, Porto

placas de granito

projecto Siza Vieira/ Eduardo Souto Moura

créditos : autor não identificado

https://1.bp.blogspot.com/

 

A grande avenida de placas de granito, da autoria dos arquitectos Álvaro Siza Vieira e Eduardo Souto Moura, só foi mostrada à cidade em meados de 2006, após ter sido posto em prática um contestado projecto de renovação.

 

 

 

Jardins Avenida dos Aliados, Porto

calçada portuguesa

créditos : autor não identificado

http://photos1.blogger.com/blogger/

 

Antes, os Aliados eram uma avenida com uma placa central em calçada portuguesa, ajardinada e florida que todos os portuenses apreciavam, devido à calçada portuguesa, e aos espaços ajardinados que davam muito mais vida à Avenida dos Aliados.

 

Actividades:

 

Projecto transcurricular Língua Portuguesa / História.

 

  • Pesquisa  sobre a história da cidade de Porto, Avenida dos Aliados, Praça da Liberdade : documentos autênticos (fotografias, notícias da época);
  • Testemunho de familares (alunos do Porto) sobre as diferentes épocas da Avenida dos Aliados, Praça da Liberdade (gravação);
  • Pesquisa de textos literários alusivos à cidade do Porto. Seleccção de textos;
  • Exposição Biblioteca Escola :100 Anos Avenida Liberdade : trabalhos dos alunos nas duas áreas curriculares História e Língua Portuguesa.

 

A Professora GSouto

 

21.02.2016

 

Licença Creative Commons

 

Referências : JN | Avenida dos Aliados nasceu há 100 anos