Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Dia Internacional da Dança : A celebrar nas escolas !

 

 

 

 

Qartett4/ Bela Bartok

Coreografia : Anne Teresa de Keersmaeker

Opéra de Paris

https://www.operadeparis.fr/

 

Hoje, dia 29 de Abril celebra-se o Dia Internacional da Dança ou Dia Mundial da Dança. Criado pela UNESCO (1982) que celebra assim Jean-Georges Noverre

 

Jean-Georges Noverre foi um dos grandes nomes da dança. Bailarino francês, nascido a 29 Abril 1729 é considerado o precursor do "ballet d'action"

 

 

 

 

Jean-Georges Noverre

Perronneau, 1764, Louvre

https://en.wikipedia.org/

 

Jean-George Noverre:

 

Mestre da Ópera-Comique, Jean Georges Noverre (1727-1810) propôs um um retorno da dança à Natureza, à alma, e à simplicidade. Termos esses que encontramos nas famosas páginas de Lettres sur la Danse et sur les Ballets“.

 

O belo, segundo Noverre, exige a "razão, em vez da imbecilidade, o espírito, em vez de golpes de força, a expressão em vez de dificuldades técnicas, a graça, em vez de gracejos, o sentimento, em vez de rotinas de passos, o jogo característico da fisionomia, em vez de máscaras inexpressivas." (...)

 

Criado em 1982 pelo Comité Internacional da Dança da UNESCO como uma homenagem ao criador do ballet moderno, Jean Georges Noverre (1727-1810), o dia tem por objectivo chamar a atenção do público em geral para a importância da dança, incentivarndo ao mesmo tempo o apoio por parte das entidades educativas governamentais para esta arte.

 

 

 

 

5 Messagens/ 5 Autores 
Salia Sanou/Georgette Gebara/Willy Tsao/Marianela Boan/Ohad Naharin

 

Todos os anos, a Unesco homenageia uma personalidade ligada ao mundo da dança. Este ano, para celebrar o 70º aniversário do International Theatre Institut, e para sublinhar o aspecto culturai e internacional desta linguagem comum - a dança - o Conselho Executivo bem como  ITI  selectionaram cinco autores para a mensagem: um de cada cinco regiões da UNESCO:  África, Américas, países árabes, Ásia- Pacífco e Europa.

 

 

 

 

A Meio da Noite/ Olga Roriz

créditos: EPA

http://rr.sapo.pt/noticia/

 

Em Portugal, os espetáculos começam na sexta-feira e estendem-se a todo o país. Grupos de dança, escolas e associações realizam espectáculos e oficinasl, com o objectivo de festejar uma arte cuja universalidade é incomensurável.

.

A nova coreografia de Olga Roriz "A meio da noite" teve antestreia no Festival de Música de Leiria. E tem estreia marcada para dia 28 no Teatro Nacional São João, com repetição no sábado e no domingo.

 

"O título reenvia-nos para a hora do lobo, essa hora entre a noite e o dia, quando todos os fantasmas se libertam, quando mais pessoas morrem e mais pessoas nascem. Eco ou reminiscência de A Hora do Lobo (1968), um dos mais impressivos títulos da filmografia de Ingmar Bergman, em cuja obra Olga Roriz mergulha agora em busca de inspiração e diálogo."

 

 

 

 

Este teatro continua com dias dedicado à dança com o Festival DDD - Dias da Dança 2018 com vários espectáculos ao longo do mês de Maio, a iniciar a 2 Maio, com Impro Sharana.

 

Em Lisboa, a Companhia Nacional de Bailado apresenta a peça Impromptus, de Sasha Waltz, coreógrafa alemã de 55 anos que colabora pela primeira vez com a CNB, com a apresentação desta peça, estreada em 2004.

 

"*Impromptus* fala da beleza e da vulnerabilidade do corpo humano. Sasha Waltz, coreógrafa reconhecida mundialmente, é presença regular em Portugal desde 1997. Este momento marca o primeiro contacto de Sasha Waltz com a CNB, com a promessa de novos desafios no futuro."

 

Sobe ao palco do Teatro Camões às 16h00. A música é de Franz Schubert, a cenografia de Thomas Schenk e Sasha Waltz, o desenho de luz de Martin Hauk e os figurinos de Cristine Birkle.

 

Até 5 Maio 2018

 

 

 

Passo/ Ambra Senatore

http://www.cnb.pt/eventos/

 

Escolas:

 

A coreógrafa italiana Ambra Senatore, actual directora do Centre Chorégraphique National de Nantes, é convidada a remontar uma das suas obras mais emblemáticas, Passo*, de 2010, e a fazer uma nova criação para a CNB.

 

Local: Teatro Camões

 

Quando: 23 Maio 2018

 

Preço: 3€

 

Nível etário : + 6 anos

 

"Questões como a partilha e o encontro são, para a coreógrafa, elementos essenciais do espetáculo ao vivo. O humano atravessa todo o seu trabalho e a sua dança vai sempre ao encontro das pessoas. Entre a dança, o teatro e as artes visuais, Ambra Senatore explora as fronteiras entre ficção e realidade, entre “o dentro e o fora da ação”.  As suas criações alimentam-se de elementos como a teatralidade, as ações e os gestos do quotidiano, cujos detalhes ela observa à lupa, antes de os transpor para um universo surreal."


Ambra Senatore pretende, com as suas peças, tocar as pessoas, propondo uma relação humana, deixando espaço para a fragilidade, a dúvida, o sentido crítico, a partilha e o humor.

 

A Professora GSouto

 

29.04.2018

 

 Licença Creative Commons

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor : Ler é meu direito ! Sugestões

 

dia-mundial-livro2018.jpg

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

créditos: Luisa Ferreira (fotogradia/ LUPA (designer)

http://www.dglb.pt/

 

Todos os anos, escrevo sobre o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor. Tem a ver com o meu imenso gosto pela leitura. E foi esse sentimento que tentei passar aos meus alunos desde 2006 neste blogue, mas muitos anos antes em ensino presencial.

 

Sobre o Cartaz:

 

O cartaz deste ano, baseado numa fotografia que a fotógrafa Luísa Ferreira concebeu no Arquivo Nacional Torre do Tombo, com design da LUPA Designers, pretende "transmitir, metonimicamente, que um livro cruza justamente tudo isto: tempo, espaço, língua, cultura, imagem, suporte, fotografia, escrita, mas também uma leitura e muitas leituras, prazer e fruição."  

 

 

 

 

 créditos: Autor não identificado

 

 Tema 2018:

 

"Ler é meu direito!"

 

Saber + 

 

Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Pretende anualmente promover o prazer da leitura e o respeito pelos livros e pelos seus autores.​ Um dos aspectos pelo qual batalhei desde sempre junto dos alunos. Direitos de autor, ainda nem se falava nisso nas escolas. 

 

Os autores eram citados em contexto educativo, sem se ter o cuidado de informar que autor ou obra.

 

 

dia-mundial-livro2018a.jpg

 

 
Já todos sabemos,também que a data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os homens oferecem às suas «damas» uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como ShakespeareCervantes e Garcilaso de la Vega, falecidos em Abril de 1616.
 
 
 
 

ano-europ-cultur1.png

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

 
Ir + longe:

 

Como escrevemos no post Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, em 2018 celebra-se  o Ano Europeu do Património Cultural. Os Arquivos e as Bibliotecas pretendem relacionar a noção de Património com o valor cultural e intemporal do Livro e da Leitura. Sem dúvida, os livros são património cultural europeu e da Humanidade.

 

Resultando do conjunto de várias entidades, desde o autor ao leitor, passando pelo editor, tradutor, revisor, designer, ilustrador, tipógrafo, livreiro, animador da leitura, o Livro encontra o seu valor intemporal quando é lido e 'passado de geração em geração', de uma língua para outra língua, de um suporte para outro suporte de leitura.

 

 

dia-mund-livro2018.jpg

 

 

 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

http://www.dglb.pt/

 

Livros:

 

No cartaz ofical do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, podemos reconhecer obras de Sophia de Mello Breyner, Fernando PessoaMário de Sá-Carneiro e José Saramago. Mas, convido-vos a percorrer os muitos posts que tenho dedicado a livros e autores portugueses e estrangeiros desde a criação de BlogdosCaloiros (2005)

 

Entre outros, Manuel António Pina, Agustina Bessa-Luís, José Luís PeixotoHélia Correia ou Luisa Dacosta.

 

Dos escritores estrangeiros, destaco Stephen Hawking, Jules Verne, Amy Krouse RosenthalBeatrix Potter, Miguel de CervantesLewis Carroll ou J.K. Rowling, claro!

 

 

Reading-REA.png

 

 

 créditos: Autor não identificado

 

Sugestões livros:

 

Mas há muitos mais autores e livros a pesquisar no BlogdosCaloiros. Façam-no! Vale a pena.

 

Como adoro ler, sempre me preocupei, ao longo dos anos, em ler muito nos currículos de Línguas e Cidadania. E também ia sugeririndo outras leituras aos alunos através deste blogue ou levando livros de literatura juvenil para a sala de aula. Lia então, pequenos excertos para que os alunos ficassem cativados, e fizessem as suas próprias escolhas.

 

 "Ler muito é um dos caminhos para a originalidade; uma pessoa é tão mais original e peculiar quanto mais conhecer o que disseram os outros."

 

Miguel Unamuno

 

 A Professora GSouto

 

23.04.2018

 

 Licença Creative Commons

 

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios : Ano Cultural Europeu 2018

 

dia-museus2018cartaz-oficial.jpg

 

 

 Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

 

Celebra-se hoje, dia 18 Abril, o Dia Internacional dos Museus e Sítios. Comemorado todos os anos, este dia dedicado ao património cultural abre-se aos Museus e Sítios de todo o mundo.

 

A Direção-Geral do Património Cultural, coordenadora nacional do DIMS, em colaboração com o ICOMOS Portugal, convida-nos a associar a esta comemoração através da participação nas iniciativas que decorrem em todo o país.

 

Prevêm-se cerca de 600 actividades, organizadas por 540 entidades em 160 concelhos. Entre visitas guiadas, exposições, concertos, roteiros culturais, a DGPC prevê uma adesão de 100 mil pessoas às diferentes iniciativas.

 

 

dia-museus2018.PNG

 

 

Ano Europeu do Património Cultura 2018

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

Tema 2018

 

"Património Cultural: de geração em geração."

 

O conceito "Património Cultural: de Geração para Geração" assenta na própria definição de "património cultural, enquanto legado de artefactos e construções físicas e atributos intangíveis de um grupo ou sociedade, herdados de gerações passadas, mantidos no presente e transmitidos para o benefício de gerações futuras”.

 

 

Dinâmicas inter-geracionais do Património Cultural
Museu do Côa

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

 

A DGPC detalha, referindo as “mais de 800 iniciativas”, “até agora em 81 municípios”, destacando as previstas 257 visitas livres/orientadas e rotas patrimoniais, os 161 encontros e congressos, 122 exposições, 108 ateliês, 77 espetáculos e “muitas outras iniciativas, como lançamentos de publicações, festivais, campanhas de informação, animações de rua, concursos, recriações históricas, atividades de investigação, projetos digitais, documentários/filmes e sessões de leitura”.

 

dia-museus2018a.png

 

Saber +

 

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (DIMS), foi criado pelo Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios (ICOMOS) a 18 de Abril de 1982, e aprovado pela UNESCO no ano seguinte, com o objectivo de sensibilizar os cidadãos para a diversidade e vulnerabilidade do património, bem como para a necessidade da sua proteção e valorização.

 

Celebrando o património nacional, comemora também a solidariedade internacional em torno do conhecimento, da salvaguarda e da valorização do património em todo o mundo.

 

E este ano 2018 é ainda mais importante para todos nós europeus, dado que estamos a celebrar o Ano Europeu do Património Cultural

 

 

ano-europ-cultur1.png

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

http://anoeuropeu.patrimoniocultural.gov.pt/

 

 

Ano Europeu do Património Cultural

 

Por iniciativa da União Europeia celebra-se este ano 2018, pela primeira vez, o Ano Europeu do Património Cultural. Enquadrado pelos grandes objectivos da promoção da diversidade e do diálogo interculturais e da coesão social, tem como objectivo chamar a atenção para o papel da cultura e do património no desenvolvimento social e económico na Europa e nas suas relações externas, e motivar os cidadãos para os valores comuns europeus.

 

 

 

 

 

 

Objectivos do AEPC 2018:

 

  • contribuir para a promoção do papel do património cultural europeu enquanto elemento central da diversidade e do diálogo inter-culturais;
  • potenciar o contributo do património cultural europeu para a economia e para a sociedade, através do seu potencial direto e indireto;
  • contribuir para a promoção do património cultural como um elemento importante da dimensão internacional da União Europeia.

 

 

Programa Geral

 

Actividades programadas para o dia 18 de Abril, Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2018 a consultar aqui

 

 

 

 

Auto da Ìndia/ Palácio Nacional de Sintra

Sala dos Cisnes

https://www.parquesdesintra.pt/event/

 

Actividades escolas:

 

Em Portugal é promovido um programa de actividades cujo acesso, na grande maioria, é gratuito.

 

A DGPC promove a divulgação do programa nacional do DIMS 2018, procurando cativar cada vez mais participantes para estas comemorações.

 

  • As escolas terão certamente programado várias visitas de estudo para seus alunos, de modo a que estes possam ter acesso ao património cultural do seu país, num ano especialamente importante para as novas gerações que é o Ano Europeu do Património Cultural.
  • As escolas, com o apoio dos Professores das várias áreas curriculares programaram Actividades variadas para celebrar o tema 2018: "Património Cultural: de geração em geração."

 

A Professora GSouto

 

18.04.2018

 

Licença Creative Commons

Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz

 

 

 

 

Dia Internacional do Desporto para 

o Desenvolvimento e a Paz

créditos: UNESCO

https://en.unesco.org/

 

Celebra-se hoje , dia 6 Abril o Dia  Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz. Em Agosto 2013, a Assembleia Geral das Nações Unidas tomou uma decisão histórica ao aprovar a criação de um Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz.

 

A data será assinalada a 6 de Abril, dado ter sido o dia da cerimónia de abertura dos primeiros jogos da era moderna em 1896, em Atenas, pelos estados-membro das Nações Unidas.

 

 

 

créditos : ONU Brazil

 

No âmbito desta decisão, a AG das Nações Unidas relembrou ainda o papel fulcral que o Comité Olímpico Internacional desempenha na promoção de estilos de vida saudáveis e na criação de acesso ao desporto ao maior número de pessoas possível em todo o mundo.

 

Valores:

 

O desporto é simultaneamente um esforço individual e colectivo, é uma actividade individual e uma prática colectiva; baseia-se nos princípios do respeito, compreensão, integração e diálogo, e contribui para o desenvolvimento e a realização pessoal do indivíduo, independentemente da sua idade, género, origem, das suas crenças e opiniões. Por tudo isto, o desporto assume um lugar privilegiado de acção e reflexão no processo de transformação das nossas sociedades.

 

 

 

Desporto, porquê?

 

O desporto tem desempenhado historicamente um papel importante em todas as sociedades, seja na forma de desportos competitivosactividades físicas ou jogos. Mas alguém pode perguntar-se:

 

O que tem o desportp a ver com as Nações Unidas? De facto, o desporto apresenta uma parceria natural para o sistema das Nações Unidas (ONU), incluindo a UNESCO:

 

  • O desporto ou actividades desportivas são direitos humanos que devem ser respeitados e aplicados em todo o mundo;

  • O desporto tem sido cada vez mais reconhecido e usado como uma ferramenta de baixo custo e alto impacto nos esforços humanitários, de desenvolvimento e construção da paz, não apenas pelo sistema das Nações Unidas, mas também por organizações não-governamentais (ONGs), governos, agências de desenvolvimento, desportos. federações, forças armadas e meios de comunicação;

  • O desporto não pode mais ser considerado um luxo em qualquer sociedade, mas sim um investimento importante no presente e no futuro, particularmente nos países em desenvolvimento.

 

 

 

 

Plano de Acção de Kazan

créditos: UNESCO

https://en.unesco.org/

 

Ir + longe:

 

A UNESCO desempenha um papel de liderança neste processo. O Plano de Acção de Kazan é disso um bom exemplo. Aprovado na Rússia, em 2017, pelos Ministros responsáveis pela Educação Física e Desporto, promove uma maior cooperação internacional em matéria de políticas desportivas e tem como objectivo permitir a vinculação directa entre políticas desportivas e os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030.

 

Goals-poster-pt.jpg

 

Objectivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030

https://en.unesco.org/

 

É nesse espírito que a UNESCO celebra no 6 de Abril, pelo quinto ano consecutivo, o Dia Internacional do Desporto para o Desenvolvimento e a Paz.

 

sportday2018e.jpg

 

 

Projecto Gogolf Europa

créditos : Comité Olímpico de Portugal

olimpicoportugal.pt/

 

Actividades:

 

Ao longo do dia, vai ser levar a cabo uma forte mobilização on-line, para a qual todas as escolas estão convidadas a participar, nomeadamente através das hashtag #IDSDP2018 e #Sport2030 e da partilha de eventos e actividades em plataformas como a Sportanddev.org.

 

Registo das actividades aqui

 

"Os valores do desporto são valores de universalidade e concordância. Neste dia unamos as nossas forças e entusiamo para que, através do desporto, contribuamos para a construção de um mundo de respeito, de partilha e de paz."

 

Audrey Azoulay, Directora-Geral UNESCO (excerto mensagem)

 

A Professora GSouto

 

06.04.2018

 

Licença Creative Commons