Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Texto Poético : Parabéns Fernando Pessoa !

 

doodle-fernandopessoa.jpg

 
Google doodle - Fernando Pessoa
 

 

 
 
 
Google doodle Aniversário de Fernando Pessoa
 

No dia em que nasceu Fernando Pessoa, Google não esquece de lhe dedicar um doodle, e a Casa Pessoa propõe-se a comemorar o 123º ano do nascimento do poeta com visitas guiadas, exposições, oficinas criativas para crianças, lanche na Biblioteca e um concerto com Mariano Deidda.
 
 
Saber +
 
 
Não é minha intenção realçar o significativo número de poemas para a infância na obra de Fernando Pessoa, mas sim relembrar o modo como o poeta  promove, por meio da tematização do quotidiano infantil o encontro entre a poesia e a criança.
 
 
 

fernandopessoa-fadas.jpg

 

 

Poema de Fernando Pessoa

ilustração António Modesto (?)

 https://farm8.staticflickr.com/

 


E lembram, certamente, as nossas aulas, os poemas de Fernando Pessoa que líamos e analisávamos, e depois divulgámos no nosso blogue. Lembro a propósito de férias, o poema Liberdade. Ou  o poema As Fadas .
 
Também não podemos esquecer Fernando Pessoa a propósito do acordo ortográfico em A minha Pátria. Ou Língua Portuguesa: 800 Anos.

 
Então este doodle deu-me uma motivação para dedicar este post ao lado da poesia de Fernando Pessoa menos explorado. Poesia para crianças.
 
 
Quando as crianças brincam
 
 
Quando as crianças brincam
Eu as oiço brincar,
Qualquer coisa em minha alma
Começa a se alegrar.

 

E toda aquela infância

Que não tive me vem,

Numa onda de alegria

Que não foi de ninguém.

 

Se quem fui é enigma,

E quem serei visão,

Quem sou ao menos sinta

Isto no meu coração

 

Fernando Pessoa, 05.09.1933

 

 

fernandopessoa-retrato.jpg

 

 

Fernando Pessoa

créditos: Autor não identificado

http://lounge.obviousmag.org/

 
 
Como no início do post me referi às comemorações da Casa Fernando Pessoa, deixo a sugestão: 
 
Actividades:
 
  • Visitar o Banco de Poesia e ler poemas, não só de Fernando Pessoa e de seus heterónimos, mas também os de muitos outros poetas portugueses. Um excelente recurso digital online.

  • Fazer pesquisa de blogues que hoje dedicam posts a Fernando Pessoa.
  • Ler notícias alusivas. Seleccionar temas de debate. 

 

Atenção: Não esquecer referências e/ou fontes para confirmarmos em sala de aula.

 
 
Ah! Acima de tudo, leiam por gosto. É tão bom ler poesia! Ou até escrever... sim porque eu sei quantos gostam de escrever poesia! Pelo menos, todos os alunos que se destacaram nas aulas sobre Texto Poético. E não foram assim tão poucos!
 
 
Quem sabe um dia não verei um livro publicado por mais um aluno meu numa das livrarias da cidade que gosto de percorrer?
 

 A Professora GSouto
 
 
13.06.2011
 
 

Licença Creative Commons