Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Luisa Dacosta - homenagem em Correntes d'Escritas

 

 

Luisa Dacosta em Correntes d'Escritas

Póvoa de Varzim 2011

 

Foto: Rosa Matos

http://www.cm-pvarzim.pt/

 

Decorreu na Póvoa de Varzim a 12ª edição de Correntes d'Escritas, que este ano homenageou a escritora Luisa Dacosta, a mentora da vossa biblioteca - Luisa Dacosta - já que na escola foi professora, e escritora que tão bem conhecem das muitas leituras que fizemos. Não esqueçamos também algumas homenagens qui feitas neste blogue.

 

Correntes d’Escritas homenageou, na sessão de abertura, a escritora Luísa Dacosta, à qual dedicou a 10ª edição da revista que tem o mesmo nome do acontecimento.

 

 

 

Nº 10 Revista Correntes d'Escritas

Luisa Dacosta

Foto: Rosa Matos

http://www.cm-pvarzim.pt/

 

Assim, O 10º número da "Revista Correntes d’Escritas" é dedicado a Luísa Dacosta, uma “poveira de coração”, que, em 2004, foi distinguida com a Medalha de Mérito pela Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.

 

Na sessão de homenagem, escritora falou ao público, feliz, e leu um texto da sua autoria. Luísa Dacosta é autora dos livros "Um Olhar Naufragado" (2008), "A-Ver-O Mar" (1980), "Vovó Ana, Bisavó Filomena e eu" (1969).

 

 

 

Luisa Dacosta na capa da Revista Correntes d'Escritas

Póvoa de Varzim 2011

 

Foto: Rosa Matos

http://www.cm-pvarzim.pt/

 

A escritora nasceu em Vila Real, em 1927. Acabado o liceu, matriculou-se na Faculdade de Letras de Lisboa, onde terminou o curso de histórico-filosóficas, mas não a licenciatura. Professora do ensino oficial - Luísa Dacosta foi professora na Escola Francisco Torrinha nos últimos anos da sua vida de docência.

 

Começou a sua vida literária em 1955 com a publicação de um livro de contos intitulado Província. A partir de 1970 iniciou a escrita de livros para crianças. 

 

Em 2002, as Edições ASA iniciaram a publicação da sua obra completa. Na última edição do "Correntes" a "História com Recadinho" foi reeditada pela editora.

 

 

 

Luisa Dacosta durante a sessão de homenagem

 

Correntes d'Escritas 2011

 

Foto: Rosa Matos

http://www.cm-pvarzim.pt/

 

"Co rrentes d'Escritas" é sem dúvida um dos maiores eventos no panorama da Literatura no nosso país. Nele se cruzam debates, lançamentos de livros, sessões de leitura, feira do livro, exposições, mostras de teatro escolar, concertos. 

 

Mas, voltando a Luisa Dacosta, escritora, pedagoga e símbolo maior do gosto pela leitura e pela palavra escrita na literatura infantil e juvenil, já fora homenageada na 79ª edição da Feira do Livro do Porto em 2009.

 

E quantas vezes, nas aulas lemos os seus livros, ou mesmo depois da escola, vos deixei aqui sugestões de leituras como esta "Leituras em final de tarde", com o livro O Perfume do Sonho da Tarde ou Plano Nacional de Leitura , com um excerto de Sonhos na Palma da Mão, ou ainda no Dia do Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

 

 

 Luisa Dacosta (montagem com ilustração Cristina Valadas

 

http://4.bp.blogspot.com

 

Não podemos esquecer Cristina Valadas, a ilustradora que tem acompanhado Luisa Dacosta nas suas edições infantis e juvenis, ao relembrar a nossa sessão de homenagem a esta premiada ilustradora, Livros de Ilustradores". 

 

Imagens cheias de criatividade que remetem para a simbólica das suas histórias pessoais e de um intimismo gracioso. As ilustrações são verdadeiramente deliciosas!

 

"Traço de grande criatividade, solto, descompromissado, numa profusão de cor. Um todo apelativo para a magia da leitura." - assim apresentei Cristina Valadas, na sessão que meus alunos e eu lhe dedicámos em 2009.

 

Para a Luisa Dacosta vão os nossos parabéns! Uma homenagem mais do que merecida! Correntes d'Escritas não poderia esquecer a sua 'poveira de coração'!

 

 

 Edições ASA

www.leyaonline.com 

 

Uma história - como a sentimos?

 

Como semente. Uma semente que cresce connosco e nos faz crescer. Estes "Sonhos na Palma da Mão" pagam, de certa maneira, o encanto que me deram "A Rapariga dos Fósforos", "A Sereiazinha", "O Patinho Feio", "O Rouxinol". Longe na infância. Com as suas sombras e claridades [...] rolavam sobre mim, como berlindes mágicos, percorriam-me os cinco cantinhos da alma, abriam portas secretas, permitiam-me respirações, outras, que nem sabia. Uma dimensão, cujo bafo tento, aqui passar a corações com olhinhos interiores.

 

Luisa Dacosta, Sonhos na Palma da Mão, Edições Asa, 2003

 

Muitos parabéns cara Luisa Dacosta !

 

A Professora GSouto

 

26.02.2011

Licença Creative Commons

 

Referências:

 

Correntes d'Escritas, Câmara Póvoa de Varzim, Pelouro da Cultura

 

Fotografias de autoria de Rosa Matos em Correntes d'Escritas, Galeria de imagens