Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Robert L. Stevenson : Ilha do Tesouro

 

 

 

Google doodle 160º Aniversário Robert. A. Stevenson

Google doodle 

 

Robert Louis Stevenson nasceu a 13 de Novembro de 1850. Ingressou, com 17 anos, na Universidade de Edimburgo para seguir a tradição familiar de estudos de Engenharia.  Mais tarde, com consentimento cursou Direito.

 

Em 1876, Stevenson conheceu Fanny Osbourne, uma americana que, na altura , era separada. Essa relação não foi bem aceite pelos pais, mas Stevenson não desistiu e seguiu Fanny até à Califórnia.

 

 

Robert. A. Stevenson

https://upload.wikimedia.org/

 

A viagem foi atribulada e isso acabou por servir de fonte de inspiração para alguns dos seus escritos. Fanny e Robert acabaram por casar e regressaram à Escócia onde o autor se reconciliou com os pais.

 

Por sofrer de tuberculose, Stevenson teve que se mudar para países menos húmidos. Viveu na Suíça e mais tarde no sul de França. Os anos seguintes foram passados à procura de um clima que não agravasse a sua doença, até que finalmente se fixou com a família em Samoa, onde morreu em 1894.

 

 É um dos 26 autores mais traduzidos no mundo.

 

 Poeta, ensaísta, autor de romances e livros de viagens, o livro que o imortalizou foi A "Ilha do Tesouro", publicado em 1883.

 

robert-louis-stevenson-google-doodle.jpg

 

Google doodle 160º aniversário Robert A. Stevenson

www.google.com/

 

Este doodle que celebra o autor encerra nas imagens as letras da palavra Google. G tomou a forma de pirata, o primeiro O é a bússola e o segundo O, a montanha. O navio representa a letra G, a bandeira de pirata o L e a caixa do tesourso o E. Muito criativo.

 

Então nada melhor do que passarmos à leitura do seu livro  "Ilha do Tesouro", um clássico da literatura infanto-juvenil que todos os que gostam de aventuras lerão com certeza. Aliás, há excertos desta obra em quase todos os manuais escolares de Língua Portuguesa.

 

robert-louis-stevenson-livro.jpg

 

Porto Editora

 

Pois é! Quando se ouve falar de piratas, pensamos logo na saga O Pirata das Caraíbas que muitos certamente viram no cinema. Mas o que poucos adivinham é que foi "A Ilha do Tesouro" de Stevenson que influenciou esta saga cinematográfica.

 

robert-louis-stevenson-pirata.jpg

 

http://sp1.imgs.sapo.pt/

 

No livro, a história é contada por um garoto chamado Jim Hawkins cujos pais são proprietários da Hospedaria Almirante Benbow. Jim vive diversas aventuras após a chegada de um velho pirata Long John Silver.

 

 

http://news.bbcimg.co.uk/

 

 

 

Mapa desenhado por Stevenson

www.google.pt/images

 

Muitas peripécias vão acontecendo até o jovem Jim se ver num navio partindo em busca de um tesouro. O mapa mostra a ilha ficcional onde se desenrolará a aventura prinicipal. Poderão ler uma página digital aqui

 

Bom, e para vos convencer ainda mais, deixo aqui o trailer do 3º filme da saga "Pirata das Caraíbas: Nos Confins do Mundo" !

 

 

 

 

Só mais uma curiosidade! A Ilha do Tesouro faz parte da lista dos "100 Livros para Ler antes de Morrer". Já vos convenci?

 

 "Se isso não atrai as crianças, é porque elas mudaram muito desde o meu tempo".

 

 Robert Louis Stevenson

 

Sem dúvida! Mudaram e muito! Mas todos os adolescentes continuam a adorar ler! Não é mesmo?!

 

 Boas leituras!

 

 A Professora GSouto

 13.11.10

 Licença Creative Commons

 

 

 

9 comentários

Comentar post