Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

BlogdosCaloiros

"Em toda a infância houve um jardim - isto é coisa de poetas" Agustina Bessa-Luís | BlogdosCaloiros is my blog in Portuguese Language curriculum. It aims to enhance the lessons using ICT and captivate cultural curiosity

Lágrimas por Manchester : Como explicar ?

 

manchester2.jpg

 

 

"Estar de bem com a matemática é estar de bem com a vida. Respirar x vezes por hora é fundamental. Existe paz no rosto esculpido de Pitágoras. E a paz não se troca por nada porque inclui tudo o que é necessário."

 

José Luís Peixoto, Abraço

 

o mundo acordou de novo mais triste, hoje ! Manchester, no Reino Unido, foi ferido no coração, na noite de ontem, 22 Maio 2017. Na enorme sala de eventos da cidade, Manchester Arena, onde cerca de 21 000 crianças e adolescentes e seus familiares assistiam a um concerto da jovem pop star norte-americana Ariana Grande. No final do concerto, ouviu-se uma explosão que ocorreu no exterior da sala, já no foyer, onde muitos outros pais aguardavam as filhas e filhos.

 

 

ariana-grande6.jpg

 

Pray for Manchester

 

"Despedaçada. Do fundo do meu coração, sinto muito. Não tenho palavras"

 

Ariana Grande, Twitter

 

Mas, no site oficial da pop cantora, nem um curta alusão ao sucedido. Uma prece, palavras de apoio a todos os pais que perderam os filhos, às suas jovens fãs que continuam hospitalizadas? Algo está errado por parte da cantora.

 

No concerto de Ariana Grande estavam, na sua grande maioria, crianças e adolescentes. Infelizmente entre as muitas vítimas, há crianças e adolescentes abaixo dos 16 anos.

 

As duas primeiras vítimas identificadas são duas meninas, uma de oito anos e outra de 15 anos. Nas redes sociais, pais deixam a mensagem com a hashtag #missingmanchester num apelo desesperado para encontrar as filhas, os filhos.

 

 

 

Ariana Grande

@ManchesterArena

 

Testemunhas descreveram que Ariana se despedia do público e as luzes se acendiam no pavilhão, quando uma grande explosão provocou o pânico entre os presentes, que correram desnorteados tentado sair da enrome sala.

 

No entanto, pelo que ouvi nas redes sociais, a direcção do Arena esteve sempre a apoiar os presentes, apelando à calma de modo a não provocar mais vítimas, e confirmando que na sala tudo estava tranquilo. No site oficial do Manchester Arena podem ler-se todos os dias mensagens de condolências, de apoio às vitimas. A útima é:

 

"Always Remmber,

Never Forget

Forever Manchester."

 

O que não se passa no site da pop cantora Ariana Grande! Ariana! Há crianças mortas pelo facto de te amarem e quererem expressar a sua admiração ao estar presentes no teu concerto! 

 

 

Manchester está em todos os meios de comunicação social. Jornais, televisão, redes sociais, internet. Nas redes sociais, sucedem-se as mensagens de #PrayforManchester de todos os internautas. Cantores, artistas, jogadores de futebol, adolescentes, pais, público anónimo.

 

 

 

Manchester Arena

http://www.manchester-arena.com/

 

Perante os nossos olhos tristes, as imagens de ontem à noite, 22 de Maio, e hoje, 23 Maio, massacram os nossos corações. Crianças? Pais que para ver a alegria das filhas e filhas no concerto da sua cantora preferida, são apanhados na saída? 

 

Que humanidade é esta em que vivemos? É a pergunta que martela nosso pensamento.

 

Como é que pessoas que sentem como nós, são capazes de fazer algo tão terrível! Atingir crianças, adolescentes, pais, famílias?

 

 

manchester1.jpg

 

 

Homenagem em Manchester

http://i3.mirror.co.uk/

 

Continuamos sem entender. Não há motivos que levem a matar crianças e adolescentes, mesmo que o façam em nome de algo em que acreditam.

 

Professores, animadores extra-curriculares, pais, educadores em geral, sentem a dificuldade de falar com alunos, educandos sobre o trágico acontecimento que teve lugar ontem à noite, no final o concerto de Ariana Grande, em Manchester.

 

Hoje, amanhã, toda a semana, falaremos nas nossas aulas, em casa, mas sobretudo ouviremos. Sim, ouvir o que os alunos nos querem dizer, deixar que exprimam as emoções sobre o ataque no final do concerto de Ariana Grande, em Manchester.

 

É conveniente, de qualquer modo, preparar alguns recursos pedagógicos para dialogar com os alunos.

 

 

ariana-grande2.jpg

 

 

Ariana Grande, concerto Manchester Arena

 https://www.thesun.co.uk/

 

Que dizer aos alunos : 

 

Pelo facto do atentado ter ocorrido no final de um concerto de um dos ídolos pop das crianças e jovens, faz com que, provavelmente, as crianças e adolescentes se sintam mais identificados e estejam mais sensíveis às notícias, às imagens devastadoras. É também natural que as dúvidas e perguntas em torno deste terrífico acidente vindas da faixa etária a que pertencem, surjam com mais expressão: falar, contar, opinar

 

Os alunos mostrar-se-ão apreensivos, quererão contar o que viram, dar a sua versão, perante o que ouviram nos meios de comunicação social, nas redes sociais que frequentam. E também que ouviram em família.

 

 

 

 

“Neste momento, a questão da violência e do terrorismo estão na ordem do dia e devem ser discutidas. Não é possível abafar a informação e não parece que esconder informação seja a melhor abordagem”.

 

Filipa Silva, psicóloga clínica

 

 

Tributo em Bolton, UK

http://www.theboltonnews.co.uk/

 

Algumas considerações para reflectir:

 

Como encontrar as palavras adequadas para cada nível etário?  Sim, vai ser necessário falar. Mas essencialmente ouvir os alunos. E responder, deixando passar a mensagem que nem sempre temos resposta para as suas perguntas. É importante dar esse lado humano.

 

  • Se estiver em aula, solicitar aos alunos um minuto de silêncio, depois de lhes ter explicado a simbólica do gesto que poderá ser universal.
  • Ouvir o que os alunos entenderam, partindo das notícias ou comentários, imagens reais ou posters. Rectificar o que não compreenderam bem. E depois responder às dúvidas, interrogações, alguma angústia. Informações fundamentadas, ou a vossa maneira pessoal de como viveram estes dois dias.
  • Passar alguns das imagens #PrayforManchester que se vão difundindo nas redes sociais. Deixar que os alunos exprimam o que entendem de cada imagem.
  • Ligar ao atentado de Charlie Hebdo e solicitar aos alunos que se exprimam sobre valores: tolerência, respeito pela vida humana, e pela identidade cultural de cada um.
  • Fazer passar a compreensão das ideias e opiniões dos outros, fomentar o diálogo, ajudar a desenvolver o sentido crítico, a condenação de todo o tipo de intolerância, valorizar valores como solidariedade e respeito pela diferença.

 

Bem conscientes das suas responsabilidades, mais fragilizados, também, os professores apresentar-se-ão diante dos seus alunos, nas salas de aulas previamente preparados para estabelecer o diálogo.


Lembremos que todos temos alunos de várias religiões, diferentes 
etnias, nas nossas salas de aula.Todos são amigos, e se respeitam nas suas diferenças.

 

Todos nos respeitamos nas nossas diferenças, e preservamos a essência humana.

 

O mundo está mais triste. Estamos todos, hoje, menos livres, mais inseguros. Mas juntemos as nossa voz a #PrayforManchester.

 

A Professora GSouto

 

23.05.2017

 

 Licença Creative Commons

 

Celebrar Dia Intl dos Museus e Noite Europeia dos Museus !

 

 

dia-museus2017a.jpg

 

Dia Internacional dos Museus

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

 

O Dia Internacional dos Museus, criado pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, celebra-se anualmente a 18 de Maio, através da organização de diversas actividades.

 

O Dia Internacional dos Museus celebra-se com entradas gratuitas em museus, monumentos e palácios, tutelados pela Direção-Geral do Património Cultural, um pouco por todo o país.

 

As comemorações estendem-se à Noite dos Museus, no próximo sábado, com abertura excepcional ao público à noite.

 

Para além das entradas gratuitas nos espaços tutelados pela DGPC, o dia é assinalado com concertos, espetáculos de teatro e dança, intervenções musicais, performances, visitas guiadas e encenadas, entre muitas outras, usufruindo os visitantes, deste modo, de experiências atractivas e fora da oferta habitual. 

 

 

Tema 2017:

 

Em 2017, o ICOM definiu como tema Museus e histórias controversas: dizer o indizível em museus como mote para uma reflexão, naturalmente diferenciada e respondendo aos contextos nacionais, do papel dos museus nas comunidades e na sociedade em geral.

 

 

nuit-musees2017a.jpg

 

La Nuit des Musées 2017

http://nuitdesmusees.culturecommunication.gouv.fr/

 

A Noite Europeia dos Museus, criada pelo Ministério Francês da Cultura e da Comunicação, irá decorrer a 20 de Maio. Os museus portugueses irão associar-se, uma vez mais, a esta celebração.

 

Em resposta ao convite da Direção-Geral do Património Cultural, os espaços museológicos que integram a Rede Portuguesa de Museus irão realizar diversas iniciativas com o objectivo de aprofundar a sua ligação com os visitantes e de envolver novos públicos, essencialmente o público jovem e as escolas, em torno do conhecimento das colecções e da salvaguarda e valorização do património cultural.

 

Neste sentido, os visitantes poderão participar em actividades, tais como espectáculos de teatro e dança, intervenções musicais, performances, visitas guiadas e encenadas, entre muitas outras, usufruindo deste modo de experiências atrativas e fora da oferta habitual.

 

 

dia-museus2017b.jpg

 

http://icom-portugal.org/

 

 

Hoje, dia 18 de Maio, todos os Museus, Palácios e Monumentos tutelados pela DGPC terão entrada gratuita. 

 

No dia 19 de Maio, a partir das 18h00, o Museu de Arte Popular abre as suas portas gratuitamente.

 

No dia 20 de Maio, a partir das 18h00, as entradas também serão gratuitas nos Museus, Palácios e Monumentos da DGPC, excepto no Convento de Cristo, no Mosteiro de Alcobaça, no Mosteiro da Batalha, no Mosteiro dos Jerónimos, no Museu Monográfico de Conimbriga - Museu Nacional, no Panteão Nacional e na Torre de Belém, que encerram no seu horário habitual.

 

 

dia-museus2017d.jpg

 

http://icom-portugal.org/

 

 

Programa Geral:

 

  •  Dia Internacional dos Museus - 18 Maio 2017

Consultar aqui

 

  • Noite Europeia dos Museus - 20 Maio 2017

Consultar aqui

 

Sugestões:

 

  • Dia e Noite dos Museus | Capte o Indizível e partilhe #captaroindizivel

 

No dia 18 de Maio - Dia Internacional dos Museus e no dia 20 de Maio, Noite Europeia dos Museus, Capte o Indizível e partilhe #captaroindizivel !

 

A Direção-Geral do Património Cultural, através do seu Instagram #insta_patrimoniocultural, lança o desafio a todos os que participarem nas inúmeras actividades que celebram o Dia Internacional dos Museus (18 de Maio) e a Noite dos Museus (20 de Maio), sob o tema "Museus e Histórias Controversas. Dizer o Indizível nos Museus", para partilharem imagens ou vídeos com a hashtag #captaroindizivel

 

 

 

 Museu Soares dos Reis, Porto

https://www.facebook.com/MuseuNacionalSoaresReis

 


A Cidade Global representa a Era dos Descobrimentos portugueses, século XVI, onde a importação e comercialização de mercadoria era intensa.

 

A exposição conta com cerca de 200 peças e quer levar os visitantes à descoberta do período renascentista em Portugal.


O MNSR vai acompanhar a Cidade Global com um plano de actividades, "Novidades que os Portugueses trouxeram à Europa", a divulgar em breve.

 

 

 

Museu Nacional da Música

 http://www.museudamusica.pt/

 

Museu Nacional da Música:  O Museu Nacional da Música associa-se às celebrações, com uma programação diversificada que pode consultar aqui

 

Entrada livre

 

No âmbito da celebração da Noite Europeia dos Museus, o museu lançou um convite a todos os que contribuíram para a campanha pública de angariação de fundos, para participarem numa festa de dança no jardim, das 18:00 às 12:00pm.

 

No âmbito da celebração da Noite Europeia dos Museus, o museu inicia A Noite no Museu Nacional da Música com um concerto de um músico português de carreira internacional e encerra com o já tradicional Quiz Musical.

 

Pelo meio, uma visita às zonas reservadas do Museu e o quarteto de indie pop, Vaarwell, que tem chamado a atenção de alguma imprensa nacional e internacional.

 

Entrada livre.

 

 

 

Museu Machado de Castro, Coimbra

http://www.museumachadocastro.pt/

 

  •  Museu Machado de Castro: O Museu Machado de Castro convida a comemorar o Dia  Internacionacional dos Museus e Noite Europeia dos Museus participando nas actividades prepadas para dias 18,19.20 Maio. 

     

     

     

    Entrada gratuita

 

 

Ciência Divertida no Museu por MiniBioqs

http://www.museumachadocastro.pt/

 

  • 'Ciência Divertida no Museu' por MiniBioqs: Nas últimas sextas-feiras de cada mês o Museu Nacional Machado de Castro em parceria com os MiniBioqs, grupo voluntário de estudantes de Bioquímica da UC sob a coordenação de uma professora da Licenciatura, fará experiências lúdico-científicas ligadas à conservação das peças do Museu tendo como público-alvo crianças e jovens.

 

Para cuidar do Património Cultural que é de todos, a cultura e a ciência dão, assim, as mãos na descoberta dos porquês de muitos fenómenos que diariamente acontecem e danificam esse mesmo património.

 

Próxima actividade:

 

Dia 26 Maio, das 10:00-17:00 horas

 

Cabe às escolas e seus professores seleccionar os museus e actividades que melhor se adaptem aos interesses pedagógicos e culturais dos seus alunos.

 

Os alunos apreciam visitas de estudo ligadas ao património cultural e adquirem competências que muito enriquecerá os currículos escolares, bem como a sua vivência cívica e cultural.

 

 

A Professora GSouto

 

18.05.2017

 

Licença Creative Commons

Sabe o que é Mecanismo de Antikythera ? Falemos de arqueologia !

 

doodle-antikythera-mechanisms-discovery.jpg

 

115º aniversário da descoberta do Mecanismo de Antikythera

https://www.google.com/doodles/

 

Foi hoje, dia 17 Maio 115 anos que arqueólogo grego Valerios Stais, ao analisar alguns artefactos de um barco romano naufragado que tinha sido encontrado dois anos antes,isto é em 1900, descobriu algo inédito: a máquina de Anticítera.

 

Nesta terça-feira assinalam-se portanto 115 anos (1902) da revelação dessa máquina misteriosa. Google dedica um Doodle que se apresenta na página de entrada do motor de busca em muitos países. Não é caso de Portugal.

 

Considerado por alguns cientistas como o "primeiro computador da história" ou o "computador primitivo", há indícios de que o objecto tem mais de 2 000 anos e fez parte do calendário e calculadora analógica astronómica dos Gregos, possivelmente criada pelo inventor Arquimedes.

 

 

 

Mecanismo de Antikythera

https://en.wikipedia.org/

 

Biografia:

 

Valerios Stais foi um arqueólogo grego. Stais nasceu em Kythera. Estudou medicina e depois arqueologia.

 

Foi director do Museu Arqueológico Nacional de Atenas em 1887 e manteve nesse cargo até sua morte em 1923.

 

Saber +

 

Em 1902, o arqueólogo grego Valerios Stais, ao analisar alguns artefactos de um barco romano naufragado, que tinha sido encontrado dois anos antes, descobriu algo inédito: a máquina de Anticítera. 

 

Quando começou a estudar os objectos do naufrágio romano, Stais apercebeu-se de uma peça intrigante de bronze que parecia uma roda ou engrenagem.

 

 

 

Mecanismo de Antikythera, Fragmento A (parte posterior)

https://en.wikipedia.org/

 

Stais, arqueólogo responsável pelo objecto, estranhou o tamanho diferente das suas engrenagens.

 

 

Apesar de parecer uma engrenagem, ou uma roda antiga, após anos de estudo, os investigadores consideram aquele objecto fazia parte da máquina de Anticítera, um mecanismo ancestral que auxiliava na navegação.

 

 

mecanismo2.jpg

 

Objectos arquiológicos encontrados

pelo arqueologista  Valerios Stais

https://en.wikipedia.org/

 

 
 Ir + longe:
 
 

A máquina de Anticítera predizia as localizações dos planetas, previa eclipses solares e lunares para fins astrológicos e de calendarização.

 

Indicava ainda a data dos Antigos Jogos Olímpicos. Acredita-se que tenha também sido utilizada como objecto de auxílio na navegação e mapeamento.

 

O mecanismo, que foi inicialmente direccionado para o ano 85 A.C., pode ser mais velho do que se pensava. Estudos mais recentes sugerem que este pode mesmo ter sido criado no ano 150 A.C.

 

 

 

Representação esquemática da engrenagem do mecanismo de Antikythera,

https://en.wikipedia.org/

 

Uma representação esquemática da engrenagem do mecanismo de Antikythera, incluindo a interpretação publicada 2012 da engrenagem existente, engrenagem adipcionada às funções conhecidas completas, e propôs a engrenagem para realizar funções adicionais, a saber ponteiro real do sol e ponteiros para os cinco planetas então conhecidos, como Proposta por Freeth e Jones, 2012.

 

Baseado igualmente em um desenho semelhante proposto por Freeth 2006 e Wright 2005.

 

 

 

 

Movido a manivela, o dispositivo era muito avançado para a sua época. Os investigadores afirmam que o sistema é tão complexo como os relógios do século XVIII.

 

Muitos até lhe chamam primeiro computador analógico de que há registo no mundo. Um dia especial. já que hoje se celebra o Dia Mundial da Internet.

 

Actualmente, a peça pode ser encontrada no Museu Arqueológico Nacional de Atenas, Grécia. O mecanismo de Antikythera continua a ser estudado por historiadores para revelar funcionamentos internos utilizados há 2 000 anos atrás.

 

Actividades:

 

  • Pesquisa elaborada pelos alunos sobre o mecanismo de  Antikythera, desde a sua descoberta até à actualidade;
  • Visionamento do vídeo inserido neste post (língua inglesa) e posterior debate;
  • Curto estudo da biografia de Valerios Stais;
  • Possível ligação com os descobrimentos portugueses. 
  • Projecto transcurricular : Língua Portuguesa, História, Geografia, Tecnologias.

 

A Professora GSouto

 

17.07

Salvador Sobral : o cantor jazz que venceu Eurovisão 2017 !

 

 

 

Salvador Sobral no Festival Eurovisão

créditos: Getty Images

http://observador.pt/

 

'Se um dia alguém, perguntar por mim
Diz que vivi para te amar'

 

Salvador Sobral cantou e todos nós estivemos diante do ecrã perfeitamente encantados. Mesmo aqueles que não perdiam tempo com este festival há alguns anos. Eu que nunca liguei muito ao Festival, este ano não perdi. A canção é linda e o Salvador representa muito daquilo em que acredito como boa música e como pessoa. Um imenso talento, numa simplicidade quase pueril.

 

E não fomos só nós. Todos fizeram silêncio para escutar o poema feito de palavras que já sabemos de cor e cantarolamosos com ele. Mas até as pessoas que lá estavam e não percebem a nossa língua ficaram em silêncio e o aplaudiram vivamente no final. 

 

Mesmo sem conseguirem perceber o poema-letra da canção e sua musicalidade fizeram com que Salvador Sobral fosse considerado um dos mais favoritos.

 

 

 

Salvador Sobral no Festival Eurovisão

créditos: Getty Images

https://www.rtp.pt/noticias/cultura/

 

Desligaram-se as luzes e o público ligou os telemóveis para iluminar o único intérprete que cantou na sua língua, e o único que não cantou no enorme palco, mas sim num pequeno círculo no meio dos espectadores. 

 

Todos fizeram silêncio para escutar a única canção cantada em português. Todas as outras 17 canções, apenas esta não foi em inglês.

 

 

 

 

 

Em 18 canções, apenas Amar pelos Dois, música e poema de sua irmã Luisa Sobral, foi interpretadana língua materna, no meio do público, de forma magistral, plena de sensibilidade.

 

Em 18 canções, poucas foram as que trouxeram alma. Tudo foi luzes, efeitos visuais, espetacularidade para encher os olhos.

 

E, num festival cujo lema da edição 2017 é a Celebração da Diversidadepoucas canções não foram apenas exemplos de pop comercial e muito fogo de artifício.

 

Salvador Sobral fez um percurso desde muito jovem no mundo da canção. Participou en vários festivais na televisão, como 'Idolos' e outros semelhantes, até que iniciou o seu próprio caminho, enveredando pelo jazz. É do jazz que eu conheço Salvador Sobral. 

 

 

 

 

 

 

Foi no programa 5 para a Meia Noite que Salvador apresentou o seu tema Excuse Me em 2016. E logo aí, passei a segui-lo nas redes sociais.

 

E com grande alegria já o ouvi cantar ao vivo este ano, num concerto da sua irmã Luisa Sobral na Casa da Música no passado mês de Fevereiro. E adorei.

 

Tem uma sonoridade linda, faz da voz um instrumento de plena liberdade de improvisação que o jazz lhe permite.

 

 

 

 

Salvador Sobral no Festival Eurovisão

créditos: LUSA

http://www.tvi24.iol.pt/musica/

 

 

A final de sábado vai ser disputada por representantes de 26 países: os 20 qualificados nas semifinais, entre os quais Portugal, os denominados “cinco grandes” (França, Itália, Alemanha, Espanha e Reino Unido) e a Ucrânia, o país anfitrião.

 

Salvador Sobral qualificou-se para a final da Eurovisão. Espectadores e comentadores por toda a Europa (e Austrália) continuam de olhos postos neste português que canta com alma.

 

Nacionalismos à parte, Salvador Sobral merece estar na final por tudo isto. Salvador Sobral, estamos todos com ele! 🇵🇹 🎤

 

 

 

 

Salvador Sobral na Final Eurovisão 2017

créditos: Eurovison Song Contest

https://eurovision.tv/story/2017-winners-press-conference

 

 

Salvador Sobral, vencedor do Eurovisão2017 !

 

Quantos eram hoje na final do Eurovisão? Vinte e seis finalistas. Salvador Sobral chegou com Amar pelos Dois e... ganhou. 

 

A canção que era classificada de "não festivaleira" conquistou os jurados de 41 países e o televoto. Esteve sempre a ganhar. E ganhou! 

 

Nem Salvador queria acreditar. A sua ingenuidade e transparência viam-se estampadas nos seus olhos.

 

 

 

 

Salvador Sobral, músico intérprete

Luisa Sobral, compositora música & letra

créditos: EPA/Sergey Dolzhenko

http://www.dn.pt/artes/

 

 

"Sei que estas coisas são muito efémeras mas sinto que é um bom passo que tenham gostado tanto desta canção com tanto conteúdo melódico e harmónico. Talvez nos faça pensar em trazer canções com mais significado para a Europa"

 

Salvador Sobral, conferência imprensa

 

 

 

 

 

Actividades:

 

Por que não fazer uma versão de Amar pelos Dois? A canção interpretada por Salvador Sobral foi cantada por crianças espanholas no interior de uma sala de aula, em Cádiz, Espanha.

 

Viram como os alunos interpretaram o tema sem necessitarem de nenhum cábula ou apoio visual? Lindo!

 

Mas há já outras interpretações de escolas europeias a cantar em português. Wow!

 

Com apoio dos professores curriculares de Língua Portuguesa e Educação Musical façam a vossa versão.

 

As escolas de Música poderão fazer muito mais. Salvador Sobral será, sem dúvida, um exemplo de boa música feita e interpretada por jovens. E em português.

 

 

Parabéns Salvador 🎤

 

 

A Professora GSouto

 

10.07.2017

 

actualização : 13.05.2017

 

 

Licença Creative Commons

 

 

Mini-conferência : Teatro Maria Matos, para jovens curiosos

 

 

 

http://img.obsnocookie.com/

 

 

Há uma miní-conferência para miúdos muito curiosos no Teatro Maria Matos. Tem lugar de 4 a 6 Maio 2017.

 

Vai falar de Utopia, o tema que mais nos tem desassossegado neste ano. É possível explicar o que é a utopia a crianças? Como se faz? Será que conseguimos juntar um conteúdo tão específico à forma de arte quase perfeita para o exemplificar?

 

 

Saber +

 

Este é o desafio. Através de uma série de teatro-conferências ancoradas no universo da não-ficção, os oradores-artistas vão procurar apresentar o mundo e os seus discursos ao público mais jovem.

 

Conceitos complexos e assuntos difíceis com que nos cruzamos no dia-a-dia serão habilmente desconstruídos. Tudo isto, como sugere Marcel Proust, porque se quer que a grande viagem da descoberta nos leve a ver antigas e novas paisagens com um olhar curioso. E, assim, velhas interrogações se tornam novas.

 

conf-infant.jpg

 

http://www.teatromariamatos.pt/

 

Não há projectores, slides, comando para os passar ou um palco com lugar de destaque. Haverá uma mesa, um sofá, um sumo de laranja, uns pés de extraterrestre, um orador e uma plateia desassossegada com muita imaginação.

 

Estes os elementos necessários para que a primeira conferência para miúdos curiosos, do Teatro Maria Matos, aconteça e dê resposta à questão:

 

O que é a utopia?

 

utopia-thomas-more.jpg

 

Utopia/ Thomas More

edição juvenil

tradução:  Nílson José Machado & jovem leitor

http://www.extra.com.br/livros/

 

 

Ir + longe:

 

Tentar explicar a crianças que este conceito se traduz numa ideia de civilização ideal, imaginária, ou um sonho de algo que se gostaria muito que acontecesse; e que um dia um escritor, Thomas More, inventou uma ilha chamada utopia e escreveu um livro que é um manifesto para um mundo melhor, não é assim tão simples.

 

É preciso sonhar com uma vida melhor para todos, como na ilha de Utopia, fruto da capacidade de sonhar de Thomas More.

 

Apresentadores:

 

André Leonor, professor de Psicologia e Filosofia, com o apoio dramatúrgico de Maria Gil, vai levar os jovens conferencistas/ espectadores, a partir dos oito anos por uma viagem pela imaginação, para desconstruir e compreender o que é a Utopia.

 

De forma simples, adaptada ao nível etário dos jovens participantes, esta mini-conferência vai assim decorrer. Com acessórios e de personagens reais ou imaginários, "aproximam-se conceitos tidos como complicados de realidades próximas das crianças."

 

 

conf-infant3.jpg

 

 

Alice in Wonderland

150 Anos publicação do livro

Lewis Carrol

https://gsouto-digitalteacher.blogspot.pt/2016/

 

Por exemplo, durante a conferência, na t-shirt do orador André vai estar ilustrada uma das cenas do filme Alice no País das Maravilhas,  o momento em que Alice se encontra com o gato de Cheshire:

 

 

Alice: “Sabes qual o caminho que devo escolher para sair daqui?”


Gato: “Isso depende do sítio onde queres chegar.”


Alice: “Não me importo muito para onde vou, quero mesmo é sair daqui…”


Gato: “Então não importa o caminho que escolhas.”

 

 

conf-infant4.jpg

 

Alice no País das Maravilhas

eidção livro impresso 

https://www.bl.uk/works/alices-adventures-in-wonderland

 

 

É através deste diálogo que André Leonor vai tentar transmitir a ideia de que “a utopia é um sonho especial que orienta e ajuda a escolher um caminho” e que “esta ajuda para se saber para onde se quer ir chama-se utopia”.

 

Além deste momento, vão ser expostas ao público situações que o orador gostava que acontecessem; e outras que os jovens prticipantes sonham e gostariam que acontecessem.

 

Haverá também espaço para recordar pessoas que um dia imaginaram objectos ou eventos que pensavam ser impossíveis, como o paraquedas que um dia Leonardo Da Vinci esboçou; e um espaço para que os mini conferencistas participem e interajam com os elementos da conferência.

 

 

http://www.teatromariamatos.pt/

 

 

Informações úteis:

 

Local: Teatro Maria Matos / Sala de Ensaios

 

Público: crianças e jovens + 8 anos

 

Horários: 4 a 7 Maio 2017

 

Semana: 10:00 horas; Sábado: 16:30 horas; Domingo: 11:00 horas/ 16:30 horas

 

Duração: 30 minutos

 

Preço: 2€

 

Actividades: Escolas e famílias

 

 

A Professsora GSouto

 

03.05.2017

 

Licença Creative Commons

 

 

Referências: Teatro Maria Matos/ Observador 

Ler para saber : Livros sobre 25 Abril

 

 

abril25-andré-carrilho.jpg

 

25 de Abril

cartoon: André Carrilho

http://www.dn.pt/

 

 

De mãos é cada flor cada cidade.
Ninguém pode vencer estas espadas:
nas tuas mãos começa a liberdade.

 

Manuel Alegre, As Mãos (excerto)

 

Foi há 43 anos que a liberdade se fez em Portugal. Se perguntarmos aos jovens estudantes quem descobriu a Índia ou o Brasil estarão informados, pois é inquestionável o papel da escola e da literatura na transmissão desse saber e desse imaginário.

 

 

abril25d.jpg

 

slideshare aluna 11º ano

Francisca Silva, 2014

https://pt.slideshare.net/

 

 

"Todavia, se perguntarmos sobre 25 Abril de 74 poucos saberão da importância deste acontecimento da História de Portugal que tanto contribuiu para a mudança e para a evolução quer do ponto de vista da condição humana, quer do ponto de vista social."

 

Maria Manuela Cruzeiro/ Augusto José Monteiro

 

 

abril25-cravos1.jpg

 

slideshare aluna 11º ano

Francisca Silva, 2014

https://pt.slideshare.net/

 

E qual a simbologia do cravo ligada a este dia 25 Abril? Há várias versões, mas uma delas pode ser esta.

 

Mas está  nos livros. Faz parte, naturalmente, da nossa história. E, nem que seja só por isso, tem de ser estudada.

 

Deixo então uma sugestão de leitura: Vinte Cinco a sete vozes de Alice Vieira. Já tinha falado neste livro quando dediquei um post aos 30 Anos de livros de Alice Vieira.

 

 

vinte-cinco-sete-vozes.jpg

 

Vinte Cinco

a sete vozes

Alice Vieira

edições Caminho

 

 

Sinopse:

 

Que foi que aconteceu no dia 25 de Abril de 1974? Aparentemente a resposta é fácil. Mas só aparentemente, pois tudo vai depender da idade que têm os que a ela respondem... Para os mais novos, aqueles a quem 1974 é a Pré-História, 25 de Abril, 10 de Junho, 5 de Outubro ou 1.º de Dezembro é tudo o mesmo, ou seja, é feriado e isso é que importa. Mas para os mais velhos, as coisas não são assim tão simples.

 

Do conjunto de sete vozes diferentes se faz esta história - com um final feliz, já que a liberdade também se pode festejar de mãos dadas num centro comercial da cidade...

 

Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura para o 6º ano: leitura orientada na sala de aula. Grau de Dificuldade III, currículos de Língua Portuguesa.

 

 

abril25g.jpg

 

A Flor de Abril

uma história da revolução dos cravos

Pedro Olavo Simões 

ilustrações: Abigail Ascenso

http://www.fnac.pt/

 

Sinopse:

 

Um pai, pintor, busca na memória as respostas à curiosidade do filho, que viu um cravo desenhado sobre o cano de uma espingarda.

 

Com a simplicidade dessa conversa a dois, vemos como Portugal despontou para a liberdade numa madrugada de 1974. 

 

O livro conta a história de um quadro pintado numa oficina iluminada por 37 anos de liberdade. A flor no cano de uma espingarda que o pai de João imortaliza no quadro que pinta, explica aos mais novos como um cravo vermelho no cano de uma espingarda se fez símbolo da alvorada de um novo Portugal.

 

Nível etário: 8-12 anos.

 

 

abril25-livro.jpg

 

25 de Abril

Revolução dos Cravos

História de Portugal

Paula Cardoso Almeida
ilustrações: Carla Nazareth, Patrícia Alves & Miguel Gabriel
Quidnovi, 2008

http://bibliofiliajsd.blogspot.pt/

 

Sinopse: 

 

Numa colecção de História de Portugal, este livro centra-se na narrativa da Revolução de Abril propriamente dita, consequência quase natural de várias décadas de opressão, censura, pobreza e guerra colonial.

 

 

abril25-livro1.jpg

 

 História de uma flor

Matilde Rosa Araújo

ilustração: João Fazenda

edições Caminho

https://www.wook.pt/

 

Sinopse:

 

«Nas ruas havia flores vermelhas por toda a parte. No peito das mulheres, dos homens, nos olhos das crianças, nos canos silenciosos das espingardas. Nem era uma guerra, nem uma festa. Era o mundo de coração aberto.»

 

Livro de Matilde Rosa Araújo, publicado em 1983 na colectânea A Velha do Bosque, editado autonomamente em 2008, com ilustrações de João Fazenda. A autora cruza a dimensão simbólica com a histórica, criando uma metáfora particularmente expressiva da libertação ocorrida em Portugal a seguir ao 25 de Abril. 

 

Um livro que é um poema à beleza e à liberdade. Ganha nova dimensão nesta edição autónoma, exemplarmente ilustrada.

 

Disponível em versão impressa e ebook

 

Nível etário: infantil

 

Não devemos descurar a partilha de uma 'memória histórica', que passa testemunhos mais autênticos.  Passaram 43 anos sobre 'esse momento'.

 

“A história é como uma montanha que só de longe se pode admirar na sua grandeza e nos seus abismos”

 

Müller, citado por Torgal, 1989: 214

 

Aqueles que viveram os factos, e que ainda estão entre nós, conseguem revivê-los e reconstruí-los de uma forma mais precisa e eventualmente, já com alguma isenção, por se ter passado o tempo suficiente para sacudir o pó da excessiva emoção.

 

 A Professora GSouto

 

25.04.2017

 

 Licença Creative Commons

Dia Mundial do Livro & dos Direitos de Autor vs. Abolição Pena de Morte Portugal

 

 

 

 

Dia Mundial do Livro 2017

Faça da Leitura uma Causa de Vida

ilustração: Cristina Sampaio

http://www.dglb.pt/

 

A 23 de Abril celebra-se o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor. A data tem como objectivo reconhecer a importância e a utilidade dos livros, assim como incentivar hábitos de leitura nas crianças e nos adultos.

 

Os livros são um importante meio de transmissão de cultura e informação, e elemento fundamental no processo educativo.

 

 

 Miguel de Cervantes

http://purl.pt/

 

 Saber +

 

O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia desapareceram importantes escritores como Cervantes e Shakespeare, entre outros.

 

É assim prestada homenagem à obra de grandes escritores, como Shakespeare e Cervantes, falecidos em 22 e 23 de Abril de 1616, respectivamente.

 

O Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril.

 

 Ir + longe:

 

A ideia da comemoração teve origem na Catalunha: a 23 de Abril, dia de São Jorge. Nesse dia, uma rosa é oferecida a quem comprar um livro.

 

 

Sant Jordi

www.pinterest.com

 

Esta data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os cavaleiros ofereceriam às suas damas uma rosa vermelha de S. Jorge, e em troca um livro, testemunho das aventuras do heroico cavaleiro.

 

Google dedica hoje um Doodle que celebra St George, padroeiro do Reino Unido que aparece na página de entrada do motor de busca desse país.

 

 

 

Criança invisual lendo em Braille

https://www.ccmaine.org/

 

 

 Tema 2017

Este ano, o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor faz especial atenção às pessoas invisuais ou com limitações de visão.

 

Segundo a União Mundial de Cegos, aproximadamente uma pessoa em cada 200 - 39 milhões - são invisuais e 246 milhões têm visão muto reduzida. Estima-se que estas “pessoas com incapacidade visual” ou “pessoas com incapacidade para ler letra impressa” poder aceder a 10% de toda a informação escrita e obras literárias que as pessoas sem problemas visuais podem ler.

 

 

 Facto histórico: Abolição Pena de Morte em Portugal no Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

 

 

 

 

150º Aniversário Abolição Pena de Morte em Portugal

http://150anosdaabolicaodapenademorteemportugal.dglab.gov.pt/

 

Facto histórico: Abolição Pena de Morte em Portugal

 

O Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor celebra-se pois hoje, em todo o mundo, mas em Portugal a efeméride associa-se ainda a um facto histórico muito importante.

 

Celebram-se os 150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal (1867-2017).

 

 

 

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor 2017

http://www.municipio-portodemos.pt/

 

Talvez entendam melhor o cartaz desenhado pela cartoonista Cristina Sampaio (bem nossa conhecida) no qual se vê um carrasco a rejeitar o acto da morte para ler um livro.

 

Com um cartaz desenhado por Cristina Sampaio, no qual se vê um carrasco a rejeitar o acto da morte para ler um livro, incita-seassim à leitura e à celebração do livro como "um hino à vida" e, ao mesmo tempo, recorda que Portugal foi um dos primeiros países a abolir a pena de morte, no século XIX.

 

 

 

 

Carta de Lei

http://150anosdaabolicaodapenademorteemportugal.dglab.gov.pt/carta-de-lei/

 

Saber +

 

Portugal foi um dos primeiros países a inscrever no seu sistema legal uma lei de abolição da pena de morte para crimes civis, colocando-se na linha da frente dos países pioneiros do desiderato inspirador do filósofo milanês Cesar Beccaria. A dimensão do acto teve forte impacto no contexto europeu da época.

 

A Carta de Lei de Abolição da Pena de Morte em Portugal, documento do Arquivo Nacional da Torre do Tombo recebeu, no dia 15 de Abril de 2015, a distinção de Marca do Património Europeu.

 

Em 2017, e porque se comemoram os 150 Anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas quis relacionar o Dia Mundial do Livro com esta efeméride, incitando à leitura e celebrando o livro como um hino à vida .

 

O cartaz do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor pretende mostrar simbolicamente que o livro e a leitura são factores fundamentais para o crescimento económico, político, social e cultural, e que se encontram na base da cidadania plena.

 

Nota:

 

Não é que concorde com esta dicotomia que sob o ponto de vista visual, é o que atrai mais rapidamente o público infantil e juvenil. Não favorecerá o gosto pela leitura. É demasiado sombrio e confuso ao primeiro olhar. São as escohas de quem decide... mas é preciso descer ao nível etário que se pretende atingir. E o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor é dirigido a todos, mas com particular incidência aos leitores mais jovens.

 

Caberá então aos professores a integração adequada deste cartaz para motivar os alunos para o gosto da leitura.

 

 

Actividades:

 

No Dia Mundial do Livro decorrem várias acções de promoção dos livros e da leitura, organizados por livrarias, associações culturais, escolas, universidades e outras entidades.

 

  • Neste dia também se podem comprar livros a preço especial em várias livrarias.
  • Actos individuais: Leia hoje um livro ou excerto de livro a uma criança invisual ou a uma pessoa com deficiência visual.
  • Como complemento, informar-se sobre a abolição da pena de morte em Portugal. 

 

"Hoje, uma das tristes realidades é que pouquíssimas pessoas, em especial jovens, lêem livros. A menos que encontremos formas imaginativas de resolver esse problema, as futuras gerações arriscam-se a perder a sua história."

 

Mandela, discurso 2005

 

A Professora GSouto

 

22.04.2017

 

Licença Creative Commons

 

15ª Mostra da U.Porto : Informar, experimentar, descobrir

 

Mostra_UP2017a.jpeg

 

 

Mostra da U.P. 2017

https://noticias.up.pt/

 

Está a decorrer a nova Mostra da Universidade do Porto, no Palácio de Cristal. Informar, experimentar e descobrir, são as três palavras-chave da edição 2017 da Mostra da Universidade do Porto.

 

De 20 a 23 de Abril,a U.P. convida miúdos e graúdos a deslocarem-se até ao Pavilhão Rosa Mota para conhecer o que de melhor se faz na U.Porto.

 

Durante quatro dias, a UPorto mostra-se ao público com as suas catorze faculdades, uma escola de negócios (Porto Business School) e muitos dos mais importantes centros de investigação nacionais.

 

Saber +

 

À espera dos visitantes vão estar mais de uma centena de actividades interactivas de experimentação e demonstração científica, bem como a oportunidade única para esclarecerem dúvidas sobre os cursos da U.Porto e o acesso ao Ensino Superior.

 

 

Mostra_UP2017c.jpg

 

Mostra U.Porto 2017

Pavilhão Rosa Mota

créditos: U.Porto

https://universidadejunior.up.pt/

 

Na Mostra, os alunos do ensino básico e secundário poderão encontrar respostas a diversas questões, como saídas profissionais, plano de estudos, organização curricular ou simplesmente sobre o quotidiano académico.

 

Naquela que é a maior montra do trabalho realizado por toda a comunidade da U.Porto, estudantes, pais, professores vão poder assistir e participar em actividades que vão desde simulações de julgamentos a aulas práticas de desenho e de pintura, à possibilidade de jogar xadrez com um robô, passando pela procura de sinais de trânsitos planetários a partir de dados reais da missão Keppler, da NASA.

 

 

Estudantes na Mostra U.Porto 2016

https://www.mostra.up.pt/

 

Actividades:

 

Das mais de 100 actividades ao dispor, os visitantes da Mostra podem também interagir com o robô REDI, que vai andar a “passear” pelo recinto da Mostra ou ficar a saber como se produz etanol e qual o microrganismo utilizado para se fazer iogurte.

 

Haverá também uma piscina insuflável onde todos podem experimentar um jogo dinâmico, bem como as demonstrações de videojogos.

 

 

 

Mostra U.Porto

https://noticias.up.pt/

 

Durante quatro dias, cerca de 300 docentes, investigadores, técnicos e estudantes da Universidade do Porto mudam-se de “malas e bagagens” para o Pavilhão Rosa Mota, num evento que vai contar com a presença das 14 faculdades, da Porto Business School e de alguns dos mais reputados centros de investigação da U.Porto.

 

 

 

 

 

 Informaçoes úteis:

 

Actividades, Programa, e outros eventos podem ser consultados no site oficial da Mostra U:Porto 2017

 

Entrada: livre

 

Horários:

 

Quinta e sexta-feira das 10h00 às 19h00; Sábado das 11h00 às 20h00; Domingo das 11h00 às 19h00.

 

 

Mostra da U.P. 2017

https://noticias.up.pt/

 

Grupos escolares:

 

Devem preencher o Formulário de Inscrição disponível no site oficial. O restante público não carece de qualquer inscrição.

 

Estudantes, docentes e investigadores universitários estão à tua espera… Com a tua escola, amigos ou família, visita a Mostra U:Porto 2017

 

A Professora GSouto

 

20.04.2017

 

Licença Creative Commons

 

 

Dia Internacional dos Museus e Sítios : Património Cultural e Turismo Sustentável

 

 

dia-monum-sitios.jpg

 

 

Celebra-se hoje, dia 18 Abril, o Dia Internacional dos Museus e Sítios embora as actividades se tenham estendido de 16-17 Abril 2016 para aproveitamento do fim-de-semana.

 

Comemorado cada vez mais em Museus de todo o mundo, o Dia Internacional dos Museus tornou-se uma actividade cultural para todos, já que a entrada nos museus é gratuita.

 

Saber +

 

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (DIMS), foi criado pelo Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios (ICOMOS) a 18 de Abril de 1982, e aprovado pela UNESCO no ano seguinte, com o objectivo de sensibilizar os cidadãos para a diversidade e vulnerabilidade do património, bem como para a necessidade da sua proteção e valorização.

 

Celebrando o património nacional, comemora também a solidariedade internacional em torno do conhecimento, da salvaguarda e da valorização do património em todo o mundo.

 

 

 

Visita comentada aos painéis do pintor Almada Negreiros

https://www.facebook.com/Dia.Internacional.dos.Monumentos.e.Sitios/

 

 

Ir + longe:

 

 

O Dia Internacional dos Museus e Sítios  é agora um acontecimento europeu e mundial de grande tradição no mundo dos museus e data de 1977, por proposta do ICOM
 
O Conselho Internacional dos Museus (ICOM) criou este dia para sensibilizar o grande público sobre a importância dos espaços museológicos no desenvolvimento da sociedade.
 
 

Da América à Oceania, passando pela Europa, Ásia, e África, o Dia  Internacional dos Museus é um momento único para a comunidade dos museus a nivel mundial. Todos os anos é proposto um tema pelo ICOM.

 

Tema 2017: "Património Cultural e Turismo Sustentável."

 

Numa época de marcada globalização económico-cultural, de profundas transformações sociais e do aumento exponencial do número de turistas, a salvaguarda, estudo, interpretação e divulgação do património é um factor fundamental para a afirmação da diversidade cultural dos territórios e dos países, constituindo igualmente um elemento chave  para o reforço do conhecimento e do respeito entre os povos.

 

A DGPC promove a divulgação deste tema com a finalidade de celebrar os benefícios de uma relação saudável entre o turismo e o património cultural.

 

 

 

 

 

https://www.facebook.com/Dia.Internacional.dos.Monumentos.e.Sitios/

 

 

Actividades Portugal:

 

Este ano participam no Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, 670 entidadades, distribuídas por 176 concelhos do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, através da realização de cerca de 910 actividades dirigidas a diferentes públicos:

 

  • 406 Visitas guiadas/percursos orientados;
  • 94 Rotas patrimoniais/ itinerários culturais;
  • 85 Ateliês lúdicos/ oficinas pedagógicas/ workshops;
  • 59 Exposições;
  • 52 Encontros/ Conferências/ Seminários;
  • 50 Espectáculos artísticos,
  • 165 outras atividades.

 

"Essa função pode ser exercida em diferentes níveis, nomeadamente através da sensibilização das comunidades para o papel interventivo que podem desempenhar na conservação e valorização deste universo patrimonial tão vulnerável, e contribuir para minimizar a sua degradação ou até mesmo o seu aniquilamento."

 

 

 

Lugares Sagrados: Espaços e Caminhos

Centro de História da Arte e Investigação Artística da Universidade de Évora

https://www.facebook.com/Dia.Internacional.dos.Monumentos.e.Sitios/

 

 

Actividades:

 

Em cada país, é promovido, anualmente, um programa de actividades a nível nacional, cujo acesso, na grande maioria, é gratuito.

 

A DGPC promoverá a divulgação do programa nacional do DIMS 2017, procurando cativar cada vez mais participantes para estas comemorações.

 

  • As escolas terão certamente programado várias visitas de estudo para seus alunos, de modo a que estes possam ter acesso ao património cultural do seu país, num dia em que o acesso as todos os Museus e Sítios são gratuitos.
  • As escolas, com o apoio dos Professores de Artes programarão Actividades variadas para celebrar o tema 2017: "Património Cultural e Turismo Sustentável."

 

A Professora GSouto

 

17.04.2017

 

Licença Creative Commons

Pausa Páscoa : Algumas propostas de actividades !

 

 

http://www.dicasdeartesanatos.com.br/

 

Páscoa. As crianças e adolescentes andam em alvoroço. Sinónimo de liberdade, bom tempo, vida em família saída com amigos. 

 

E alguns até já pensam nas tradicionais doçarias da época: ovos de chocolate, amêndoas, pão-de-ló, e para muitos o tradicional folar.

 

 

pascoa2017.jpg

 

 
Saber +
 
 

A Páscoa é a maior festa da religião cristã. Cristãos do mundo inteiro festejam a Ressurreição de Cristo nos seus próprios ritos. Mas começou por ser uma festa pagã.

 

A data da Páscoa depende da primeira lua cheia da Primavera. A Páscoa celebra-se no próximo domingo, dia 16 de Abril, a seguir à primeira lua cheia da primavera que terá lugar na noite de 11 de Abril.

 

Não vou voltar a escrever sobre tradições, já o fiz em vários posts ao longo dos anos. Mas com férias da Páscoa, começam algumas dificuldades para as famílias para ocupar os tempos aulas livres.

 

páscoa-caça-ovos.jpg

 

 
Actividades de Páscoa: 
 
 
É interessante também notar que existe uma oferta cada vez mais alargada de instituições que organizam actividades para as férias e algumas delas bem interessantes. Embora, por vezes os preços possam ler elevados para muitas famílias. Há que saber procurar.
 
 
Não esquecer que há actividades familiares tradicionais que podem ser feitas em família ao fim-de-semana, como a caça aos ovos. É uma questão de procurar um lugar ao ar livre, pode até ser parque da cidade, e organizar uma caça aos ovos entre amigos dos filhos e seus pais.
 
 
 

pascoa-serralves.png

 

Arte e Natureza

Quinta de Serralves

https://www.serralves.pt/

 

Voltando às actividades organizadas por instituições. Não é bom que sejam actividades que funcionam quase como uma extensão da escola, com aulas ou formatos muito parecidos com os planos curriculares.
 
 
Não é isso que se pretende. Querem-se actividades de carácter lúdico com carácter de novas aprendizagens para a vida.
 
 
Prefiram, portanto, programas que põe as crianças à prova, que lhes propõem desafios diferentes daqueles que eles estão mais habituados.
 
 
Propostas de alguns programas:
 
 
 
Uma experiência que junta Arte e Natureza. Actividades que motivam aprendizagens que valorizam a curiosidade e a criatividade, tendo como ponto de partida o contacto com a arte e a natureza.
 
As oficinas têm um caráter lúdico e pretendem estimular a experimentação e a vivência em grupo.
 
 
Nível etário: 4-12 anos.
 
*Não gratuito.
 
 

 

Férias com Ciência/ A Ciência dos Super-Heróis

http://www.pavconhecimento.pt/

 
 
Pavilhão do Conhecimento - A ciência dos super-heróis.
 
 
Batman, Homem-Aranha, Hulk, Mulher Invisível ou Super Homem. Esta Páscoa, os jovens vão poder ser o super-herói que quiserem no Pavilhão do Conhecimento. Nestas férias, vamos explorar a ciência para quem gosta de histórias aos quadradinhos.

Descobrir como voam ou saltam pelos ares, o que dá força aos seus músculos são alguns dos desafios para os mais pequenos.

Vamos ainda construir foguetões e desafiar as leis da gravidade, treinar como ninjas aplicando com mestria as Leis de Newton, criar gadgets, lançar projécteis, testar a resistência das teias, construir um hovercraft e aprender como os vegetais nos podem dar mais força e energia.
 
 
Data: 10 a 13 de Abril.
 
Nível etário:  6 - 12 anos.
 
* Não gratuito.
 
 

pascoa-museu.JPG

 

News Museum

créditos: Leonardo Negrão/ Global Imagens

http://www.dn.pt/

 

 
 
Uma viagem ao mundo das notícias. Viagem através dos Media, Jornalismo e Comunicação com um significante valor educativo.
 
 
A experiência do NewsMuseum tem valor educativo tanto para jovens dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico e Ensino Secundário como para estudantes do Ensino Superior. 

 

Os jovens podem fazer o download da app NewsMuseum, que serve como “Behind the Scenes” e permite complementar as informações disponíveis sobre as diversas áreas temáticas.

 

Uma experiência bilingue, com todos os conteúdos disponíveis em português e inglês.

 
 Nível etário : 12-17 anos
 
 

pascoa-gaia1.jpg

 

 

O Corpo Humano : Sistemas de Vida

http://www.gaiashopping.pt/

 

 
 
 
Uma Exposição interactiva sobre o corpo Humano Sistemas de Vida. Integrado no projecto 'Animação de A a Z', a exposição inclui um conjunto de actividades lúdico-didáticas dirigidas principalmente a crianças e pré-adolescentes. 
 
 
"Esta iniciativa pretende ajudar a mostrar o que os nossos olhos não podem ver e a complexidade que se esconde para lá da nossa pele, explicando o funcionamento do nosso corpo, e ainda educar e alertar, de forma divertida, para a necessidade da criação de boas práticas e rotinas desde pequeno, de forma a manter um corpo saudável e uma vida sã."
 
 
A exposição Sistemas de Vida vai estar no Piso 0, Praça Central, do GaiaShopping, de 15 de Março a 17 de Abril, das 10h e as 21h.
 
 
Nível etário: 5 -12 anos.
 
Entrada livre
 
 

pascoa-caca.jpg

 

 
 
 

A Girafa pôs um Ovo?!


Será que as Girafas põem ovos?  E onde mora a Girafa da Alfândega? Que amigos costumam descansar sobre o seu pescoço?

 

O Museu Transportes e Comunicações convida para uma Caça aos Ovos de Páscoa que a Girafa escondeu um pouco por todo o Edifício da Alfândega.

 

Passo a passo, ovo a ovo descobrem-se salas imensas, painéis históricos, caves húmidas e misteriosas, um contentor moderno, objetos comunicantes, tesouros que o Capitão Nortada escondeu há muito e que descobrirás nesta fabulosa aventura.

 

Data:  5, 6, 7, 11,12,13 e 18 Abril

 
*Preço: Solicitar informações
 
 
 

 

HipHop/ It's Easter Time

http://www.hardrock.com/cafes/lisbon/pt/

 
 
 
Hard Rock Cafe Lisboa convida para um pequeno-almoço do Coelho da Páscoa! Pequeno-almoço na companhia de uma personagem especial: o Coelho da Páscoa.
 

Miúdos e graúdos vão poder deliciar-se com um pequeno-almoço muito original, tirar fotografias com o energético Coelhinho, fazer pinturas faciais e descobrir os inúmeros ovinhos que se escondem pelo HRC.

 

Reúna a família, fuja da rotina e assinale esta data mágica com “um coelhinho de que tudo é capaz”. Embarque nesta viagem doce e colorida e faça desta Páscoa uma Páscoa memorável!

 

Dias 9 e 15 de Abril, entre as 9h30 e as 11h30, HardRockCaffe de Lisboa proporcionará uma manhã recheada de surpresas a toda a família.
 
*Pré-reserva obrigatória
 
 
Bom! Outras haverá. O que é necessário é imaginação e o arrojo de propor coisas diferentes aos nossos jovens. Claro que, se for possível, os Pais também devem participar.
 
 
A Professora GSouto
 
 
08.04.2017
 
 
 Licença Creative Commons